Leitão Amaro troca de equipa. Vai apoiar Montenegro nas diretas do PSD

José Sena Goulão / Lusa

António Leitão Amaro

Esta sexta-feira, António Leitão Amaro anunciou que vai apoiar Luís Montenegro, adversário de Rui Rio, nas diretas do PSD.

Depois de apoiar o atual líder social-democrata, Rui Rio, nas últimas diretas do partido, António Leitão Amaro vai apoiar Luís Montenegro. O anúncio foi feito no programa “Vichyssoise” da Rádio Observador,no qual Leitão Amaro afirmou que “é altura de mudar de vida dentro do PSD”.

“Tenho muita estima pessoal por Rui Rio, mas acho que Luís Montenegro é significativamente melhor como solução para o país”, disse o ex-deputado social-democrata à Rádio.

Comparando-o a Sá Carneiro, Cavaco Silva e Pedro Passos Coelho, Leitão Amaro afirmou que Luís Montenegro pode ser “mais um candidato” para o país que se pode tornar num primeiro-ministro “à semelhança dos dos melhores que tivemos em Portugal”. “Estou verdadeiramente convicto, não é um mal menor, notem que estou a apresentar o meu apoio no inicio do processo eleitoral o que significa que é uma escolha absolutamente convicta”, afirmou.

O social-democrata destacou ainda três diferenças essenciais do projeto de Montenegro: uma “grande vontade de unir o partido”, de “abrir o partido à sociedade” e “de inspiração e mobilização dos portugueses, sendo claro na diferença e alternativa ao Partido Socialista”.

Em relação às eleições legislativas de 6 de outubro, António Leitão Amaro afirmou que o PSD obteve “o pior dos últimos 35 anos”, acrescentando que “a única vez que o PSD teve um resultado tão mau foi quando em certa medida trabalhava numa estratégia que tinha pontos de semelhança, em 1983. É um resultado que o PSD não pode aceitar“.

Apesar de ter apoiado Rui Rio nas últimas diretas, Leitão Amaro justificou o apoio dado na altura como “o bem que preferiu naquele momento”, mas destacou que “cada vez que Montenegro falou” foi notória a “diferença de capacidade política” entre o atual líder do PSD e o seu opositor.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Será que trocou de equipa porque deixou de ser deputado à Assembleia da República depois destas últimas eleições legislativas?

  2. Não me parece honesto dizer que em 2019 o PSD teve a maior derrota eleitoral em legislativas dos últimos 35 anos. Basta analisar a percentagem de votos obtidos pela PAF em 2015 (38,36%) e dela fizermos a extracção (como hipotése) dos votos do CDS. Ora se o PS teve 32,31%, (-6%) acho leviandade dizer-se que o PSD ganhou as eleições, e/ou teve um grande resultado

RESPONDER

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …

Ventura em operação de charme no Porto depois de um atraso muito criticado no Parlamento

O deputado André Ventura, eleito pelo Chega, tem agendada para este sábado uma verdadeira operação de charme no Porto, com encontros com o presidente da Associação Comercial do Porto e com apoiantes do partido. Iniciativas …

Assistente social acusada de maltratar 14 crianças em centro de acolhimento

O Ministério Público (MP) acusa uma mulher de 46 anos, que era assistente social e diretora técnica de um centro de acolhimento na Maia, no distrito do Porto, de maltratar 14 crianças nesta instituição. De …

Marcelo não vê razão de preocupação com empresas portuguesas de Isabel dos Santos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esta sexta-feira ter sinais de que não há razão para preocupação nos setores económicos e empresas portuguesas nas quais a Isabel dos Santos está a vender …

Mina de lítio em Montalegre. "Impactes negativos minimizáveis” e 370 empregos

O Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da concessão de exploração de lítio, em Montalegre, conclui que o projeto possui “impactes negativos” que, no entanto, “não são significativos”, “são minimizáveis” e de “abrangência local”. O EIA do …

Cristas faz o mea culpa e abandona o congresso. Corrida à sucessão faz-se a cinco

O 28.º congresso nacional do CDS arrancou este no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro com o discurso da líder demissionária Assunção Cristas, que fez uma espécie de mea culpa e agradeceu aos centristas …

Sérgio Conceição sai do FC Porto no fim da época

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, deixará o comando dos dragões no final da temporada. A derrota em casa com o Braga terá ditado a saída do técnico azul e branco. O técnico do FC …

Joacine quer mais direitos para deputados sem partido. "Está a antecipar" o futuro

A deputada Joacine Katar Moreira, do partido Livre, defendeu esta sexta-feira o alargamento dos direitos regimentais dos deputados não inscritos em partidos. A deputada única do Livre assumiu esta posição no final de uma reunião do …