Linha da Beira Alta novamente interrompida por deslizamento de terras

Nuno André Ferreira / Lusa

A circulação na Linha da Beira Alta voltou a ser cortada, às 08h00 desta segunda-feira, devido a um novo deslizamento de terras junto ao túnel do Coval, Mortágua, Viseu, onde no domingo um comboio de passageiros descarrilou, sem vítimas.

Fonte da Infraestruturas de Portugal (IP) disse que na altura do novo deslizamento não estava nenhum comboio a passar.

A CP referiu, por sua vez, que já está a ser acionado o transbordo dos passageiros.

A circulação na linha da Beira Alta tinha sido retomada entre as 02h00 e as 02h30 de hoje, depois de ter estado interrompida desde a manhã de domingo por causa de um descarrilamento em Mortágua, Viseu.

Desde as 08h40 de domingo que a circulação de comboios na linha da Beira Alta esteve cortada junto ao túnel de Coval, em Mortágua, devido ao descarrilamento de um intercidades que ligava a Guarda a Lisboa.

Na sequência do acidente, que não provocou feridos, a CP teve de assegurar o transbordo rodoviário dos passageiros entre Santa Comba Dão e Mortágua.

Em declarações à Lusa no domingo, o presidente da Câmara de Mortágua, Júlio Norte, disse que foi um deslizamento de terras, devido à chuva dos últimos dias, que causou o descarrilamento do comboio.

“O acidente não teve a ver com as obras” em curso nalguns troços da Linha da Beira Alta, acrescentou, frisando que, na sequência dos incêndios de 15 outubro de 2017, os taludes da linha e as encostas na zona estão desprovidos de vegetação, o que “tende a provocar deslizamentos” que arrastam terra, pedras e troncos.

O secretário de Estado das Infraestruturas, Guilherme W. d’Oliveira Martins, disse em declarações à Lusa no domingo que o troço da linha da Beira Alta onde o comboio descarrilou já estava em obras e que o talude em causa será urgentemente intervencionado.

Segundo disse, de momento estão a decorrer intervenções nos taludes (planos de terreno inclinado que dão estabilidade e sustentação ao solo) da linha da Beira Alta entre os quilómetros 59 e 82,6, pelo que acidente ao quilómetro 82,1 aconteceu dentro da área em obras.

“Esta situação no talude já tinha sido sinalizada, evidentemente as circunstâncias temporais agravaram a situação”, justificou.

O governante disse ainda que, além destas intervenções, a linha da Beira Alta terá “intervenções mais fortes” a partir de 2019, no âmbito do plano de investimentos Ferrovia 2020. Já este ano, acrescentou, haverá uma intervenção mais pequena no troço Guarda-Cerdeira.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Trump sugere que os mexicanos são uma ameaça terrorista maior do que o Daesh

O Presidente Donald Trump sugeriu que os mexicanos são uma ameaça muito maior do que o Daesh. Respondendo uma vez mais às críticas sobre ter retirado as tropas dos Estados Unidos (EUA) junto à fronteira …

Grécia. Incêndio em campo de refugiados deixa 600 pessoas sem alojamento

Um incêndio no campo de identificação e registo de migrantes de Vathy, na ilha grega de Samos, deixou 600 refugiados sem alojamento, alertou na terça-feira a organização não-governamental (ONG) Médicos Sem Fronteiras (MSF). "Em Vathy, seis …

Lista candidata à Ordem dos Enfermeiros excluída por ter poucos homens

Uma das listas candidatas às eleições para a Ordem dos Enfermeiros foi excluída por ter poucos homens. A comissão eleitoral nomeada explica que a lista não respeita a lei da paridade, aprovada pela Assembleia da …

“É a desilusão”. PSD queria novos ministros na Saúde, Educação e Justiça

  O PSD defendeu esta quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …

Dobradinha poderá render 1,6 milhões de euros a Bruno Lage

Caso consiga alcançar a dobradinha, isto é, vencer o campeonato e a Taça de Portugal, o treinador do Benfica, Bruno Lage, receberá em prémios cerca de 1,6 milhões de euros brutos, avança a imprensa desportiva. A …

Lisboa aumenta seis vezes IMI de prédios devolutos nos centros

A Câmara de Lisboa vai aumentar, em 2020, seis vezes a taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para os prédios devolutos nas zonas de maior pressão urbanística, anunciou esta quarta-feira o vereador das Finanças, …

Polícia entrou na federação de futebol da Bulgária e deteve cinco pessoas

Já depois de Borislav Mihailov se ter demitido da presidência da federação da Bulgária, uma unidade da estrutura policial que luta contra o crime organizado no país entrou esta terça-feira na sede da federação, em …

Família holandesa vivia há 9 anos numa cave à espera “do fim dos tempos”

A policia holandesa encontrou uma família de seis pessoas na cave de uma quinta no nordeste do país, onde viviam em isolamento há nove anos e, segundo a imprensa, esperavam “o fim dos tempos”. A polícia …

Kim Jong-un subiu montanha sagrada a cavalo (e deixou a Coreia à espera de um grande anúncio)

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, foi ao monte Paektu, a montanha considerada sagrada pelos norte-coreanos, dar um passeio a cavalo. As imagens foram divulgadas pela agência estatal KCNA, tendo surgido especulações de que virá aí …

Uma questão de físico. Já se sabe porque o Manchester United desistiu de João Félix

Foi a "falta de físico" que afastou João Félix do Manchester United. O clube inglês ponderou contratar a jovem estrela do Benfica, antes da sua mudança para o Atlético de Madrid, mas acabou por desistir …