Marte pode já ter tido um anel à sua volta (e voltar a tê-lo)

Uma nova investigação revela que Marte pode ter tido um anel à sua volta. A nova pista está em Deimos, a mais pequena das duas luas marcianas. A sua estranha órbita está inclinada em relação ao equador do planeta, o que pode ser resultado de efeitos gravitacionais causados por um anel planetário.

O Planeta Vermelho tem duas luas que circulam em seu redor, a Fobos e a Deimos. Durante muitos anos, os cientistas supusera, que as duas luas eram asteróides capturados. Porém, um novo estudo mostra que a órbita de Deimos tornaria essa hipótese impossível. Deimo está levemente inclinada no equador marciano, em apenas 2º. Inicialmente, a diferença era tão pequena que muitos cientistas ignoraram o assunto.

“O facto de a órbita de Deimos não estar no plano do equador de Marte foi considerado sem importância e ninguém se importou em tentar explicá-la”, disse Matija Cuk, cientista do Instituto SETI e principal autor do estudo, em comunicado. “Mas quando tivémos uma grande ideia nova e olhamo-la com novos olhos, a inclinação orbital de Deimos revelou o seu grande segredo”.

O segredo veio da observação dos movimentos de Fobos, que orbita mais perto da superfície marciana e está lentamente a entrar em espiral no planeta. Eventualmente, Fobos cairá tão perto de Marte que a gravidade do planeta muito maior destruirá a lua em pedaços – formando um anel.

Os co-autores, David Minton, da Universidade Purdue, e Andrew Hesselbrock, aluno de graduação, sugerem que o futuro de Fobos não é um evento pontual. Em vez disso, depois de a lua ser separada em pedaços, eventualmente as peças transformar-se-ão noutra lua. Isto não acontecerá só com Fobos. Já aconteceu outras vezes no passado marciano.

Esta destruição e reforma das luas explicaria como aconteceu a estranha inclinação orbital de Deimos. “Esta teoria cíclica da lua marciana tem um elemento crucial que torna possível a inclinação de Deimos: uma lua recém-nascida afastar-se-ia do anel e de Marte na direção oposta à espiral interna que Fobos está a sofrer devido a interações gravitacionais com Marte”.

“Uma lua que migra para fora dos anéis pode encontrar a chamada ressonância orbital, na qual o período orbital de Deimos é três vezes maior que o da outra lua. Podemos dizer que apenas uma lua que se move para fora poderia ter afetado fortemente Deimos, o que significa que Marte deve ter tido um anel a empurrar a lua interna para fora“.

Esta lua teórica teria sido enorme, 20 vezes mais massiva do que Fobos. Teoriza-se que Fobos seja duas gerações mais jovem que esta lua, que se separou e se reformou duas vezes – da segunda vez, formou Fobos.

Além disso, a era de Fobos favorece a teoria. Deimos tem milhares de milhões de anos, mas Fobos tem apenas 200 milhões de anos.

A investigação foi apresentada na 236ª reunião da Sociedade Astronómica Americana, realizada virtualmente até 3 de junho. Um artigo foi aceite para publicação na revista científica Astrophysical Journal Letters.

Até agora, nenhuma nave espacial conseguiu chegar perto da lua marciana para testar teorias geológicas, mas isso pode mudar em breve. A Agência de Exploração Aeroespacial Japonesa (JAXA) planea enviar uma missão a Fobos em 2024, chamada Martian Moons Exploration (MMX).

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Mais de 30 mil mulheres polacas recorreram a métodos de aborto ilegais ou no estrangeiro desde a alteração na lei

Proibição à interrupção voluntária da gravidez entrou em vigor no início deste ano e as  exceções só se aplicam a casos de violações, incestos ou quando a saúde da mãe está em risco. Pelo menos 34 …

Fenprof anuncia nova greve no dia 12 e concentração em frente ao Parlamento

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou, esta sexta-feira, a realização de uma concentração em frente à Assembleia da República no dia 5 de novembro e a adesão à greve nacional da Administração Pública marcada …

Luis Díaz será a prioridade do Newcastle

Valor de mercado será agora inacessível para os clubes italianos, escreve-se... em Itália. O novo Newcastle deverá atacar o mercado do futebol com estrondo, possivelmente já daqui a pouco mais de dois meses, e a prioridade …

Rui Rio, presidente do PSD

Rio apresenta recandidatura. "Seria muito prejudicial para o país se o PSD mudasse agora de líder"

O presidente do PSD apresentou, esta sexta-feira, na cidade do Porto, a sua recandidatura à liderança, tendo considerado que "seria muito prejudicial", não só para o país como para o partido, mudar agora de líder. Rui …

"Conquistem a vaga no relvado": aviso à UEFA sobre a nova Liga dos Campeões

Associação das Ligas Europeias contra vagas garantidas para clubes que não terminarem o campeonato nacional num dos primeiros lugares. A reunião da Associação das Ligas Europeias de futebol terminou com o reforço de posições públicas contra …

Bloco diz que as suas nove propostas foram rejeitadas. Governo aponta avanços em sete

O Bloco considerou, esta sexta-feira, que o Governo recusou as suas nove propostas para chegar a acordo no Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). O Executivo, por sua vez, considera que há avanços negociais em …

Comissão de inquérito ao Novo Banco. PSD frisa "maioria popular", PS queixa-se de "partidarite"

Os partidos apreciaram, esta sexta-feira, o relatório final da comissão de inquérito ao Novo Banco, aprovado em julho, com o PSD a destacar a "maioria popular" nas conclusões e o PS a criticar a "partidarite" …

"Falta de respeito". Patrões abandonam Concertação Social e pedem audiência a Marcelo

As quatro confederações patronais suspenderam, esta sexta-feira, a sua participação nas reuniões da Concertação Social e decidiram solicitar uma audiência ao Presidente da República, perante a "desconsideração do Governo pelos parceiros sociais" na discussão sobre …

Parlamento aprova diplomas para alargar gratuitidade das creches e "direito ao esquecimento"

O Parlamento aprovou, esta sexta-feira, um projeto-lei para o alargamento da gratuitidade das creches e de soluções equiparadas e ainda um diploma que consagra o "direito ao esquecimento". A Assembleia da República aprovou um projeto-lei do …

Costa está muito empenhado num acordo pelo OE, mas não "a qualquer preço"

O primeiro-ministro disse, esta sexta-feira, que o Governo vai fazer tudo ao seu alcance para chegar a um acordo sobre o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022), mas advertiu que "um acordo não se obtém …