Jovic violou quarentena para festejar aniversário da namorada. Arrisca 3 anos de prisão

O jogador do Real Madrid Luka Jovic arrisca três anos de prisão após ter violado a quarentena obrigatória ao viajar até à Sérvia para o aniversário da sua namorada.

Luka Jovic, avançado do Real Madrid, que passou pelo SL Benfica entre 2016 e 2017, foi denunciado esta quinta-feira pela polícia sérvia por ignorar a quarentena obrigatória e viajar até à Sérvia para festejar o aniversário da sua namorada, Sofija Milošević.

O jogador madrileno deveria estar em quarentena tal como o resto do plantel do Real Madrid, uma vez que o clube decretou quarentena obrigatória após Trey Thompkins, jogador de basquetebol do Real, ter testado positivo ao novo coronavírus. De acordo com o DN, para piorar a situação, Jovic afirmou recentemente que tinha nadado na mesma piscina que Tompkins.

Para além de quebrar a quarentena do Real Madrid, o jornal sérvio Blic escreve que Jovic cometeu ainda uma maior infração. Aquando da sua chegada à Sérvia, o jogador teve de indicar uma morada onde iria permanecer em isolamento, como parte de uma medida tomada pelo Governo do país. No entanto, quando foi visitado pelas autoridades, o jogador não estava em casa.

Os procuradores de Belgrado querem fazer de Luka Jovic um exemplo e tencionam apresentar uma queixa crime formal dentro do próximo mês. Desta forma, o internacional sérvio corre o risco de receber uma pena de prisão de três anos por desobediência civil. O jogador já foi condenado a pagar uma multa a rondar os 1.300 euros, escreve o Observador.

“Ser atleta rico não nos impede de aplicar multas. Ou cumprem as regras ou vão para a prisão. Já redigimos as acusações criminais contra alguns destes atletas ricos. Só na noite passada foram 87 e as sentenças das mesmas podem variar entre um e 12 anos de prisão efetiva. Estas pessoas vão responder em tribunal na hora certa“, avisou a ministra do Interior da Sérvia, Nebojsa Stefanovic.

View this post on Instagram

A post shared by Luka Jovic (@lukajovic) on

Numa mensagem divulgada no Instagram, o avançado do Real Madrid já reagiu às notícias: “Antes de mais, peço muitas desculpas por ser o atual tema de conversa, ao longo dos últimos dias, e peço também desculpa por estarem constantemente a escrever sobre mim e não sobre os protagonistas da luta nesta crise, que são os médicos e todos aqueles que trabalham na área da saúde”, começou por dizer.

“Em Espanha, o teste que fiz para despistar o novo coronavírus deu negativo. Por isso, decidi vir para a Sérvia, ajudar e apoiar o meu povo, e para estar perto da minha família, sendo que fui autorizado pelo meu clube. Quando cheguei à Sérvia, fiz novamente o teste e voltou a dar negativo. Tenho muita pena que algumas pessoas tenham sido pouco profissionais e não me tenham informado corretamente sobre as medidas de quarentena no país”, explicou.

“Em Espanha, podia deslocar-me a uma farmácia ou supermercado para me abastecer, mas aqui não se pode. Peço desculpa a todas as pessoas que possa ter colocado em perigo e desejo que consigamos, todos, ultrapassar este momento que estamos a vivenciar. Apoiem a Sérvia e vamo-nos manter unidos”, lê-se ainda.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ministério dispensa quase todos os alunos da renovação de matrículas (após ataques informáticos e o desespero dos pais)

As matrículas online são agora obrigatórias apenas para os alunos que no próximo ano lectivo vão iniciar os 5.º, 7.º e 10.º anos de escolaridade. O anúncio é feito pelo Ministério da Educação depois das …

"Estavam prontos para bater". Atleta Ricardo dos Santos vai processar polícia londrina

O atleta português Ricardo dos Santos disse na segunda-feira que não demorou mais de 20 segundos a parar o carro, quando lhe foi pedido pelas autoridades em Londres, e garantiu que vai processar a polícia …

Motorista de autocarro em morte cerebral depois de agressões de passageiros em França

Um motorista de autocarro foi declarado em morte cerebral esta segunda-feira, em França, depois de ter sido agredido no domingo por passageiros a quem recusou a entrada no transporte público. No domingo à noite, um motorista …

Erro de laboratório origina 20 casos em dois clubes da Liga búlgara

Vinte pessoas estão infetadas com o novo coronavírus, após um futebolista com covid-19 ter participado no duelo entre o Cherno More e o Tsarko Selo, da Liga búlgara, devido ao erro de um laboratório, foi …

Soleimani foi assassinado de forma "ilegal e arbitrária", considera perita da ONU

A relatora especial da ONU, Agnes Callamard, considera que os Estados Unidos não apresentaram provas suficientes para justificar o ataque. Uma especialista da ONU concluiu que o general iraniano Qasem Soleimani, morto num raide norte-americano …

Bolsonaro infetado com covid-19

A imprensa brasileira confirmou, esta terça-feira, que o Presidente Jair Bolsonaro está infetado com covid-19. O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, testou positivo à covid-19. De acordo com a Globo, a informação foi avançada pelo próprio, …

Costa avisa que vem aí a "fase mais crítica" dos incêndios e pede prevenção

O primeiro-ministro participou numa reunião de acompanhamento e monitorização sobre prevenção e combate a fogos florestais e advertiu, esta terça-feira, que Portugal entra agora na fase mais crítica. Esta terça-feira, o primeiro-ministro advertiu que Portugal entra …

"Fracasso" no combate à covid-19. Diretora de Saúde de Israel demite-se

Siegal Sadetzki, diretora dos serviços públicos do Ministério da Saúde de Israel, denunciou o "fracasso" das autoridades em retardar a propagação da covid-19 no país, apresentando a sua demissão. Uma responsável do Ministério da Saúde de …

Quase 900 professores vão entrar nos quadros do Ministério da Educação

Quase 900 professores vão entrar nos quadros do Ministério da Educação, no âmbito do concurso externo imposto ao Estado pela União Europeia. Mais de 800 professores passaram a integrar os quadros do Ministério da Educação através …

Após saída do primeiro-ministro, Macron faz remodelação governamental e muda ministros-chave

O Presidente francês Emmanuel Macron aproveitou a mudança de primeiro-ministro para levar a cabo uma profunda remodelação do seu Governo. Anunciada na segunda-feira, a grande mudança é o novo ministro do Interior, Gérald Darmanin, até …