Cientistas criaram máquina que pode manipular os nossos sonhos

Investigadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) criaram uma máquina que funciona como um interface para a fase do sono em que ocorrem alucinações, permitindo que as pessoas controlem o conteúdo dos seus sonhos.

Dizem que Thomas Edison dormia as suas sestas com bolas de aço na mão. Quando adormecia, a sua mão relaxava e as bolas caíam, fazendo-o acordar. Desta forma, o inventor achava-se capaz de capturar as ideias geradas através dos seus sonhos.

Parece apenas a rotina bizarra de um “cientista maluco”, mas é uma técnica que os investigadores do MIT estão a tentar recriar, embora com um pouco mais de rigor científico. O trabalho originou um dispositivo batizado de “Dormio” que induz o período transitório entre o estado de vigília e o sono.

Essa fase, conhecida como hipnagogia, é uma “fragmentação natural da consciência”, na qual não estamos nem totalmente conscientes nem totalmente inconscientes. Este período é difícil de definir: enquanto que algumas pessoas podem manter conversas, outras experimentam alucinações visuais e auditivas. Muitos cientistas acreditam que é durante a hipnagogia que somos mais criativos.

Para desencadear este estágio, a equipa de cientistas liderada por Adam Horowitz criou uma máquina que manipula literalmente o conteúdo dos sonhos.

“A hipnagogia é caracterizada pela imprevisibilidade fenomenológica, perceção distorcida do espaço e do tempo, perda do sentido do eu e associação espontânea de ideias fluidas”, afirmam os cientistas no site do MIT Media Lab. “Usando o Dormio, fomos capazes de influenciar, extrair informações e estender os micro-sonhos hipnagógicos pela primeira vez”.

(dr) MIT Media Lab

A luva do sistema Dormio que permite induzir o estado de hipnagogia

Porém, é importante destacar que esses micro-sonhos são diferentes dos sonhos lúcidos que ocorrem no estágio REM (Rapid Eye Movement) do sono. Ao contrário desses, em que o participante está ativo, a pessoa com um sonho hipnagógico é passiva – embora isso não signifique que não possa controlar a direção do sonho, mesmo que precise de uma ajuda.

Durante os testes, os participantes usaram uma luva com uma tecnologia de medição muito sensível para determinar esse estado transicional através de biossinais como, por exemplo, a frequência cardíaca ou o tónus muscular.

Quando o utilizador estava prestes a deixar a hipnagogia e a fazer a transição para o sono profundo, um robô ao lado da cama foi acionado para emitir uma mensagem e empurrá-lo de volta ao estado de sonho. Quando os participantes estavam suspensos nesse estado hipnagógico, o áudio perguntava o que estavam a pensar.

“Descobrimos que todos os indivíduos sonhavam sobre os temas escolhidos pelos investigadores antes do sono e que o uso ativo da hipnagogia com o Dormio pode aumentar a criatividade humana medida pela flexibilidade, fluência, elaboração e originalidade do pensamento”, concluíram.

Parece assustador mas os cientistas esperam tornar esta tecnologia barata e acessível, permitindo que todos possam aumentar a sua criatividade explorando este estado hipnagógico.

PARTILHAR

RESPONDER

Entre os boletins de voto dos emigrantes, também há cheques e contas da luz

Para exercer o seu direito de voto, os eleitores portugueses residentes no estrangeiro deveriam enviar de volta para Portugal a documentação que receberam em casa – um envelope verde com o boletim de voto, dentro …

Ryanair despede 432 trabalhadores em Espanha

A companhia aérea irlandesa Ryanair confirmou esta quarta-feira a sua intenção de despedir em Espanha 432 trabalhadores das suas bases de Girona e Canárias, 327 tripulantes de cabine e 105 pilotos, informou o sindicato USO. Num …

Eleições em Moçambique. Dados preliminares dão vitória a Nyusi

Segundo as projeções de resultados da Sala da Paz, de acordo com valores “preliminares” baseados na leitura dos editais pelos seus observadores, o atual Presidente moçambicano e candidato da Frelimo, Filipe Nyusi, terá sido reeleito …

"Quem acusou Sócrates tem de provar. Se não provar tem de ser punido"

O ex-Presidente brasileiro, Lula da Silva, defende punição de procuradores da Operação Marquês, caso a acusação contra José Sócrates seja arquivada. Esta terça-feira, em entrevista à RTP, Lula da Silva defendeu a punição dos procuradores que …

Na Saúde, Warren torna-se alvo de ataques. Mas o foco é "derrotar Trump"

O maior debate televisivo para umas eleições primárias na história dos EUA juntou 12 candidatos num só palco. Foi o primeiro debate para o qual o ex-vice-Presidente Joe Biden não partiu com vantagem, tendo a …

Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira …

Grécia. Incêndio em campo de refugiados deixa 600 pessoas sem alojamento

Um incêndio no campo de identificação e registo de migrantes de Vathy, na ilha grega de Samos, deixou 600 refugiados sem alojamento, alertou na terça-feira a organização não-governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF). "Em Vathy, seis …

Lista candidata à Ordem dos Enfermeiros excluída por ter poucos homens

Uma das listas candidatas às eleições para a Ordem dos Enfermeiros foi excluída por ter poucos homens. A comissão eleitoral nomeada explica que a lista não respeita a lei da paridade, aprovada pela Assembleia da …

“É a desilusão”. PSD queria novos ministros na Saúde, Educação e Justiça

  O PSD defendeu esta quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …

Dobradinha poderá render 1,6 milhões de euros a Bruno Lage

Caso consiga alcançar a dobradinha, isto é, vencer o campeonato e a Taça de Portugal, o treinador do Benfica, Bruno Lage, receberá em prémios cerca de 1,6 milhões de euros brutos, avança a imprensa desportiva. A …