Fundador da Uber cria companhia aérea de luxo para ricos irem de férias durante a pandemia

O fundador da Uber criou uma companhia aérea de luxo para que ricos possam ir de férias durante a pandemia de covid-19. A empresa garante que os seus voos são 100% seguros.

Em plena pandemia de covid-19, as autoridades de saúde continuam a pedir restrições mais duras em viagens não essenciais. Enquanto isso, o fundador da Uber, Garrett Camp, criou a Aero, uma companhia aérea de luxo semi-privada para que ricos possam contornar estas restrições e tirar umas férias como se nada fosse.

Na semana passada, escreve a VICE, a Aero fez o seu primeiro voo entre Los Angeles e Aspen, no Colorado, uma cidade turística famosa pelas suas estâncias de esqui. Nos próximos meses, a companhia aérea planeia incluir destinos estrangeiros no seu leque de opções.

A Aero dedica-se unicamente a viagens de lazer e conta com uma pequena frota de aviões que ostentam “interiores luxuosos” com paredes de camurça, “iluminação sofisticada” e assentos de couro italiano costurados à mão.

“Acontece que podemos ter construído o produto perfeito para a covid”, disse a CEO, Uma Subramanian, em declarações à VICE. “Claro que pensamos em adiar, mas na verdade dissemos que este é o melhor momento para fazer algo novo”.

A CEO garante que a segurança sanitária não está a ser descurada e que os seus aviões oferecem “viagens livres de covid”. Os assentos têm um espaçamento de cerca de dois metros entre si e são em fila única, permitindo 16 passageiros por avião. Todos são obrigados a fazer um teste à covid-19 antes do voo e usar uma máscara durante toda a viagem.

Nem todos concordam com essa alegação. Kelley Lee, professora de saúde pública na Universidade Simon Fraser, disse que não há maneira segura de viajar nesta fase da pandemia, especialmente com novas variantes a surgirem.

“Estamos todos fartos. Todos nós queremos ir para o Havai e deitar na praia. Eu entendo isso, porque estamos há um ano e continuamos a dizer-nos o que não podemos fazer”, disse Lee. “Realmente não é hora de movimentar pessoas. Se pudermos ficar o mais perto possível de casa, é assim que vamos superar esta pandemia”.

Além disso, os testes não são 100% fiáveis, porque uma pessoa pode “ser muito infecciosa”, mas ter o vírus numa quantidade pequena demais para ser detetada num teste.

  Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Rorhwerk, o maior instrumento musical do mundo

Rohrwerk, uma obra de arte efémera, é a maior "fábrica do som" do mundo

Uma espécie de "pavilhão do som". Alunos da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, criaram um novo instrumento musical, o maior alguma vez construído. Com 45 metros de altura, a obra de arte imponente …

Costa já pediu desculpas às confederações patronais. "Houve um lapso"

O primeiro-ministro afirmou, esta sexta-feira, que já apresentou um pedido de desculpas às confederações patronais por o Governo ter aprovado duas medidas na área do trabalho sem antes as ter apresentado em Concertação Social. À chegada …

Luxemburgo torna-se o primeiro país da Europa a legalizar o cultivo e consumo de canábis

O Governo luxemburguês anunciou, esta sexta-feira, que o país será a primeira nação do Velho Continente a legalizar o cultivo e o consumo de canábis. De acordo com a nova legislação, explica o jornal The …

Prisão preventiva para suspeitos da morte de jovem no metro das Laranjeiras

Os quatro suspeitos da morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa, ficaram em prisão preventiva, depois de presentes a primeiro interrogatório judicial. Os quatro arguidos, com idades entre os …

Cristiano vs. Salah: Klopp não queria comparar mas comparou

Treinador do Liverpool não acredita que vai encontrar um adversário debilitado: "Eles são capazes de fazer coisas incríveis". É o grande jogo de futebol no Reino Unido e um dos mais aguardados em todos os países: …

Bastonário dos Médicos considera direção executiva do SNS "um disparate"

O bastonário da Ordem dos Médicos considera que a criação da direção executiva do Serviço Nacional de Saúde, proposta no Estatuto do SNS aprovado esta quinta-feira, é "um disparate" e que há estruturas que podem …

João Leão no Parlamento: "A alternativa é um Orçamento apresentado pelo PSD"

O ministro das Finanças afirmou, esta sexta-feira, na Assembleia da República, que a alternativa à viabilização à esquerda da proposta de Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) é um Orçamento feito pelo PSD. "A alternativa que …

Mais de 30 mil mulheres polacas recorreram a métodos de aborto ilegais ou no estrangeiro desde a alteração na lei

Proibição à interrupção voluntária da gravidez entrou em vigor no início deste ano e as  exceções só se aplicam a casos de violações, incestos ou quando a saúde da mãe está em risco. Pelo menos 34 …

Fenprof anuncia nova greve no dia 12 e concentração em frente ao Parlamento

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou, esta sexta-feira, a realização de uma concentração em frente à Assembleia da República no dia 5 de novembro e a adesão à greve nacional da Administração Pública marcada …

Luis Díaz será a prioridade do Newcastle

Valor de mercado será agora inacessível para os clubes italianos, escreve-se... em Itália. O novo Newcastle deverá atacar o mercado do futebol com estrondo, possivelmente já daqui a pouco mais de dois meses, e a prioridade …