Convocadas manifestações contra Bolsonaro em todo o mundo

Marcelo Sayao / EPA

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

Em Portugal, o ato “em solidariedade do povo brasileiro face aos crimes de Bolsonaro e do seu Governo” está marcado para Lisboa, Porto e Coimbra.

Movimentos sociais e políticos convocaram para este domingo manifestações em, pelo menos, 50 cidades de 23 países que têm como principal alvo o Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro. O objetivo é contestar a resposta à pandemia de covid-19 e o “fascismo” no Brasil.

Organizado por brasileiros que vivem no exterior e por diversos movimentos populares e entidades políticas, o denominado “Ato Mundial Stop Bolsonaro” contará com manifestações presenciais e virtuais em cidades europeias como Munique, Berlim e Frankfurt (Alemanha), Barcelona e Madrid (Espanha), Paris (França), Roma (Itália), Zurique e Genebra (Suíça) ou Dublin (Irlanda).

Já em Portugal, o ato “em solidariedade do povo brasileiro face aos crimes de Bolsonaro e do seu Governo” está marcado para Lisboa, Porto e Coimbra, segundo a página do evento no Facebook.

O “combate ao fascismo, ao neoliberalismo, ao racismo, machismo, à LGBTfobia, ao genocídio indígena e à destruição do meio ambiente”, são algumas das causas que movem este ato internacional.

No Brasil, são 13 as cidades que já confirmaram a adesão ao protesto, entre as quais o Rio de Janeiro, São Paulo, Belém, Porto Alegre ou Campinas. Canadá, Estados Unidos da América, Chile, Costa Rica ou México são outros dos países que acolherão o “Ato Mundial Stop Bolsonaro”.

Entre os movimentos que organizaram a manifestação estão o Coletivo Estrela da Democracia, a Frente Internacional de Brasileiros contra o Golpe (Fibra), e o grupo Mulheres Unidas Contra o Bolsonaro.

“Desde que ganharam as eleições, explodiu a desflorestação, o assassinato de indígenas, negros, mulheres, gays e líderes populares, o ataque sistemático à cultura, à educação, o aumento da precarização do trabalho, a estagnação da economia. (…) Ao mesmo tempo, aumentou a truculência dos apoiantes do Presidente, que tem ao seu lado milícias, militares e polícias violentos e gananciosos, saudosos da ditadura e as pessoas mais ignorantes, desumanas e mesquinhas desse país”, indicou a organização.

Os organizadores citam ainda o elevado número de casos de covid-19 no país, a subnotificação da doença, a situação precária de alguns hospitais, a falta de apoio a profissionais de saúde, assim como a falta de um decreto de confinamento obrigatório para conter a disseminação do vírus no Brasil.

“A receita da ideologia bolsonarista agudizou a crise política brasileira. Se não forem contidos a tempo, o país viverá em caos e miséria por décadas e tornará a vida de todos nós um pesadelo. Agora basta! (…) Estamos do lado certo da história e não descansaremos enquanto não derrubarmos o atual Governo, e conseguirmos de volta todos os nossos direitos sociais, humanos, ambientais, trabalhistas e económicos”, acrescentaram os movimentos organizadores do ato.

// Lusa

PARTILHAR

20 COMENTÁRIOS

  1. Bolsonaro, venceu em portugal com 64% de votos de emigrantes Brasileiros. Será que estarão nessas manifestações ????….será o momento para tais ajuntamentos?????…. É verdade que este Sociopata, mostrou mais uma vez do que é capaz, numa ridícula propaganda religiosa que en nada honra as vitimas mortais desta pandemia. O Brasil elegeu um autentico doente mental e Ditador altamente perigoso, revestido de representante da Seita Religiosa a qual pertence !…..

  2. É gritante o incómodo da esquerda com a democracia quando esta leva ao poder aqueles que se afastam dos seus ideais. O homem foi eleito, deixem-no governar. Haverá próximas eleições onde o povo poderá votar e escolher outro candidato se assim bem entender.
    A fazerem manifestações, podiam começar por contestar alguns ditadores, como os que subjugam e escravizam o povo da Coreia do Norte ou da Venezuela.

  3. por quem é de esquerda ignora o ditador Nicolás Maduro da Venezuela e ataca o governo democrático eleito pelo povo do Brasil? o Maduro é genocida está matando de fome e pobreza o povo da Venezuela e a esquerda mundial não fala a respeito!

  4. O ataque dos clones!
    É impressionante que vêem sempre fake profiles defender o aspirante a ditador. O gabinete continua a pagar a trolls com o dinheiro dos contribuintes brasileiros para manipularem informação a seu favor. Brasileiros abram os olhos! Está tática é transversal em todos os partidos de extrema direita do mundo. Por cá temos a seita do André Ventura..

    • Não te trates, não.
      Vai aí cada confusão na tua cabeça.
      “Vêem” e “vêm” é diferente. Procura um bom dicionário que te explique isso. Quando deixares de ser ignorante, volta para opinar com mais fundamentos.
      Glipax, muita gente acha, e com razão, que existem é trolls a serem pagos para denegrirem o Bolsonaro, assim como o Trump ou o Boris. A tática é bem mais frequente em partidos de esquerda, mas muitos brasileiros, portugueses e naturais de outros países já abriram os olhos e já não caem no logro.
      Por cá temos o Costa, suportado pelos repetivos amigos da geringonça, a dizer que o aumento de casos de Covid19 em Lisboa é porque se testa mais; a dizer que a final da liga dos campeões vai ser em Portugal e que isso também é um prémio para os médicos; a fazer o anúncio da final da liga dos campeões no melhor estilo propagandista; a irritar-se em público com subordinados; a ir a todos os programas de televisão populistas; a dizer que os antibióticos servem para matar o vírus…

      • É verdade. O Costa enrola tudo e todos. E como o povo é mesmo muito limitado até acha que tivemos um bom desempenho. Tramado é agora ter de explicar que até o Reino Unido exige quarentena aos que chegarem de Portugal.
        No meio de tudo isto o Eu! continua o burro de sempre e tudo isto passou-lhe ao lado. Se alguém tiver tempo que lhe explique, nem que seja pela tele-escola.

        • Há mais de 40 anos que os políticos enrolam os portugueses sejam eles políticos de Esquerda Direita ou Centro, há mais de 40 anos que andamos a ser governados por Seitas de Mafiosos sejam nos governos centrais ou autárquicos.

    • Quem vive do dinheiro do contribuinte brasileiro são os esquerdistas que não sobrevivem sem os favores do Estado. Não sou Robot, não vivo fe favores do Estado, sou contribuinte, pago impostos elevados aumentados de 24% para 34% do PIB nos ultimos 30 anos de governo de esquerda que roubaram meu país, não equiparam os hospitais e hoje culpam o atual governo que ainda não completou 2 anos.

  5. Concordo mil por cento com você, as pessoas estão sendo movidas, pelos pensamentos dos outros. E a lutar contra um presidente, e não preocupadas com is problemas existentes, esquecem que um mandato duram 4 anos

  6. Está montada um campanha bem orquestrada para, numa base diária, denegrir e atacar a imagem de Trump, Bolsonaro e Boris Johnson.
    É assustador perceber a tentativa de manipulação da opinião pública.
    É assim que a esquerda se relaciona com a democracia, não aceitando a derrota, nem a opinião maioritária expressa livremente?
    De facto, a esquerda é especialista na lavagem cerebral, na tentativa de doutrinar um povo inteiro, no exagero da propaganda política. Vejam-se os exemplos de Cuba, Venezuela Coreia do Norte…
    Felizmente em muitos países as pessoas são mais esclarecidas e não se deixam arrastar por este logro.

    • Ditadores a fazerem-se de vítimas para ganhar apoio da sociedade.. o seu comentário tresanda a Chega. É tudo do mesmo saco Ventura, Bolsonaro, Trump e afins, só se movem por motivos pessoais e egocêntricos. Baseiam-se em manipular informação pública em fóruns de notícias e redes sociais. As narrativas são todas as mesmas, a esquerda isto, ódio, ódio, ódio, soluções zero. São os partidos que serão sempre parte (e origem) dos problemas e nunca solução para os problemas nacionais. Boa sorte, espero que ao menos esteja a ser bem pago pelo serviço de vassalagem que está a fazer ao aspirante a ditador. Um dia não irá dormir bem, e nesse dia irá pensar melhor nas prioridades da vida!

  7. Bolsonaro conseguiu alcatroar uma estrada mto importante longa num mês usando o exército que todos os governos em 43anos, são os anos que levaram a discutir fazer e a população e as mercadorias andaram anos a conduzir na lama. Já para não falar do fornecimento de água potável para o Ceará coisa que os anteriores governos não foram capazes de fazer. Hipócritas os que fazem manifestações contra o Bolsonaro quando ele nem tem 2 anos de mandato.

    • Quantas estradas tem no Brasil? Milhões? Foram construídas pelos partidos anteriores. O Bobolsonaro faz uma estrada em dois anos e merece uma estátua? Cambada de manipuladores de informação. A propina um dia vai acabar, depois vai ter que fazer pela vida ò robot.

      • As estradas que tem cá foram feitas por governos anteriores aos governos pós redemocratização. Conheça melhor o meu país para poder dar opinião a respeito.

  8. Enquanto o Brasil não se livrar das igrejas/seitas (que toldam o pensamento/educação/cultura), continuará a haver abortos como o Bolsonaro a aproveitar-se dos crentes mais alienados!!

    • Amen…
      Só disparates. O problema do Brasil não são as seitas, nem o futebol, nem nada disso. O problema do Brasil é o mesmo que o nosso, embora ainda mais grave: CORRUPÇÃO EM TODA A LINHA. Não te esqueças que a alternativa era escolher um ladrão. Entre um ladrão e um louco, desta vez optaram pelo louco. Depois voltará um qualquer ladrão. E andarão nisto eternamente. Pelo meio aparecerá pontualmente um Fernando Henrique Cardoso, mas rapidamente o despacharão porque não dá jeito para o negócio da política.
      Mas olha que por cá também nós iremos assistir a um crescimento rápido do CHEGA. E não é por as pessoas acreditarem no Ventura. É porque a alternativa é toda corrupta e já está instalada há muito tempo.

RESPONDER

Eriksen tem alta hospitalar

Seis dias depois de sofrer uma paragem cardíaca, Christian Eriksen teve alta hospitalar e visitou o estágio da seleção dinamarquesa antes de regressar a casa. Christian Eriksen teve alta hospitalar esta sexta-feira, confirmou a federação dinamarquesa, …

MP francês pede seis meses de prisão efetiva para Sarkozy

O Ministério Público (MP) pediu na quinta-feira um ano de prisão, com seis meses de pena efetiva, para o ex-Presidente francês Nicolas Sarkozy, julgado em Paris na sequência de uma investigação ao financiamento irregular na …

Portugueses já podem pedir Certificado Digital Covid

Os portugueses já podem pedir o Certificado Digital Covid, o documento que facilita as viagens para o estrangeiro durante as férias. O primeiro-ministro, António Costa, anunciou que os portugueses poderiam pedir o seu certificado digital europeu …

Guterres presta juramento na ONU e estabelece "prioridade mundial absoluta"

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, prestou juramento e tomou posse para um segundo mandato durante uma sessão plenária da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque, Estados Unidos. António Guterres …

Suécia 1-0 Eslováquia | Isak carrega nórdicos às costas

A Suécia deu hoje um passo de ‘gigante’ rumo aos oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao vencer a Eslováquia por 1-0, em encontro da segunda jornada do Grupo E, disputado em São Petersburgo. Depois …

Ex-CEO da Groundforce admite hipótese de comprar a empresa

O ex-CEO da Groundforce, afastado do cargo em abril por "violação grave dos deveres de lealdade", não exclui a hipótese de vir a comprar a empresa de handling. Em declarações ao jornal online ECO, Paulo Neto …

Viatura onde seguia Eduardo Cabrita atropela uma pessoa na A6

Esta sexta-feira, um homem morreu após ter sido atropelado pelo automóvel em que seguia o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, num acidente na autoestrada A6. Numa nota enviada às redações, o Ministério da Administração Interna …

Portugal com mais 1.298 casos e quatro mortes

Esta sexta-feira, Portugal registou 1.298 novos casos e quatro mortes na sequência da infeção por covid-19. Segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), foram registados, nas últimas 24 horas, mais 1.298 casos e …

Parlamento aprova prorrogação das moratórias bancárias até final do ano

O alargamento aplica-se aos "particulares e para as empresas que desenvolvem a sua atividade em setores especialmente afetados pela pandemia de covid-19". O Parlamento aprovou, esta sexta-feira ,a prorrogação e alargamento das moratórias bancárias, que terminavam …

Tribunal belga obriga AstraZeneca a entregar 50 mihões de doses de vacina à UE

A AstraZeneca vai ter que entregar 50 milhões de doses da vacina para a covid-19 à União Europeia. A entrega deve ser efetuada até 27 de setembro. A justiça belga ordenou, esta sexta-feira, à farmacêutica …