Libéria suspende campeonato de futebol para evitar propagação do Ébola

d.r. liberiansoccer.com

Patrick Ronaldinho Wleh, jogador do PKNS FC

Patrick Ronaldinho Wleh, jogador do PKNS FC

A Libéria anunciou esta terça-feira a suspensão de todas as atividades de futebol para controlar a propagação do vírus mortal Ébola, doença que está a atingir países da África Ocidental onde já morreram 672 pessoas, segundo as Nações Unidas.

A medida prende-se com eventual risco de infeção por o futebol ser um desporto de contato, indicou uma fonte da associação de futebol liberiana, citada pela BBC.

A Libéria, a Serra Leoa e a Guiné Conacri foram os primeiros países afetados pelo novo surto que está também a atingir a Nigéria, que registou na semana passada a primeira morte causada pelo Ébola.

Um médico norte-americano,  Kent Brantly, da organização cristã norte-americana Samaritan’s Purse, encontra-se hospitalizado e isolado do resto da equipa do hospital EWLA em Monróvia, que está a prestar assistência às vítimas do Ébola na Libéria.

kent.brantly / Facebook

O médico Kent Brantly, 33 anos, com a famíla

O médico Kent Brantly, 33 anos, com a famíla

Brantly é diretor do centro de apoio aos casos de Ébola do Samaritan’s Purse na Libéria, onde a organização mantém o trabalho em coordenação com as autoridades locais e outros grupos internacionais no sentido de conter a epidemia que se manifesta por hemorragias, vómitos e diarreias.

Na sexta-feira, as autoridades nigerianas confirmaram o primeiro caso mortal do vírus Ébola em Lagos, a cidade mais populosa de África, ao anunciarem a morte de um cidadão liberiano que se encontrava em regime de quarentena.

O doente, com 40 anos, chegou no domingo à capital económica nigeriana proveniente de Monróvia, via Lomé, no Togo. Foi hospitalizado após violentos vómitos e diarreias.

O liberiano foi colocado em regime de quarentena por apresentar sintomas associados ao vírus Ébola, que já vitimou 672 pessoas desde o início da epidemia na África ocidental, há alguns meses, incluindo 127 na Libéria.

No dia 20 de julho, a Organização Mundial de Saúde indicou que se registaram 1.093 casos durante os últimos seis meses, entre os quais se verificou a morte de 660 pessoas – a pior crise de Ébola de sempre.

Ainda não existe uma vacina homologada contra o Ébola, cujo primeiro caso foi registado em 1976 no Zaire, atual República Democrática do Congo, onde a doença adotou o nome de um rio do país.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Eis o primeiro enxame de (pequenos) buracos negros num aglomerado globular

Uma equipa de cientistas, que esperava encontrar um buraco negro de massa intermédia no coração do aglomerado globular NGC 6397, encontrou, em vez disso, evidências de uma concentração de buracos negros mais pequenos. Por vezes, na ciência, …

Ruth, a "humana digital" da Nestlé ensina como fazer as bolachas perfeitas

Graças à Inteligência Artificial, nasceu Ruth, um "humano digital" da Nestlé que interage connosco e nos ajuda a fazer as melhores bolachas com pepitas de chocolate. A internet é o maior livro de receitas a que …

“Ditador egoísta e despótico”. Margaret Tatcher comparou Saddam Hussein a Hitler após ataque ao Kuwait

Documentos do início da Guerra do Golfo revelam que a antiga primeira-ministra britânica Margaret Thatcher comparou Saddam Hussein a Adolf Hitler após a invasão do Kuwait pelo ditador iraquiano. De acordo com os documentos anteriormente confidenciais …

Cientistas criam "televisão" ultravioleta para animais (que nos vai ajudar a entendê-los melhor)

Uma equipa de cientistas da Universidade de Queensland, na Austrália, desenvolveu uma "televisão" ultravioleta para ajudar os especialistas a entender melhor a forma como os animais veem o mundo. Os monitores de televisões ou computadores têm …

Watakano, a “ilha da prostituição” que teve o seu auge nos anos 80, está agora vazia

Conhecida como “ilha da prostituição”, Watakano já foi considera um pequeno paraíso sexual. No seu auge, do final dos anos 70 a meados dos anos 80, homens faziam um curta viagem de barco até ao …

Deputado norte-americano quer banir GTA 5 e outros jogos violentos. Tudo para diminuir roubos de carros

O deputado norte-americano Marcus Evans quer proibir a venda de videojogos violentos que promovam atividades criminosas, como o GTA 5, face ao aumento dos roubos de automóveis em Chicago e um pouco por todo o …

Estudante projetou um casaco que se transforma num saco-cama para os sem-abrigo. E deu-lhes um emprego

Nos Estados Unidos, há pelo menos 567.715 pessoas que vivem nas ruas. Embora há quem vire as costas a essas estas, também há quem esteja disposto a fazer tudo para ajudar os necessitados e tirá-los …

Um livro e uma reclusa-mediterrânica. Aranhas venenosas obrigam a encerramento temporário de biblioteca nos EUA

Aranhas venenosas da espécie reclusa-mediterrânica apareceram na cave de uma biblioteca na Universidade do Michigan, nos Estados Unidos. Os funcionários de uma biblioteca da Universidade do Michigan, nos Estados Unidos, foram obrigados a encerrar temporariamente o …

Bolsonaro diz que máscaras causam "efeitos colaterais"

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, disse que as máscaras causam "efeitos colaterais" e citou um alegado estudo alemão, sem acrescentar mais detalhes. O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, causou polémica esta quinta-feira ao dizer que as …

Pilotos aprovam acordo de emergência na TAP

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) aprovou esta sexta-feira o acordo de emergência na TAP, adiantaram vários pilotos à Lusa. O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) aprovou o acordo de emergência na …