Líder muçulmano na Índia juntou fiéis durante quarentena. Agora é acusado de homicídio por negligência

Após manter um grupo de fiéis de vários países num centro espiritual mesmo depois do início do confinamento, o líder de um grupo religioso muçulmano em Nova Deli, capital da Índia, foi acusado de homicídio por negligência.

Segundo noticiou o Observador, que cita a BBC, a acusação indica que o líder do grupo islamita Tablighi Jamaat, Maulana Saad Kandhalvi, juntou entre 2.500 a três mil fiéis num centro espiritual com espaço para cinco mil pessoas, onde se realizou o evento anual do grupo. Arrisca agora uma pena de prisão até 10 anos.

Com início a 13 de março, o evento duraria dois dias. Devido, alegadamente, ao cancelamento de voos, muitos fiéis terão permanecido no centro espiritual. A 19 de março, Maulana Saad Kandhalvi disse num vídeo transmitido na internet que a Covid-19 era “um castigo de Deus”, apelando aos fiéis que “acudissem às mesquitas”.

O Observador notou que a situação piorou quando o primeiro-ministro, Narendra Modi, anunciou um confinamento a nível nacional, que começava a 23 de março, alargado entretanto até 03 de maio. Um dos membros do grupo disse à BBC, que “mais de mil [fiéis], incluindo muitos estrangeiros”, continuaram por lá por não terem para onde ir.

No início de abril, as autoridades atribuíam ao grupo e ao evento anual um terço do total de casos de Covid-19 confirmados na Índia. Atualmente, o país conta com 12.456 casos oficialmente confirmados e 423 mortes. O grupo e os seus seguidores, porém, têm acusado as autoridades centrais da Índia de islamofobia na gestão deste caso.

“É lamentável que as pessoas estejam a dizer que isto foi uma conspiração e estejam a usar termos como ‘jihad da corona’. Culpar uma comunidade não é acertado. Os media também têm tido um papel nefasto”, indicou à Al-Jazeera o constitucionalista Faizan Mustafa. “Os governos têm de demonstrar uma racionalidade maior do que os religiosos”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

O futebol português está de volta. Uma corrida de dois cavalos e a montra para Amorim

A bola volta hoje a rolar em Portugal após a interrupção devido à pandemia de covid-19. Regresso o futebol que tão bem conhecemos, mas de uma forma como nunca vimos antes. Estádios desertos e jogos quase …

Cientistas identificam fóssil do inseto mais antigo do mundo

Um fóssil de um milípede descoberto em 1899 é o inseto mais antigo do mundo, concluiu um novo estudo. O espécime em causa tem 425 milhões de anos. Uma equipa de investigadores da Universidade do Texas …

Jorge Jesus renova com o Flamengo por mais uma época

O treinador português anunciou, esta quarta-feira, que vai ficar mais uma época nos brasileiros do Flamengo, até junho de 2021. "Digam à nação que fico!". É esta a frase que acompanha a fotografia publicada, esta quarta-feira, …

Governo deixa cair lay-off simplificado. Novo apoio vai variar em função da quebra de faturação

O apoio às empresas em lay-off que retomarem a atividade será diferenciado em função da quebra de faturação, com vista a direcionar as ajudas públicas “a quem mais precisa”, afirmou esta terça-feira a ministra do …

Grupo de precários da Casa da Música dispensado de serviço via e-mail "meia hora depois" de uma vigília de protesto

Cerca de 13 trabalhadores "precários" da Casa da Música, no Porto, foram dispensados dos concertos que tinham alocados para o mês de junho. Em declarações à Lusa, Hugo Veludo, um dos 13 assistentes de sala …

Sete detidos em operação na Quinta da Fonte ficam em prisão preventiva

Os sete homens que foram detidos numa operação policial no bairro da Quinta da Fonte, em Loures, na segunda-feira, ficaram em prisão preventiva, a medida de coação mais gravosa, revelou à agência Lusa a Polícia …

O parasita da malária tem o seu próprio relógio interno

Um novo estudo acaba de revelar que, mesmo quando cultivados fora do corpo, os parasitas da malária conseguem manter o seu ritmo. Quando uma pessoa contrai malária, acontece uma dança rítmica dentro do corpo. Os sinais …

Maduro e Guaidó juntam-se na luta contra a pandemia. EUA acusam país de impedir voos humanitários

O governo do Presidente venezuelano e o líder da oposição Juan Guaidó acordaram procurar conjuntamente fundos para combater a pandemia da covid-19 na Venezuela, de acordo com um documento divulgado esta terça-feira na televisão oficial. No …

Marítimo "aplaude" Costa no espectáculo de Bruno Nogueira e pede adeptos nos Estádios

Com recurso a fotografias de António Costa no Campo Pequeno, a assistir ao espectáculo "Deixem o pimba em paz" de Bruno Nogueira, o Marítimo "aplaude" o gesto do primeiro-ministro e apela a que o futebol …

Sexta extinção em massa cada vez mais próxima. Mais de 500 vertebrados estão em risco

Uma sexta extinção em massa está cada vez mais perto, alertam os cientistas. Mais de 500 espécies de vertebrados estão sob ameaça de extinção devido aos seres humanos. Em 2015, o biólogo da Universidade de Stanford …