Jerónimo “não está a prazo” no PCP (e vai continuar a negociar com o PS)

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa

O PCP continua disponível para negociar com o PS, mas não a troco de nada. Quanto ao quinto mandato consecutivo enquanto secretário-geral do partido, Jerónimo avisou, este domingo, que não está “a prazo”.

No discurso de encerramento do XXI Congresso do PCP, o recém-eleito secretário-geral do partido, Jerónimo de Sousa, deixou um aviso ao primeiro-ministro: o PCP continua disponível para negociar pontualmente com o PS, mas os socialistas terão de pagar caro. “Uma alternativa política não será possível sem o PCP”, disse, citado pelo Expresso.

Depois de ter admitido que o Orçamento do Estado para 2021 ficou “curto” na sua versão final, Jerónimo frisou que se houve “avanços” é porque o PCP os propôs, enquanto “alguns desistiam”. Recorde-se que o Bloco de Esquerda votou, pela primeira vez, contra um Orçamento deste Governo.

“Enquanto alguns desistiam, se há avanços, medidas consagradas dirigidas aos trabalhadores, aos reformados, às pequenas empresas, à cultura, ao Serviço Nacional de Saúde e aos seus profissionais, todas têm a marca, a contribuição, a proposta do PCP”, afirmou o líder comunista, numa indireta ao Bloco.

A mensagem foi muito parecida à transmitida no Avante!: o PCP conta, talvez mais do que nunca para a sobrevivência do Governo PS.

“A alternativa política não é possível só com o PCP, mas também não será possível sem o PCP”, declarou Jerónimo, classificando o partido como “necessário e indispensável” para construir soluções para os trabalhadores e o povo.

O secretário-geral comunista acrescentou ainda que o PCP não está a prazo nem em “período experimental”, uma resposta à especulação de que, mesmo tendo sido reconduzido, poderá não cumprir este mandato até ao fim.

“Neste momento, tenho força para dizer que, sim senhora, não estou a prazo”, garantiu. Aos 73 anos e líder do PCP há 16 – o secretário-geral com maior longevidade a seguir ao histórico Álvaro Cunhal -, o ainda deputado revelou-se “com energia, com força [para a luta]”. “Eu força terei, se não tiver é que não posso…“, brincou ainda.

Depois da polémica em que o Congresso do PCP esteve envolto, num fim de semana de recolhimento obrigatório, Jerónimo justificou e falou em “ensinamentos”. “Não existe nenhuma dificuldade intransponível para garantir a segurança sanitária e o exercício de direitos e liberdades.”

“Temos essa tese irrefutável que os direitos defendem-se exercendo-se“, frisou.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Continuar a negociar até desaparecer… a grande estratégia comunista é esta. E ve-se a cada eleição que passa. Um partido em auto-destruição mas com muita auto-impotância. Afinal eles são os salvadores dos trabalhadores mas não são executivo. Só contradições. Daqui a 10 anos são mais um pctp-mrpp…

RESPONDER

Estado indiano muda nome da fruta-dragão. Soava demasiado chinês

As autoridades do estado indiano de Gujarat decidiram mudar o nome da popular pitaia, conhecida como fruta-dragão, que a partir de agora será chamada de "kamalam", que significa "flor de lótus" em sânscrito. De acordo com …

Hospital S.João com taxas de ocupação de 85% a 95%. Profissionais tomam hoje a 2º dose da vacina

O Hospital de São João, no Porto, regista hoje taxas de ocupação covid-19 entre os 85% e os 95%, revelou hoje o conselho de administração que descreveu um “panorama exigente e complexo”, mas “estável” apesar …

Rússia planeia vacinar 20 milhões de pessoas até final de março

A Rússia planeia vacinar cerca de 20 milhões de pessoas contra a covid-19 durante o primeiro trimestre deste ano, adiantou hoje a vice-primeira-ministra russa, Tatiana Golikova. "Estimamos que, se tudo correr bem, iremos envolver neste processo …

Sem reis nem rainhas. Jovem holandesa inventa baralho de cartas neutro

Uma jovem holandesa de 23 anos, chamada Indy Mellink, inventou um baralho de cartas de género neutro, sem reis, rainhas nem valetes, com o qual quer resolver a suposta desigualdade dos baralhos de cartas tradicionais. Tudo …

Portugal com mais 274 mortes e 15.333 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje 274 mortes relacionadas com a covid-19, o maior número de óbitos em 24 horas desde o início da pandemia, e 15.333 casos de infeção com o novo coronavirus, também um novo máximo …

Colégios privados queriam continuar aulas, mas vão acatar decisão do Governo

A Associação de Estabelecimentos de Ensino Particular e Cooperativo (AEEP) esteve esta sexta-feira reunida de forma a apurar se os colégios privados podiam ou não dar aulas apesar da interrupção decretada pelo Governo no âmbito …

TikTok inspira jovens russos a protestar contra Putin (e a proteger Navalny)

O TikTok está a ser usado como uma ferramenta crucial num apelo à ação contra o Governo do presidente da Rússia, Vladimir Putin, após a prisão do crítico Alexei Navalny. De acordo com a Newsweek, as …

Silêncio no metro e máscaras artesanais proibidas. França dá tudo para evitar novo confinamento

Face à ameaça de novas variantes do coronavírus que serão mais contagiosas, o Governo francês está a tomar novas medidas para evitar a propagação do vírus, tudo com o intuito de evitar um terceiro confinamento …

Paulo Rangel afasta candidatura à Câmara do Porto (e deixa Rio com "batata quente" nas mãos)

O eurodeputado do PSD Paulo Rangel não será candidato à Câmara do Porto nas eleições autárquicas deste ano. O Público avança que Paulo Rangel comunicou a sua decisão ao presidente do partido, Rui Rio, durante …

Morreu Larry King, o famoso apresentador de talk-shows

Larry King morreu este sábado. O famoso apresentador norte-americano estava infetado com covid-19. A informação foi avançada na conta oficial do célebre jornalista e apresentador de talk-shows. "Com profunda tristeza, a Ora Media divulga a morte …