Lesões cerebrais tendem a aumentar o fundamentalismo religioso

JMJ Rio 2013 / Flickr

Um estudo publicado na revista Neuropsychologia revela que as lesões numa determinada região do cérebro tendem a aumentar o fundamentalismo religioso no comportamento individual.

“As crenças humanas e, neste caso, as crenças religiosas, são um dos armazenamentos de conhecimento cognitivo e social que nos diferencia de outras espécies e indicativos evolutivos de como os processos cognitivos/sociais influenciaram o desenvolvimento do cérebro humano”, disse o principal autor do estudo, Jordan Grafman, da Universidade Northwestern, nos EUA.

Grafman e a sua equipa examinaram 119 soldados veteranos da guerra do Vietname com lesões na região do cérebro conhecida como córtex pré-frontal ventromedial e 30 veteranos sem histórico de lesões cerebrais.

Os indivíduos com lesões relataram níveis mais altos de fundamentalismo religioso em comparação com os restantes, o que indica que “a variação na natureza das crenças religiosas é governada por áreas cerebrais superiores específicas e essas áreas estão entre as áreas mais desenvolvidas do cérebro humano”, explicou Grafman ao PsyPost.

Estudos anteriores sugeriram que o córtex pré-frontal ventromedial, situado no lobo frontal, era um “centro crítico” na representação de sistemas de crenças.

Este novo estudo revela que os danos no córtex pré-frontal ventromedial tendem a estimular o fundamentalismo religioso, reduzindo a flexibilidade e o planeamento cognitivo processado no córtex frontal – ou seja, a capacidade de atualizar crenças através de novos conhecimentos.

No entanto, Grafman alertou que os resultados da investigação possuem limitações quando são relacionados com outras crenças. “Ainda temos de entender como é que as crenças religiosas são diferentes das crenças morais, legais, políticas e económicas nas suas representações no cérebro“, afirmou o cientista.

Ao mesmo tempo que destacam a importância da descoberta, os cientistas também advertem para uma série de outros fatores que determinam as convicções religiosas de uma pessoa, incluindo traços de personalidade e o ambiente social.

“As crenças moldaram os nossos comportamentos há milhares de anos e dependem de outros aspetos dos processos cognitivos e sociais. Apesar de as crenças poderem ser estudadas de forma independente de outros processos cognitivos/sociais, a sua dependência e interação com outras funções cerebrais será um importante tema de investigação nas próximas décadas”, adiantou Grafman.

ZAP //

3 COMENTÁRIOS

    • E nos estádios de futebol, estão a ficar repletos deles, depois passamos pela politica é um nunca mais acabar!.

      • São os mesmos!!
        Alguns dos selvagens dos estádios são os mesmos que vão a Fátima (e à missa ao Domingo)!!
        Assim como alguns políticos!… a Cristas ainda ontem disse que ia a Fátima ver o Papa com a família porque é muita religiosa…
        Este centenário das alucinações, perdão, das aparições só vai ajudar a comprovar este estudo!

RESPONDER

O secretário geral da NATO, Jean Stoltenberg

Ciberataque poderá desencadear mecanismo de defesa mútua da NATO

O secretário geral da NATO, Jean Stoltenberg, lembrou esta quarta-feira que um ciberataque pode ser objeto de aplicação do artigo 5 do tratado da NATO e que se está a estabelecer o âmbito "ciber como …

"A Fila" da série de quadros The Vulnerability Series

Artista sírio pinta líderes mundiais como refugiados

E se os grandes líderes mundiais fossem, na verdade, refugiados? Foi assim que o artista sírio Abdalla All Omari os imaginou e mostrou ao mundo. "The Vulnerability Series" é o nome do projeto criado por Abdalla Al …

-

Polícias realizam manifestação nacional contra falta de respostas do Governo

Os polícias realizam esta quarta-feira, em Lisboa, uma manifestação nacional para protestar contra a falta de respostas do Governo às principais reivindicações e demonstrarem indignação pela forma como estão a ser tratados. A manifestação, que vai …

Salvador Sobral atua no Festival Confluências, no Marco de Canaveses

Salvador Sobral pede desculpa por comentário "inoportuno"

O cantor pediu desculpa pelo comentário "inoportuno" que fez, esta terça-feira, durante a atuação no evento solidário "Juntos por Todos", no MEO Arena, em Lisboa, para reforçar o apoio às populações afetadas pelos incêndios. Salvador Sobral …

O presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo Rebelo de Sousa faz sucesso no Facebook dos The Doors

Marcelo Rebelo de Sousa é uma inusitada "estrela" na página oficial da banda The Doors no Facebook. O Presidente de Portugal destaca-se numa imagem que está a fazer sucesso na rede social. "O Presidente de Portugal, …

A Ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa

Governo defende SIRESP e culpa PSP e Protecção Civil pela tragédia de Pedrógão Grande

O Governo critica a PSP e a Protecção Civil. A Protecção Civil e os bombeiros falam em falhas no SIRESP. Mas ninguém assume culpas pela tragédia em Pedrógão Grande, onde morreram 64 pessoas num incêndio …

Donald Trump

Revista Time pede a Trump que retire capa "fake" dos seus clubes de golfe

Donald Trump está envolvido em mais uma polémica. Depois de passar tanto tempo a criticar os media por fazerem aquilo a que chama de "notícias falsas", o próprio foi apanhado numa capa falsa da Time …

Imagem retirada do filme E.T., de 1982, do realizador Steven Spielberg

NASA desmente que "vai anunciar brevemente" descoberta de vida extraterrestre

Thomas Zurbuchen, administrador associado e director científico da NASA, clarificou esta segunda-feira nas redes sociais que a agência espacial norte-americana "não tem nenhum anúncio pendente" sobre a descoberta de vida extraterrestre. Num post publicado esta segunda-feira …

O vice-presidente brasileiro, Michel Temer

Temer diz que denúncia contra si é “uma ficção”

O Presidente do Brasil disse, esta terça-feira, numa declaração ao país que a denúncia de corrupção contra si, apresentada na segunda-feira no Supremo Tribunal Federal (STF) pelo procurador-geral, Rodrigo Janot, é "uma ficção". "A denúncia é …

Edifício do Ministério das Finanças em Lisboa

Mão humana no apagão de 10 mil milhões para offshores "é improvável”

A auditoria da Inspeção-Geral de Finanças (IGF) concluiu ser "extremamente improvável" que a falha informática que permitiu a saída de dez mil milhões de euros para offshore sem a análise do fisco tenha sido causada …