Jovem detido na Cova da Moura acusa polícia de violência e racismo

Thomas Hawk / Flickr

Um dos cinco jovens que foram detidos na semana passada na Cova da Moura, bairro problemático da Amadora, acusa a polícia de o ter agredido física e verbalmente.

“Bateram-me com o cassetete, davam pontapés. Diziam-me para me candidatar ao Estado Islâmico. Chamavam pretos, macacos, que iam exterminar a nossa raça”, conta Bruno Lopes, de 24 anos, em declarações ao jornal Público.

As circunstâncias relatadas pelo jovem terão ocorrido na esquadra da PSP de Alfragide, depois de ter sido detido em frente a um café da Cova da Moura. Bruno Lopes alega que foi encostado à parede por um agente, sem qualquer razão, e que depois foi agredido por outros dois sem oferecer “resistência alguma”, como frisa o Público, antes de ter sido detido.

Tudo aconteceu na passada quinta-feira, 5 de Fevereiro, e Bruno Lopes foi libertado na sexta-feira, depois de ter sido acusado de ter arremessado uma pedra contra uma carrinha da polícia – um dado que o jovem nega, citado pelo Público. “Se estava a ser revistado, como é que podia ter lançado uma pedra?”, refere para refutar as acusações das autoridades.

A actuação da PSP está a ser alvo de um inquérito interno, lançado na própria esquadra de Alfragide, mas também é motivo de averiguações no seio da Inspecção-Geral da Administração Interna (IGAI).

Na Cova da Moura, a certeza do excesso de violência dos agentes é inabalável. A cabo-verdiana Jailza Sousa, de 29 anos, que foi atingida por duas balas de borracha na nádega e no peito, quando estava com o filho, sublinha que não fez nada para motivar esta reacção de um agente. Ela diz que o filho está “traumatizado” e conta que viu Bruno Lopes “a levar chapadas” da polícia sem que o jovem revelasse qualquer postura agressiva.

SV, ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. A conversa é sempre a mesma imputar culpas aos agentes de autoridade com o argumento de racismo.Claro que só a ingenuidade nos fará acreditar no argumento tão estafado. Estas pessoas com comportamentos fora do normal deverãoser tratados como cidadãos que ignoram completamente as boas normas cívicas de convivência.Assim que a Lei (igual para todos) actue com proficiência.

  2. E alguém acredita? coitado do rapaz, estava ali na vida dele e do nada o guarda foi arriscar a carreira só porque lhe apeteceu dar porrada em alguém, dando comentários racistas onde provavelmente tem colegas negros…

    Não levou mas devia ter levado que quando sair vai estar a assaltar ou a passar droga

RESPONDER

TDT vai mudar de frequência (outra vez)

A frequência da Televisão Digital Terrestre (TDT) está a ser alterada de forma faseada, o que significa que os portugueses que usem este serviço gratuito de televisão têm de sintonizar novamente os seus recetores e/ou …

Ruas de Águeda entre as "mais bonitas do mundo" para a CNN

As ruas do centro de Águeda, no distrito de Aveiro, decoradas com guarda-chuvas estão entre as 21 mais bonitas de mundo para a emissora norte-americana CNN. A distinção é avançada pelo jornal Público, que dá …

Hospitais vão poder pagar mais a médicos para garantir urgências no Natal

Os hospitais vão poder contratar médicos prestadores de serviço, vulgo tarefeiros, por valores superiores aos de referência durante o Natal e o Ano Novo. De acordo com o presidente da Federação Nacional dos Médicos, Noel Carrilho, …

Jovem que abandonou bebé no lixo esteve 13 anos institucionalizada em Cabo Verde

A jovem que abandonou o filho recém-nascido no lixo, em Lisboa, esteve institucionalizada durante 13 anos em Cabo Verde. A sua mãe está agora a lutar pela guarda da criança. Numa entrevista ao programa Sexta às …

Último debate. Boris defendeu o Brexit e Corbyn falou da Saúde (pelo menos 15 vezes cada um)

No debate televisivo, transmitido pela BBC, o último antes das eleições da próxima quinta-feira, Boris Johnson defendeu que é o melhor preparado para concretizar o Brexit e terminar com o impasse no processo, prometendo ainda …

No São José, há um doente numa cama 9 meses depois de ter alta. Não tem para onde ir

O Centro Hospitalar Lisboa Central tem diariamente uma média de 70 camas ocupadas com doentes que já deviam ter saído do hospital e há atualmente um caso que espera há nove meses por uma solução. Em …

Rio diz ser preocupante "notória desvalorização" que PS faz do ministro das Finanças

O líder do PSD disse, esta sexta-feira, ser preocupante a "notória desvalorização" que o Governo tem feito do ministro da Finanças, apontando como exemplo as novas regras de contratação nas PPP. "Temos assistido nos últimos dias …

Morreu a indiana que foi queimada quando ia a caminho do tribunal

A suposta vítima de violação, que foi incendiada a caminho de uma audiência de tribunal, morreu, esta sexta-feira, num hospital de Nova Deli. A mulher foi atacada por um grupo de homens na cidade de Unnao, no …

André Ventura avança com castração química para quem abusa de menores

André Ventura, líder e deputado único do partido Chega, entregou esta sexta-feira na Assembleia da República um projeto de lei que cria a pena acessória de castração química, agravando a moldura penal para os abusadores …

Centeno com apoios de peso para recandidatura ao Eurogrupo

Ao que tudo indica, o ministro das Finanças não deverá ter grande oposição em Bruxelas caso queira um segundo mandato como presidente do Eurogrupo. De Bruxelas chegam notícias de que Mário Centeno já terá apoios para …