Justiça alemã suspende destruição de floresta milenar

Acções realizadas por associações ambientalistas impediram até agora a expansão da exploração de carvão na Floresta de Hambach, de 12 mil anos de idade. O local foi ocupado durante anos por activistas em luta para impedir a destruição da floresta.

Um tribunal do estado alemão da Renânia do Norte-Vestfália ordenou esta sexta-feira a suspensão temporária da exploração de carvão na Floresta de Hambach, onde há alguns dias as autoridades tinham realizado uma mega-operação para desmontar o acampamento de ambientalistas que protestavam contra a expansão de uma mina de carvão no local.

A decisão do tribunal da cidade de Münster, em resposta a uma acção movida pela BUND, a Federação Alemã do Meio Ambiente e Protecção da Natureza, é o mais recente capítulo na já longa batalha que opõe a poderosa empresa de energia RWE e as organizações ambientalistas.

A RWE, que pretende assegurar lucros significativos com a exploração de uma das maiores minas de carvão a céu aberto do país, preparava-se para fazer a limpeza do terreno para possibilitar o início das actividades de extracção.

A suspensão das actividades da empresa deverá permanecer até à decisão final dos juízes sobre a acção movida pela BUND contra os planos da RWE para o período de 2018 a 2020, referentes à exploração de linhito, tipo de carvão que é considerado um dos combustíveis fósseis mais poluentes. A empresa poderá continuar as suas actividades na região, desde que nenhuma área de floresta seja afectada.

A BUND sustenta que esta região da floresta se enquadrara na Directiva de Habitats da União Europeia, mecanismo que tem como objectivo conservar as espécies de animais e plantas ameaçadas na Europa, devido à presença no local de uma população indígena de morcegos Bechstein.

A Floresta de Hambach tem 12 mil anos, é rica em biodiversidade e lar de mais de 140 espécies de plantas e animais, mas já só 10% da sua mata ainda está de pé.

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Todos os paises industrializados destruiram as suas florestas para alimentar as fábricas. Seja no Brasil, seja na China, seja na Alemanha, tanto faz, os humanos comtinuam a explorar os recursos naturais para seu proveito e sem respeito pelas outras espécies.

  2. Nós por cá somos mais práticos, deitamos fogo à floresta e o carvão fica logo feito… Quando arder tudo, havemos de reclamar com alguém que temos falta de ar…

  3. Será que estas empresas não estão obrigadas a reflorestar consoante vão destruindo, não me parece! Só querem os lucros e liberdade de fazerem o que bem lhes apetece com a colaboração de políticos irresponsáveis e inconscientes e possivelmente subornados.

RESPONDER

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …

Site da campanha de Trump foi alvo de ataque. Hackers "fartaram-se das fake news"

O website oficial da campanha presidencial de Donald Trump foi alvo de um ataque informático que o deixou temporariamente desfigurado na noite desta quarta-feira. Os hackers responsáveis substituíram o habitual conteúdo por uma mensagem normalmente utilizada …

CV30. O poderoso anticorpo descoberto por cientistas que dá luta ao novo coronavírus

Investigadores do Fred Hutchinson Cancer Research Center, nos Estados Unidos, descobriram um potente anticorpo, encontrado no sangue de um recuperado de covid-19, que interfere com a superfície espinhosa do novo coronavírus, fazendo com que partes …

Igreja flutuante "nasceu" num canal de Londres

A Denizen Works recentemente concluiu uma igreja flutuante pouco ortodoxa em Londres, no Reino Unido. O projeto tem um novo teto que pode ser baixado ou levantado conforme as necessidades. Batizado de Génesis em homenagem ao …

Compostos de alga vermelha da costa de Peniche eficazes no tratamento do cancro

A alga vermelha “Sphaerococcus coronopifolius” da costa de Peniche possui compostos com atividade antitumoral que podem contribuir para o desenvolvimento de novos fármacos ou potenciar o efeito de fármacos de combate ao cancro já existentes, …

Surto de covid-19 em Vila Flor. Festa de aniversário de autarca gera polémica

A festa organizada por funcionários da Câmara de Vila Flor, no distrito de Bragança, para celebrar o aniversário do seu presidente, está a dar que falar. O município já conta com cerca de 70 infetados. De …

Alberto II da Bélgica conhece filha de relação extraconjugal pela primeira vez

O antigo rei Alberto II da Bélgica encontrou-se pela primeira vez com a filha Delphine de Saxe-Cobourg, depois de anos de negações sobre a paternidade da recém-reconhecida princesa. De acordo com o jornal britânico The Independent, …

Estados Unidos testaram míssil balístico intercontinental

Os Estados Unidos anunciaram que testaram hoje com sucesso um míssil balístico intercontinental, para demonstrar a eficácia da dissuasão nuclear norte-americana e tranquilizar os aliados de Washington. O míssil, apelidado de Minuteman III, estava equipado com …