Líder muçulmano na Índia juntou fiéis durante quarentena. Agora é acusado de homicídio por negligência

Após manter um grupo de fiéis de vários países num centro espiritual mesmo depois do início do confinamento, o líder de um grupo religioso muçulmano em Nova Deli, capital da Índia, foi acusado de homicídio por negligência.

Segundo noticiou o Observador, que cita a BBC, a acusação indica que o líder do grupo islamita Tablighi Jamaat, Maulana Saad Kandhalvi, juntou entre 2.500 a três mil fiéis num centro espiritual com espaço para cinco mil pessoas, onde se realizou o evento anual do grupo. Arrisca agora uma pena de prisão até 10 anos.

Com início a 13 de março, o evento duraria dois dias. Devido, alegadamente, ao cancelamento de voos, muitos fiéis terão permanecido no centro espiritual. A 19 de março, Maulana Saad Kandhalvi disse num vídeo transmitido na internet que a Covid-19 era “um castigo de Deus”, apelando aos fiéis que “acudissem às mesquitas”.

O Observador notou que a situação piorou quando o primeiro-ministro, Narendra Modi, anunciou um confinamento a nível nacional, que começava a 23 de março, alargado entretanto até 03 de maio. Um dos membros do grupo disse à BBC, que “mais de mil [fiéis], incluindo muitos estrangeiros”, continuaram por lá por não terem para onde ir.

No início de abril, as autoridades atribuíam ao grupo e ao evento anual um terço do total de casos de Covid-19 confirmados na Índia. Atualmente, o país conta com 12.456 casos oficialmente confirmados e 423 mortes. O grupo e os seus seguidores, porém, têm acusado as autoridades centrais da Índia de islamofobia na gestão deste caso.

“É lamentável que as pessoas estejam a dizer que isto foi uma conspiração e estejam a usar termos como ‘jihad da corona’. Culpar uma comunidade não é acertado. Os media também têm tido um papel nefasto”, indicou à Al-Jazeera o constitucionalista Faizan Mustafa. “Os governos têm de demonstrar uma racionalidade maior do que os religiosos”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Urgência do Hospital Santa Maria está a chegar ao limite

A urgência dedicada aos casos suspeitos de covid-19 do Hospital Santa Maria, em Lisboa, reflete a evolução da pandemia em Portugal com doentes a avolumarem-se à porta para realizar o teste e no interior a …

Novo Banco. BCP garante que não faz "favores a ninguém" ao emprestar dinheiro ao Fundo de Resolução

O presidente executivo do BCP, Miguel Maya, disse ontem que o banco não faz "favores a ninguém" ao entrar no empréstimo de 275 milhões de euros da banca ao Fundo de Resolução, que posteriormente financiará …

Máfia italiana "lavou" milhões de euros ganhos com fundos europeus na Madeira

Uma das mais violentas máfias de Itália, a Società Foggiana, utilizou a Madeira para branquear mais de 16 milhões de euros obtidos com um esquema de burla à União Europeia (UE). Em causa estão fundos comunitários …

Ajudas de custo para professores deslocados ficaram na gaveta (e não estão previstas no OE2021)

O Orçamento de Estado para 2020 (OE2020) previa um programa de ajudas de custo para professores deslocados como incentivo à fixação. No entanto, a medida não avançou. O Jornal de Notícias avança esta sexta-feira que a …

Biden ainda à frente, mas nada está perdido para Trump. A luta pelos "swing states" continua

O dia em que os norte-americanos vão saber quem é o próximo presidente dos EUA está muito próximo. Entres sondagens, parece fácil levantar a ponta do véu. No entanto, é importante não esquecer que não …

Nani entre os candidatos a melhor jogador da época na MLS

O internacional português, capitão dos Orlando City, está entre os 46 jogadores nomeados para o prémio de melhor da época na liga norte-americana de futebol (MLS), anunciou, esta quinta-feira, o organismo. A eleição decorre até 9 …

"Estranho, muito estranho". Ana Gomes comenta morte do marido de Isabel dos Santos e é criticada

O empresário congolês Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos, morreu no Dubai, durante a prática de mergulho. Uma morte prematura aos 48 anos que leva Ana Gomes a comentar o assunto como "estranho", "muito …

Conselho Europeu. Vacinas distribuídas de forma justa e fronteiras não vão fechar

O presidente do Conselho Europeu garantiu, esta quinta-feira, no final de uma videoconferência entre os líderes da União Europeia, que os 27 estão "unidos" para enfrentar a "luta difícil" contra a segunda vaga da covid-19. "A …

Teletrabalho sim, confinamento não. O que vai sair do Conselho de Ministros de sábado

O Conselho de Ministro reúne no próximo sábado para discutir novas medidas para conter a propagação do novo coronavírus e em cima da mesa está o regresso ao teletrabalho e medidas de restrição à circulação. A …

Conselho de Disciplina instaura dois processos disciplinares a Varandas

O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) instaurou, esta quinta-feira, dois processos disciplinares ao presidente do Sporting, na sequência das declarações proferidas sobre o seu homólogo do FC Porto e das …