Médicos alemães ficam mais seis semanas em Portugal. França envia profissionais para o Garcia da Orta

Giuseppe Lami / EPA

A equipa clínica alemã, formada por 26 profissionais de saúde, que chegou a Portugal no início de fevereiro para ajudar a combater a pandemia, vai permanecer no país por mais seis semanas, anunciou esta sexta-feira a ministra da Defesa germânica.

A governante alemã Annegret Kramp-Karrenbauer utilizou a sua conta na rede social Twitter para revelar que a decisão foi tomada em concordância com os ministros portugueses da Defesa, João Gomes Cravinho, e da Saúde, Marta Temido.

“Iremos apoiar Portugal por mais seis semanas. Permanecemos juntos na Europa”, escreveu a ministra, sublinhando que a ajuda que está a ser prestada pelos profissionais de saúde germânicos “é muito apreciada” em Portugal, que enfrenta um período crítico na luta contra a pandemia de covid-19.

A missão alemã, formada por 26 profissionais de saúde (entre os quais seis médicos), que chegou a 3 de fevereiro a Portugal está a trabalhar no Hospital da Luz, em Lisboa, e trouxe 40 ventiladores móveis e 10 estacionários, 150 bombas de infusão e outras tantas camas hospitalares.

Inicialmente, foi comunicado que os profissionais de saúde alemães iriam permanecer no país “durante um período de três semanas, estando prevista a sua substituição a cada 21 dias, até ao final de março”, caso fosse necessário”.

França envia quatro profissionais de saúde

De acordo com o semanário Expresso, a embaixada de França em Portugal anunciou que o Governo português “aceitou a proposta de colaboração” do Executivo francês para apoiar a resposta à crise sanitária

França vai enviar quatro profissionais de saúde, nomeadamente médica urgentista especializada em cuidados intensivos, duas enfermeiras anestesistas e uma enfermeira lusófona, que vão juntar-se à Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital Garcia de Orta, em Almada, a partir de 15 de fevereiro, por um período inicial de 15 dias.

“A situação sanitária em Portugal levou a um conjunto de reações de solidariedade por parte de vários parceiros europeus”, lê-se na nota da embaixada francesa enviada às redações. “A ajuda da França, que mantém com Portugal relações estreitas e de amizade, inscreve-se no âmbito desta solidariedade europeia natural, face a um vírus que só será eficazmente derrotado por meio da cooperação e da unidade internacional.”

A embaixada reconhece ainda que França “foi objeto de iniciativas de solidariedade durante a primeira vaga do vírus na primavera passada”, beneficiando da ajuda de vizinhos europeus. “Da mesma forma, França oferece agora apoio a um parceiro europeu que atravessa um momento crítico e mantém-se atenta às suas possíveis necessidades”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

PSD ignora decisão da concelhia na Guarda e escolhe candidato à revelia

A direção nacional do PSD é acusada de ter ignorado a decisão da concelhia na Guarda e ter escolhido um candidato às eleições autárquicas à revelia. Um grupo de militantes da Guarda apresentou uma queixa ao …

Medina apresenta auditoria sobre manifestações em Lisboa “nos próximos dias”

O Presidente da Câmara de Lisboa revelou que “na sequência da auditoria”, que será conhecida nos próximos dias, irá tomar “as medidas para assegurar que não voltam a acontecer” falhas na proteção de dados de …

As abelhas-operárias reproduzem-se fazendo clones (quase perfeitos) de si mesmas

Uma equipa de investigadores da Universidade de Sydney descobriu que as abelhas-operárias, uma espécie encontrada na África do Sul, se reproduzem fazendo clones quase perfeitos de si mesmas. Algumas pesquisas anteriores indicavam que algumas abelhas-operárias se …

"Quero entender o que aconteceu comigo": Eriksen já reagiu ao colapso em campo

O internacional dinamarquês Christian Eriksen já reagiu à sua queda inanimada dentro do relvado, dizendo que está melhor e que quer entender o que aconteceu. O encontro entre Dinamarca e Finlândia, da primeira jornada do Grupo …

Segunda tentativa. Ricardo Salgado começa hoje a ser julgado no âmbito da Operação Marquês

O ex-banqueiro Ricardo Salgado, de 76 anos, deverá começar a ser hoje julgado por três crimes de abuso de confiança, devido a transferências de mais de 10 milhões de euros, no âmbito do processo Operação …

Teletrabalho deixa de ser obrigatório a partir de hoje. Exceto em quatro concelhos

O teletrabalho deixa de ser obrigatório a partir de hoje, passando a ser recomendado na generalidade do território de Portugal continental, exceto nos quatro concelhos que apresentam taxas de incidência de covid-19 superiores aos limites …

Variantes do coronavírus podem escapar dos anticorpos espalhando-se através de supercélulas

Variantes do coronavírus, como a britânica e a sul-africana, podem escapar dos anticorpos espalhando-se através de supercélulas, revela um novo estudo. Os anticorpos que criamos depois de sermos infetados com um vírus ou vacinados contra ele …

Estudo apresenta nova visão sobre a forma como os continentes se formaram

Um estudo liderado por geólogos da Monash University apresenta uma nova visão sobre a forma como os primeiros continentes da Terra se formaram. Apesar da Terra se ter formado há mais de 4,5 mil milhões de …

Cientistas descobrem novo exoplaneta semelhante a Neptuno

Uma equipa internacional de colaboradores, incluindo cientistas do JPL da NASA e da Universidade do Novo México, descobriram um novo exoplaneta temperado, do tamanho de Neptuno, com um período orbital de 24 dias orbitando uma …

Feira do Livro do Porto partilha recandidatura de Moreira. "Foi erro de funcionária"

A câmara do Porto explicou que a partilha do ‘post’ sobre a recandidatura de Rui Moreira feita este domingo na página de Facebook da “Feira do Livro do Porto” se deveu a “erro de uma …