Mário Ferreira torna-se o segundo maior acionista da Cofina

DouroAzul / Wikimedia

O empresário português Mário Ferreira

O empresário português vai investir 20 milhões de euros no aumento de capital da Cofina, o suficiente para tornar-se o segundo maior acionista da empresa.

De acordo com o semanário Expresso, o empresário Mário Ferreira deverá tornar-se o segundo maior acionista da Cofina, no âmbito do aumento de capital de 85 milhões de euros que a dona do Correio da Manhã pretende realizar ao longo do próximo mês para comprar a Media Capital.

Segundo o prospeto do aumento de capital que entrou na Comissão do Mercado Valores Mobiliários (CMVM), esta segunda-feira, consultado pelo jornal, o dono da Douro Azul deverá investir 20 milhões de euros na operação, através da sua Pluris Investments, para ter 15,25% da Cofina.

Este investimento é suficiente para tornar o empresário portuense no segundo maior acionista da empresa, escreve o Expresso, ficando apenas atrás do atual presidente executivo, Paulo Fernandes, que, através da Actium Capital tem atualmente 13,88%, mas se comprometeu a investir o suficiente para deter 20,13%.

Além de Mário Ferreira, o banco galego Abanca, que está atualmente a comprar o EuroBic, anunciou, no início de fevereiro, que iria vender os 5,05% que detém na Media Capital e comprar uma posição com o mesmo valor na Cofina, o que vai gerar uma posição de 7,6%.

A Cofina, que detém publicações como Correio da Manhã, CMTV, Record, Jornal de Negócios e revista Sábado, está a realizar a operação de aumento de capital para comprar a Media Capital, dona da TVI, rádio Comercial e a produtora Plural.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. «…Mário Ferreira torna-se o segundo maior acionista da Cofina…»

    Não é o sr. Ferreira que se torna acionista mas sim quem está por de trás dele; sr. Ferreira dá simplesmente o nome.

    «…Este investimento é suficiente para tornar o empresário portuense…»

    O sr. Ferreira não é Portuense, mas sim Matosinhense.

    A propósito, perguntem aos cidadãos Matosinhenses e Leceiros (que sejam mesmo naturais dessas localidades e com raiz familiar nas mesmas), o que fazia o sr. Ferreira pelos cafés de Matosinhos, Leça, e Porto, em meados e finais da Década de 1970 e durante a Década de 1980 do Século XX.

RESPONDER

Trump recomenda uso de máscaras (mas recusa-se a usá-las)

Esta sexta-feira, os Estados Unidos tiveram, pelo quarto dia consecutivo, o maior número de mortes em 24 horas, num total de 1.094, e contam com quase 30 mil novos casos. No seu briefing diário, de acordo …

A Antártida já foi uma floresta tropical

A Antártida pode ter sido o lar de ecossistemas quentes e pantanosos cercados por fetos e árvores coníferas há 90 milhões de anos, altura marcada pelo auge dos dinossauros. Uma análise do solo antigo extraído da …

Algumas estrelas têm "veneno" dentro de si (e é por isso que explodem)

Algumas estrelas têm um "veneno" dentro de si: o elemento néon no núcleo das estrelas pode desencadear uma reação química que leva a uma morte definitiva e explosiva. Estrelas menos massivas, como o nosso Sol, expandem-se …

Criada tecnologia que traduz pensamentos diretamente em texto

Uma equipa de investigadores diz ter criado um sistema capaz de traduzir sinais cerebrais diretamente em texto escrito. Este é um passo promissor para que no futuro seja possível escrever num computador apenas com o …

Desaparecimentos, mistérios e lendas. O Triângulo do Alasca pode ser mais perigoso do que o das Bermudas

Milhares de pessoas desaparecem todos os anos no estado norte-americano do Alasca, fazendo lembrar as histórias do Triângulo das Bermudas, onde aviões e navios desapareceram sem deixar rastro. De acordo com a revista The Atlantic, três …

Descobertas sete novas aranhas-pavão. E uma parece um quadro de Van Gogh

Foram encontradas sete novas espécies de aranha do género Maratus. E há uma que se destaca por se parecer com "A Noite Estrelada", famoso quadro de Vincent Van Gogh. Nos últimos anos, as aranhas-pavão (do género Maratus) …

Estado de emergência no México suspende produção de cerveja Corona

Nem toda a publicidade é boa publicidade. Que o diga a cerveja mexicana Corona que, em tempos de pandemia, partilha o nome com o vírus de que já ninguém quer ouvir falar. Segundo o jornal The …

Gás natural pode transformar Moçambique no "Qatar de África" (se os jihadistas deixarem)

A descoberta de gás natural em Moçambique é vista como uma grande esperança para o país que, à boleia dos avultados investimentos que está a receber de grandes multinacionais, sonha tornar-se no "Qatar de África". …

Afinal, os 1.000 ventiladores doados por Elon Musk podem não ser completamente inúteis

Elon Musk, CEO da Tesla, doou mil ventiladores do tipo errado a hospitais da Califórnia, que enfrentam um número esmagador de casos de coronavírus. Agora, afinal, os ventiladores vão poder ser usados em casos de …

Cientistas preveem quatro grandes furacões no Atlântico em 2020

Cientistas da Universidade Estadual do Colorado, nos Estados Unidos, preveem que se formem quatro grandes furacões no Oceano Atlântico em 2020. De acordo com os especialistas, estes quatro furacões serão de categoria 3 a 5 na …