Maria Luís Albuquerque na liderança do PSD: “Não se deve dizer nunca”

A ex-ministra das Finanças não exclui a possibilidade de suceder a Passos Coelho como líder do PSD, embora assegure que, para já, não tem essa vontade.

Em entrevista ao Diário de Notícias, Maria Luís Albuquerque afirmou que a hipótese de vir a ocupar a liderança do PSD “não está em cima da mesa”, até porque considera “um hábito pouco saudável em relação a líderes que acabam de ser reeleitos com uma maioria esmagadora estar já a falar de quem é que os sucede”.

No entanto, a ex-ministra admite que, em matérias dessa natureza, “não se deve dizer nunca” e que “depende muito das circunstâncias”.

“Se me pergunta se tenho vontade ou se tenho essa intenção: não a tenho, mas nestas matérias, afirmações absolutas de nunca parece-me contraproducente”, afirma.

Relativamente ao Programa de Estabilidade proposto pelo atual Governo, a deputada social-democrata não tem dúvidas: “é francamente um programa mau”.

“O PE e o PNR acabam por espelhar aquilo que é a inconsistência de uma governação que simultaneamente diz que quer cumprir compromissos mas que é apoiada por uma maioria que rejeita até a legitimidade desses compromissos e aquilo que é necessário para os atingir”, acusa a ex-ministra.

Relativamente a Mário Centeno, o socialista que a sucedeu na pasta das Finanças, Maria Luís refere que não tem de o avaliar como ministro, até porque o que a preocupa mesmo é “a falta de qualidade das políticas”.

“Ainda só temos três meses de execução orçamental e há já vários sinais preocupantes“, declara, sublinhando o crescimento dos pagamentos em atraso que, na sua opinião, “revela descontrolo e uma provável inconsistência entre as metas traçadas pelo orçamento e aquilo que são as necessidades dos diversos setores”.

Banif, Banco de Portugal e Arrow

Quanto ao desfecho do Banif, a ex-ministra assegura que o Governo do qual fazia parte estava “muito confiante de que com aquele plano de reestruturação haveria um um desfecho que teria para os cofres do Estado um impacto que seria uma pequena parcela daquilo que foi efetivamente”.

“O que aconteceu no fim, os valores que estiveram envolvidos, foram uma surpresa e é uma matéria que tem de ser esclarecida”, remata.

Apesar disso, Maria Luís Albuquerque diz manter a confiança no governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, reconhecendo que “a manutenção da confiança num regulador, com a importância que é o banco central, é um elemento fundamental da própria estabilidade financeira”.

Para a ex-governante, a criação de um “banco mau” para concentrar o crédito mal parado, tal como aconteceu em Espanha e Itália, não lhe parece ser “urgente”, uma vez que “aquilo que o sistema financeiro diz repetidamente é que não há procura de crédito de qualidade para que ponham os fundos disponíveis ao serviço do investimento”.

Em relação à polémica gerada com a sua contratação por parte da Arrow, Maria Luís garante que “a questão foi colocada logo de início de forma errada”, considerando que foi revelada “uma enorme ignorância sobre o que é a atividade de uma empresa destas” e “um princípio errado de que era uma atividade que teria tutelado enquanto ministra das finanças”.

“Quem está na vida política tem de estar preparado para que o impacto das suas decisões e para sentir críticas e, portanto, isso é uma coisa que vem no pacote. Faz parte”, explica.

A antiga ministra diz que decidiu colaborar com o grupo britânico porque lhe “pareceu interessante a possibilidade de ter uma experiência nova e de aprender mais coisas”.

ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Espero bem que o PSD volte a ter uma liderança à altura da sua responsabilidade senão será mau para todos nós!!

RESPONDER

União Europeia acrescenta quatro paraísos fiscais à "lista negra"

Ilhas Caimão, Palau, Panamá e Seicheles juntam-se a Samoa Americana, Fiji, Guame, Samoa, Omã, Trindade e Tobago, Vanuatu e Ilhas Virgens Americanas na lista de não respeitadores das regras comunitárias. O Conselho da União Europeia (UE) …

"Relação estava cristalizada". PS satisfeito com retoma do "diálogo cordial" com CDS

O presidente do PS saudou, esta terça-feira, a "retoma" de um relacionamento "cordial" com a nova direção do CDS-PP em torno de matérias de interesse nacional, considerando que se verificou uma transição e acabou uma …

Ministra espanhola não pensa "nem um segundo" em substituir Centeno

A ministra dos Assuntos Económicos de Espanha, Nadia Calviño, assegurou que não dedica “nem um segundo” a pensar numa candidatura à presidência do Eurogrupo, apontando que Mário Centeno “está a fazer um excelente trabalho”. A cerca …

Grupo alemão de extrema-direita tinha planos "assustadores" para atacar mesquitas

Um grupo alemão de extrema-direita, em que 12 elementos foram detidos na semana passada, é suspeito de planear ataques em larga escala "assustadores e chocantes" contra muçulmanos, semelhantes aos realizados na Nova Zelândia no ano …

Novo Banco deverá pedir perto de mil milhões de euros ao Fundo de Resolução

O Novo Banco prepara-se para pedir uma nova injeção ao Fundo de Resolução a rondar os mil milhões de euros. Com este montante, o banco atinge o teto definido na venda ao fundo Lone Star. O …

"Nunca tive um processo como este". Juiz Carlos Alexandre "surpreendido" com o caso Tancos

O juiz Carlos Alexandre assumiu, em pleno tribunal, estar "surpreendido" com os meandros que envolvem ocaso de Tancos. "Nunca tive um processo como este", terá desabafado em mais uma audiência, notando que o caso "mostra …

Maduro anuncia exercícios militares permanentes e de surpresa

O Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, anunciou esta terça-feira que o país fará exercícios militares "de surpresa" e de maneira permanente, em manobras que poderão incluir centenas de milhares de membros da Força Armada Nacional Bolivariana …

Bolsonaro recebe Jorge Jesus, mas muitos não gostaram da fotografia

O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, recebeu esta segunda-feira, em Brasília, o treinador português Jorge Jesus, após ter conquistado no domingo a Supertaça ao serviço do Flamengo. Depois de, no domingo, ter conquistado a Supertaça ao serviço …

Cientistas encontram 300 vírus "enormes" com habilidades estranhas

Uma equipa de investigadores identificou 300 novos vírus "enormes" com habilidades estranhas encontrados em vários ambientes. Estes podem causar doenças nos seres humanos. Os vírus têm sido um tema habitual ultimamente, abrindo jornais e deixando a …

Seguro de saúde específico para britânicos visa "mitigar" consequências do Brexit

Com o objetivo de minimizar o impacto do 'Brexit' no turismo, a secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, informou que estão em curso estratégias para "mitigar as consequências" e encorajar os "turistas a continuar a …