/

Maldivas ponderam oferecer vacinas aos turistas

As Maldivas estão a ponderar dar aos turistas a vacina contra covid-19 quando chegarem para férias, de modo a incentivar o turismo.

As Maldivas estão prontas para enfrentar a concorrência acessa assim que o turismo reabrir e ponderam oferecer vacinas aos visitantes.

Abdulla Mausoom, ministro do Turismo das Maldivas, adiantou que o país está a montar um esquema de “turismo 3V“, que permitiria aos turistas “visitar, vacinar e passar férias”. O Expresso realça que o objetivo é impulsionar o turismo no arquipélago do Índico.

A estratégia passa pela oferta de duas doses da vacina contra o novo coronavírus aos turistas, o que significa que estes terão de permanecer várias semanas nas Maldivas.

“Não acho que o abastecimento de vacinas seja um problema nas Maldivas, porque nossa população é relativamente pequena”, informou ainda o governante. Com pouco mais de 500 mil habitantes, mais de metade (53%) já receberam a primeira dose da vacina graças a doações da Índia e da China, além de entregas ao abrigo do COVAX.

No entanto, ainda não está claro se os turistas terão de assumir os custos ao serem vacinados para entrarem nas Maldivas.

Para já, é obrigatório apresentar um teste PCR negativo para entrar no país, um processo que deverá ser agilizado em breve para quem chegar já vacinado.

As Maldivas apresentam números relativamente baixos: um total de 25.939 casos e 67 mortes desde o início da pandemia.

  Liliana Malainho, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.