Mala abandonada conta história de pai e filho que morreram em campos de batalha na I Guerra

(dr)

Uma mala abandonada com alguns objetos no seu interior conta a história de pai e filho que foram mortos com poucos dias de diferença em campos de batalha em França durante a I Guerra Mundial (1914-1918).

A mala, que foi encontrada num depósito no interior do Reino Unido, continha cartas, fotografias, bem como documentos que datam da I Guerra Mundial.

John Cowie, de 51 anos, e o seu filho Henry, de 18 anos, são os protagonistas desta história, contada pela emissora britânica BBC.

A mala foi deixada no lixo depois de uma limpeza numa casa na cidade de Sunderland, no noreoeste de Inglaterra, sendo depois descoberta pela equipa do centro de resíduos Thompson Waste Center num depósito. Gareth Thompson, que faz parta de equipa de gestão de resíduos, disse à BBC ter ficado “absolutamente pasmo” quando a encontrou.

É incrível. É um pedaço da história não apenas local, mas também mundial”, disse.

Um historiador local levou a cabo uma investigação aos objetos encontrados, tendo descoberto que John morreu apenas dez dias após o seu filho Henry.

A mala continha várias cartas endereçadas à esposa de John e mãe de Henry, Ellen, que viva em Sunderland. Foi também encontrada uma medalha, um livro de soldado, um pergaminho com o brasão do rei e a notificação oficial da morte de John.

A mesma investigação descobriu ainda que um segundo filho de John e Ellen, George, também esteve na I Guerra quando tinha apenas 18 anos e sobreviveu.

Anne Ganley, proprietária do centro de resíduos, disse querer garantir que os dois homens que protagonizam esta história “nunca sejam esquecidos”, pretendendo organizar e financiar uma cerimónia fúnebre de homenagem em Sunderland.

“Não sabemos exatamente a quem pertencia a mala (…) mas tenho quase certeza de que pertenceu a Ellen (…) Pensar nesta mulher a guardar cuidadosamente estas cartas e as certidões de óbito do seu filho e marido é emocionante, não tenho palavras”, disse Ganley.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Alguns distritos de Portugal continental e Madeira com avisos meteorológicos até domingo

Alguns distritos de Portugal continental e o arquipélago da Madeira vão estar a partir de hoje e pelo menos até domingo com vários avisos meteorológicos devido à agitação marítima, vento e queda de neve, de …

R abaixo de 1 em Portugal. Um milhão de pessoas pode já ter tido contacto com o vírus

Um doente covid-19 em Portugal está a infetar, em média, menos de uma pessoa, segundo dados do Instituto Ricardo Jorge revelados esta quinta-feira, que mostram que o Rt voltou a estar abaixo do 1. “Atualmente, o …

EUA aprovam legislação que pode excluir firmas chinesas do seu mercado de capitais

O Congresso norte-americano aprovou esta quinta-feira legislação que força as empresas chinesas a saírem dos índices bolsistas norte-americanos a menos que cumpram as regras de contabilidade nos Estados Unidos. A legislação, que pode afetar dezenas de …

Polícia Judiciária faz buscas na Câmara de Vila Verde

A Polícia Judiciária está a fazer buscas na Câmara de Vila Verde, no distrito de Braga, relacionadas com "adjudicações a juntas de freguesia", confirmou esta quarta-feira à Lusa fonte daquela força policial. Segundo a mesma fonte, …

Reino Unido começa a vacinar já na próxima semana

O Reino Unido vai começar a vacinar a sua população contra a covid-19 na próxima semana. Depois da aprovação do uso da vacina da Pfizer, os primeiros a receber a vacina serão os trabalhadores e …

Governo já garantiu 370 camas no setor privado

O Governo já garantiu 370 camas no setor privado, sendo que quase metade, 164, são para doentes covid. Há atualmente 3.338 pacientes infetados com o novo coronavírus internados em hospitais. A informação foi confirmada por fonte …

Covid-19 pode ter chegado aos EUA em dezembro de 2019. País prepara-se para o pior inverno da história

Depois de ter sido confirmado que o novo coronavírus já circulava em Itália desde setembro de 2019, agora surge um relatório que refere que a covid-19 pode ter infetado um pequeno número de pessoas nos …

Maior parte dos médicos aposentados que voltam ao SNS prefere trabalhar em tempo reduzido

A maior parte dos médicos aposentados que regressa ao Serviço Nacional de Saúde (SNS) opta por trabalhar em tempo reduzido, adianta o Jornal de Notícias. De acordo com o Jornal de Notícias, do total de 216 …

Bruxelas ameaça avançar com Fundo de Recuperação sem Hungria e Polónia

A Comissão Europeia (CE) está a perder a paciência e, caso não haja progressos nas negociações, ameaça avançar com o Fundo de Recuperação europeu sem a 'luz verde' da Hungria e da Polónia. O ultimato foi …

Empresas que reforcem lay-off não podem fechar portas, mas podem reduzir horários a 100%

O chamado “apoio à retoma progressiva” vai permitir que em dezembro as empresas saltem para o escalão seguinte, que garante mais financiamento, mas o Governo exige que mantenham atividade. Contudo, garante que tal não condiciona …