Seis anos e mil milhões de links depois, cientistas concluem que a Internet está a crescer (e a encolher)

Uma equipa de investigadores analisou mil milhões de links ao longo de seis anos e concluiu que a Internet está tanto a crescer como a encolher.

O mundo online está em constante expansão — cada vez a agregar mais serviços, mais utilizadores e mais atividades. No ano passado, o número de sites registados no domínio “.com” ultrapassou 150 milhões.

No entanto, mais de um quarto de século desde o seu primeiro uso comercial, o crescimento do mundo online está a desacelerar em algumas categorias importantes.

Investigadores conduziram um projeto de pesquisa de vários anos analisando as tendências globais em diversidade e domínio online. O estudo, publicado na Public Library of Science, é o primeiro a revelar algumas tendências de longo prazo de como as empresas competem na era da web.

Assistiu-se a uma consolidação dramática de atenção para um grupo cada vez menor (mas cada vez mais dominante) de organizações online. Portanto, embora ainda haja um crescimento nas funções, aplicações e recursos oferecidos na web, o número de entidades que fornecem essas funções está a diminuir.

Diversidade na web em queda livre

Os investigadores analisaram mais de seis mil milhões de comentários de utilizadores da rede social Reddit desde 2006, bem como 11,8 mil milhões de publicações no Twitter desde 2011. No total, o estudo usou um enorme tesouro de dados de 5,6 terabytes de mais de uma década de atividade global.

Este conjunto de dados era mais de quatro vezes o tamanho dos dados originais do Telescópio Espacial Hubble, que ajudou Brian Schmidt e o seus colegas a fazerem o seu trabalho laureado com o prémio Nobel em 1998 para provar que a expansão do universo está a acelerar.

Com as publicações do Reddit, os investigadores analisaram todos os links para outros sites e serviços online — mais de um milhão no total — para entender a dinâmica do crescimento, domínio e diversidade do link ao longo da década.

Há uma década, havia uma variedade muito maior de domínios nos links publicados por utilizadores do Reddit, com mais de 20 domínios diferentes para cada 100 links aleatórios divulgados pelos utilizadores. Agora, existem apenas cerca de cinco domínios diferentes para cada 100 links.

Na verdade, entre 60-70% de toda a atenção nas principais plataformas de redes sociais está voltada para apenas dez domínios populares.

Além das plataformas de redes sociais, os autores também estudaram os padrões de link na web, analisando quase 20 mil milhões de links em três anos. Estes resultados reforçaram que “os ricos estão a ficar mais ricos” online.

A autoridade, influência e visibilidade dos 1.000 principais sites globais está a crescer a cada mês, às custas de todos os outros sites.

Diversidade de aplicações está a aumentar

A web começou como uma fonte de inovação, novas ideias e inspiração. Agora também está a tornar-se um meio que realmente sufoca a competição e promove monopólios e o domínio de apenas alguns.

As descobertas resolvem um paradoxo de longa data sobre a natureza da web: ajuda a desenvolver negócios, empregos e investimentos? Ou torna mais difícil progredir ao permitir que qualquer pessoa participe no jogo? A resposta, ao que parece, é que faz as duas coisas.

Enquanto a diversidade de fontes está em declínio, há uma força contrária de funcionalidade continuamente crescente com novos serviços, produtos e aplicações — como serviços de streaming de música (Spotify), programas de compartilhamento de arquivos (Dropbox) e plataformas de mensagens (Messenger e Whatsapp).

“Mortalidade infantil” de sites

Outra descoberta importante foi o aumento dramático na taxa de “mortalidade infantil” dos sites.

Os investigadores examinaram novos domínios que eram continuamente referenciados ou “linkados” nas redes sociais após a sua primeira aparição. Descobriram que, embora quase 40% dos domínios criados em 2006 estivessem ativos cinco anos depois, apenas um pouco mais de 3% daqueles criados em 2015 permanecem ativos hoje.

A dinâmica da competição online está a tornar-se cada vez mais clara. E a perda de diversidade é preocupante. Ao contrário do mundo natural, não há santuários; a competição faz parte tanto da natureza quanto dos negócios.

Este estudo tem implicações profundas para líderes empresariais, investidores e governos. Mostra que os efeitos de rede da web não se aplicam apenas a negócios online. Atravessam toda a economia e estão a reescrever muitas das suas regras.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Internet e uma selva. Uns acham romantico, outros local para expor sua vida, outros para roubar, outros para esconder frustacoes e conquistas, outros para trabalharem, outros para divertir-se… e grande salada tem de ser disciplanada…

RESPONDER

Pfizer investiga pessoas vacinadas que contraíram a doença e estuda impacto da dose de reforço

A farmacêutica Pfizer vai realizar um estudo sobre um grupo de pessoas que depois de vacinadas contra o covid-19 contraíram a doença para determinar se é necessária uma dose de reforço. O anúncio sobre a investigação …

Vídeo da TAP a contratar em Espanha gera revolta. Companhia já abriu inquérito disciplinar

Numa altura em que o cenário do despedimento colectivo na TAP está na agenda política nacional, há um vídeo que revela o director de Recursos Humanos da companhia numa acção de recrutamento de trabalhadores em …

Defesa alega que Salgado tem “lapsos de memória” e “desgaste físico e emocional”

Os advogados apresentam um apanhado do que chamam do perfil psicológico do arguido, bem como as condições físicas em que atualmente se encontra. A contestação conta com 191 páginas. Tendo em conta o escrutínio público a …

"Errar é humano". Rui Moreira defende Medina das críticas (mas garante que no Porto não aconteceria algo semelhante)

Depois de Fernando Medina se ver envolvido no casos dos dados dos ativistas russos, Rui Moreira vem defender o seu homólogo dizendo que este não deverá abandonar a autarquia lisboeta. Em entrevista à TVI24, o Presidente …

"Cena de Kafka ou de Orwell". Bielorrússia exibe Protasevich em conferência de imprensa

As autoridades bielorrussas exibiram, esta segunda-feira, o jornalista Roman Protasevich, numa conferência de imprensa descrita pela oposição como uma "cena kafkiana" e realizada sob "coação". Esta segunda-feira, Roman Protasevich esteve presente numa conferência de imprensa do …

Pipa conhece interesse do Sporting e não descarta transferência

Gonzalo Ávila Gordon, mais conhecido por Pipa, tem sido observado pelo Sporting CP como opção para concorrer pelo lugar de Pedro Porro. "Vi as notícias, sei que o Sporting é o campeão português e um grande …

Fatura da luz vai aumentar já no próximo mês

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) aprovou um aumento nos preços da luz para as cerca de 954 mil famílias que são abastecidas no mercado regulado. A revisão entra em vigor a 1 de julho …

Num dia "incrivelmente positivo", Biden lançou avisos a Putin e teve uma reunião "muito boa" com a Turquia

O presidente dos EUA, Joe Biden, considerou a cimeira da NATO, realizada esta segunda-feira em Bruxelas, um dia "incrivelmente positivo", naquela que foi a sua primeira deslocação internacional desde que tomou posse. Joe Biden destacou, durante …

Portugal enfrenta a Hungria à procura de retomar onde Éder nos deixou

A seleção portuguesa de futebol inicia esta terça-feira a defesa do título no Euro2020, com o objetivo de superar a Hungria, 'outsider' do Grupo F, em Budapeste, antes dos complicados embates frente às favoritas Alemanha …

Duarte Cordeiro admite que Lisboa corre o risco de recuar no desconfinamento

O coordenador para a covid-19 em Lisboa e Vale do Tejo revelou, esta segunda-feira, que o concelho de Lisboa "já está acima do limite" de 240 casos por 100 mil habitantes. "Estamos a sentir um nível …