Libéria suspende campeonato de futebol para evitar propagação do Ébola

d.r. liberiansoccer.com

Patrick Ronaldinho Wleh, jogador do PKNS FC

Patrick Ronaldinho Wleh, jogador do PKNS FC

A Libéria anunciou esta terça-feira a suspensão de todas as atividades de futebol para controlar a propagação do vírus mortal Ébola, doença que está a atingir países da África Ocidental onde já morreram 672 pessoas, segundo as Nações Unidas.

A medida prende-se com eventual risco de infeção por o futebol ser um desporto de contato, indicou uma fonte da associação de futebol liberiana, citada pela BBC.

A Libéria, a Serra Leoa e a Guiné Conacri foram os primeiros países afetados pelo novo surto que está também a atingir a Nigéria, que registou na semana passada a primeira morte causada pelo Ébola.

Um médico norte-americano,  Kent Brantly, da organização cristã norte-americana Samaritan’s Purse, encontra-se hospitalizado e isolado do resto da equipa do hospital EWLA em Monróvia, que está a prestar assistência às vítimas do Ébola na Libéria.

kent.brantly / Facebook

O médico Kent Brantly, 33 anos, com a famíla

O médico Kent Brantly, 33 anos, com a famíla

Brantly é diretor do centro de apoio aos casos de Ébola do Samaritan’s Purse na Libéria, onde a organização mantém o trabalho em coordenação com as autoridades locais e outros grupos internacionais no sentido de conter a epidemia que se manifesta por hemorragias, vómitos e diarreias.

Na sexta-feira, as autoridades nigerianas confirmaram o primeiro caso mortal do vírus Ébola em Lagos, a cidade mais populosa de África, ao anunciarem a morte de um cidadão liberiano que se encontrava em regime de quarentena.

O doente, com 40 anos, chegou no domingo à capital económica nigeriana proveniente de Monróvia, via Lomé, no Togo. Foi hospitalizado após violentos vómitos e diarreias.

O liberiano foi colocado em regime de quarentena por apresentar sintomas associados ao vírus Ébola, que já vitimou 672 pessoas desde o início da epidemia na África ocidental, há alguns meses, incluindo 127 na Libéria.

No dia 20 de julho, a Organização Mundial de Saúde indicou que se registaram 1.093 casos durante os últimos seis meses, entre os quais se verificou a morte de 660 pessoas – a pior crise de Ébola de sempre.

Ainda não existe uma vacina homologada contra o Ébola, cujo primeiro caso foi registado em 1976 no Zaire, atual República Democrática do Congo, onde a doença adotou o nome de um rio do país.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas explicam porque trabalhar à noite faz mal aos intestinos

As pessoas que trabalham à noite têm mais probabilidades de desenvolver inflamações intestinais, porque há células que contribuem para a saúde intestinal que deixam de receber informações vitais do cérebro, indica um estudo divulgado esta …

Marinha dos EUA admite que vídeos de OVNI's são verdadeiros (e não era suposto ninguém saber)

A Marinha dos EUA confirmou que imagens de OVNIs que surgiram nos últimos anos são reais e que nunca pretenderam que o vídeo fosse visto pelo público. As imagens que apareceram pela primeira vez online em …

O Pólo Norte vai ter um hotel de luxo (iluminado pelas auroras boreais)

https://vimeo.com/360873720 O hotel "mais a norte do mundo" só existirá durante um mês e o glamping de luxo será para muito poucos: o custo é de 95 mil euros por pessoa por três dias. Em 2020, o …

Whitney Houston vai regressar aos palcos (em holograma)

Whitney Houston vai "regressar" aos palcos, em formato holograma. Foi anunciada uma digressão da cantora por várias salas do Reino Unido, em 2020. Os planos para uma digressão de holograma de Whitney Houston têm sido discutidos …

Victor Vescovo diz que chegou ao ponto mais profundo dos oceanos. James Cameron não concorda

James Cameron levantou dúvidas sobre as recentes declarações de Victor Vescovo sobre ter quebrado o recorde do mergulho mais profundo no oceano, dizendo que o empresário não pode ter descido mais, uma vez que não …

Par de patinadores no gelo mais medalhado de sempre anuncia fim da carreira

Os canadianos Tessa Virtue e Scott Moir, o par de patinadores no gelo mais medalhado da história do olimpismo, anunciaram esta quarta-feira o fim da carreira. “Olá a todos. Temos novidades para todos os que nos …

Elon Musk é o líder mais inspirador da tecnologia da atualidade

Elon Musk foi nomeado o líder mais inspirador no setor da tecnologia, de acordo com um estudo publicado pela Hired, uma plataforma para contratação de pessoal em 14 cidades em todo o mundo. O estudo, chamado …

De portas abertas para quem precisa. Frigoríficos solidários crescem em Paris

A Cantina do 18.º bairro parisiense foi o primeiro espaço deste projeto solidário, inaugurado há dois anos. Atualmente existem 38 restaurantes em França que acolhem os frigoríficos solidários. Em dois anos, o projeto dos frigoríficos solidários …

Imigrante do Bangladesh em Itália encontra e devolve carteira com 2 mil euros

Mossan Rasal, um bangladeshiano de 23 anos que vive em Roma, encontrou na rua uma carteira com dois mil euros, documentos de identificação, cartões de crédito, carta de condução. Em vez de retirar o dinheiro e …

Austrália conclui que China foi responsável por ciberataque ao parlamento

A agência de inteligência cibernética da Austrália (ASD) concluiu que a China foi a responsável por um ataque informático, no início deste ano, contra o parlamento nacional. Os serviços de inteligência australianos (Australian Signals Directorate) concluíram …