Lesões cerebrais tendem a aumentar o fundamentalismo religioso

JMJ Rio 2013 / Flickr

Um estudo publicado na revista Neuropsychologia revela que as lesões numa determinada região do cérebro tendem a aumentar o fundamentalismo religioso no comportamento individual.

“As crenças humanas e, neste caso, as crenças religiosas, são um dos armazenamentos de conhecimento cognitivo e social que nos diferencia de outras espécies e indicativos evolutivos de como os processos cognitivos/sociais influenciaram o desenvolvimento do cérebro humano”, disse o principal autor do estudo, Jordan Grafman, da Universidade Northwestern, nos EUA.

Grafman e a sua equipa examinaram 119 soldados veteranos da guerra do Vietname com lesões na região do cérebro conhecida como córtex pré-frontal ventromedial e 30 veteranos sem histórico de lesões cerebrais.

Os indivíduos com lesões relataram níveis mais altos de fundamentalismo religioso em comparação com os restantes, o que indica que “a variação na natureza das crenças religiosas é governada por áreas cerebrais superiores específicas e essas áreas estão entre as áreas mais desenvolvidas do cérebro humano”, explicou Grafman ao PsyPost.

Estudos anteriores sugeriram que o córtex pré-frontal ventromedial, situado no lobo frontal, era um “centro crítico” na representação de sistemas de crenças.

Este novo estudo revela que os danos no córtex pré-frontal ventromedial tendem a estimular o fundamentalismo religioso, reduzindo a flexibilidade e o planeamento cognitivo processado no córtex frontal – ou seja, a capacidade de atualizar crenças através de novos conhecimentos.

No entanto, Grafman alertou que os resultados da investigação possuem limitações quando são relacionados com outras crenças. “Ainda temos de entender como é que as crenças religiosas são diferentes das crenças morais, legais, políticas e económicas nas suas representações no cérebro“, afirmou o cientista.

Ao mesmo tempo que destacam a importância da descoberta, os cientistas também advertem para uma série de outros fatores que determinam as convicções religiosas de uma pessoa, incluindo traços de personalidade e o ambiente social.

“As crenças moldaram os nossos comportamentos há milhares de anos e dependem de outros aspetos dos processos cognitivos e sociais. Apesar de as crenças poderem ser estudadas de forma independente de outros processos cognitivos/sociais, a sua dependência e interação com outras funções cerebrais será um importante tema de investigação nas próximas décadas”, adiantou Grafman.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

    • E nos estádios de futebol, estão a ficar repletos deles, depois passamos pela politica é um nunca mais acabar!.

      • São os mesmos!!
        Alguns dos selvagens dos estádios são os mesmos que vão a Fátima (e à missa ao Domingo)!!
        Assim como alguns políticos!… a Cristas ainda ontem disse que ia a Fátima ver o Papa com a família porque é muita religiosa…
        Este centenário das alucinações, perdão, das aparições só vai ajudar a comprovar este estudo!

  1. Qual a diferença entre as religiões ea ciência atual da bola de cristal alarmista? Nenhuma, tudo a mesma seita de aldrabões que proclamam a toda a hora o apocalipse. Sendo que a seita da religião tem cada vez menos adeptos enquanto a seita da ciência tem imensos acéfalos do rebanho.

    • E mais, o raio que parta a seita da ciência que só tem andado a parir problemas neste mundo. Soluções nem uma única ainda para mais e como diz meu irmão, ainda está para nascer a ciência que me coloca comida no prato e ar para respirar.

  2. E mais, o raio que parta a seita da ciência que só tem andado a parir problemas neste mundo. Soluções nem uma única ainda para mais e como diz meu irmão, ainda está para nascer a ciência que me coloca comida no prato e ar para respirar.

RESPONDER

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …