Menina de 13 anos salva 8 vidas com doação recorde de órgãos

A doação de órgãos da jovem Jemima Layzell, de 13 anos, estabeleceu um novo recorde na Inglaterra, segundo autoridades do país: foram salvas oito vidas, incluindo as de cinco crianças.

Jemima Layzell, uma adolescente de Somerset, no Reino Unido, morreu em 2012 com um aneurisma cerebral, mas o seu contributo para que haja hoje oito pessoas vivas só foi revelada esta semana pelo sistema de saúde britânico, NHS.

O coração, pâncreas, pulmões, rins, intestino e fígado da jovem foram doados, tendo sido transplantados para diversos pacientes em risco de vida, que aguardavam orgãos.  O Departamento de Sangue e Transplantes do NHS assegura que, antes de Jemima Layzell, nenhum outro dador tinha ajudado tanta gente.

Jemima sofreu um desmaio enquanto ajudava a organizar a festa do 38º aniversário da mãe. Quatro dias mais tarde, morreu no Hospital Infantil de Bristol, na Inglaterra, com um aneurisma cerebral – um nódulo num vaso sanguíneo no cérebro, causado por uma fragilidade numa das paredes.

O seu coração, intestino delgado e pâncreas foram transplantados para três pessoas diferentes, enquanto outras duas pessoas receberam os rins. O fígado foi dividido em dois e transplantado para outras duas pessoas, e os dois pulmões foram transplantados para o mesmo paciente.

Em média, uma doação é usada em cerca de 3 transplantes, pelo que o número de 8 vidas salvas é muito incomum.

(dr) família Layzell

A doação de órgãos de Jemima salvou cinco crianças

Uma menina especial e única

Os pais lembram-se de Jemima como uma menina inteligente, carinhosa e criativa. “Temos a certeza de que ficaria muito orgulhosa do seu legado”, disseram.

A mãe de Jemima, Sophy Layzell, professora de teatro, e o pai, Harvey Layzell, director de uma empresa de construção civil, explicam que sabiam que a menina queria ser dadora porque falaram com ela sobre o assunto, algumas semanas antes da sua morte.

O tema surgiu depois de um conhecido da família ter morrido num um acidente. “A pessoa que morreu estava registada como dadora, mas devido às circunstâncias de sua morte, os seus órgãos não puderam ser usados”, recorda Sophy.

Jemima nunca tinha ouvido falar de doação de órgãos e achou isso estranho, mas percebeu quão importante era”, acrescentou.

A mãe confessa que a decisão de doar os órgãos da filha foi difícil, mas era a escolha correta. “Qualquer um de nós quer que o seu filho seja especial e único, e termos decidido doar os órgãos de Jemima faz-nos sentir muito orgulhosos dela”, disse a mãe.

“Pouco depois da morte de Jemima, vimos um programa na televisão sobre crianças à espera de um transplante de coração”, recorda Sophy Layzell. “E isso fez-nos perceber que dizer não seria negar a oito pessoas uma hipótese de vida”.

“Especialmente o coração dela, a certa altura Harvey sentia-se desconfortável de o doar, mas depois de ver o programa, soubemos que era a decisão correta“, conclui.

(dr) família Layzell

A família de Jemima (dir) criou uma fundação com o seu nome para promover a doação de órgãos

Os pais de Jemima acreditam que é muito importante conversar com as crianças sobre a doação de órgãos. Com a ajuda da irmã de Jemima, Amelia, hoje com 17 anos, fundaram e coordenam a The Jemima Layzell Trust, uma ONG que ajuda jovens com danos cerebrais e promove a doação de órgãos.

“O instinto de qualquer pai é dizer não, estamos programados para proteger os nossos filhos e preservar intacta a memória que temos. Foi a nossa conversa inicial com Jemima sobre o assunto que nos fez perceber que tínhamos que dizer sim“, explica o casal.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Duterte quer ser morto a tiro caso se torne um ditador

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, pediu para os militares o matarem a tiro caso tencione violar a Constituição e resolva permanecer no cargo mais do que o seu mandato lhe permite. "Caso permaneça no poder …

"The Shape of Water" lidera corrida aos Óscares com 13 nomeações

O filme "The Shape of Water" lidera as nomeações da 90.ª edição dos Óscares, que serão entregues a 04 de março, em Los Angeles, incluindo as categorias de Melhor Filme, Melhor Realização e Melhor Atriz, …

Queda de helicóptero da TV Globo faz duas vítimas mortais

Um helicóptero da Rede Globo caiu, esta terça-feira, na Praia do Pina, no Recife, provocando duas vítimas mortais. Um helicóptero da TV Globo caiu esta terça-feira na praia do Pina, em Boa Viagem, na zona sul …

Tribunal de Beja pediu exame psiquiátrico a um morto

A Directora de Psiquiatria do Hospital de Beja nem queria acreditar quando recebeu do tribunal da cidade uma solicitação para realizar uma perícia médico-legal psiquiátrica a um morto. "Obviamente, não é possível", foi a resposta. Ana …

Erupção violenta no vulcão Mayon pode estar iminente. 40 mil pessoas procuram abrigo

O monte Mayon, o vulcão mais ativo das Filipinas, continuou esta terça-feira a emitir lava e cinzas, obrigando cerca de 40 mil habitantes a procurar abrigo em centros de evacuação. A lava foi projetada até 700 …

Polícia quer enviar cães pisteiros à Casa dos Horrores para procurar cadáveres

A polícia norte-americana quer enviar cães pisteiros nas novas buscas à casa do casal Turpin, acusado de ter mantido em cativeiro durante vários anos os seus 13 filhos, em Perris, na Califórnia, para procurar eventuais …

Portugueses fogem da Venezuela e refazem a vida em Madrid

Madrid é uma cidade de refúgio de muitos luso-venezuelanos, principalmente jovens da segunda e terceira geração de emigrantes portugueses, que falam melhor castelhano e que tiveram de sair da Venezuela. "Viemos para Madrid devido à situação …

Corrida para evitar a nova lei já esgotou os eucaliptos nos viveiros

A semente de eucalipto mais recomendada pelas celuloses, por crescer mais depressa, está esgotada nos viveiros devido à corrida dos proprietários que tentam fazer novas plantações antes da entrada em vigor da nova lei que …

"Tinham que meter Manuel Vicente no processo"

Orlando Figueira, o ex-procurador do Ministério Público (MP) acusado de ter recebido subornos de Manuel Vicente, o ex-vice-presidente de Angola, negou todas as acusações de que é alvo. Em tribunal, Figueira ilibou Manuel Vicente e …

Nem escondido num porta-bagagens Puigdemont vai poder regressar a Espanha

Espanha montou um sistema de vigilância para assegurar a prisão do líder independentista Carles Puigdemont no caso de este tentar regressar à Catalunha, mesmo que tente voltar escondido num porta-bagagens. O ministro da Administração Interna espanhol, …