Indiana luta pela vida com uma foice e mata leopardo que a atacou

BBC

Kamla Devi no hospital, depois de ter sobrevivido a um ataque de leopardo e de matar o felino

Kamla Devi no hospital, depois de ter sobrevivido a um ataque de leopardo e de matar o felino

Uma mulher atacada por um leopardo na Índia defendeu-se com uma foice e uma pá e – depois de lutar durante meia hora – acabou por matar o felino.

A sobrevivente, Kamla Devi, sobreviveu com várias mordidelas e fracturas ao ataque, que aconteceuno Estado de Uttarakhand, no norte do país.

Kamla Devi procurava água, este domingo, quando o leopardo surgiu de um arbusto e fez uma investida.

“Pensei: pronto, já era“, conta Devi à BBC, “mas não perdi a paciência e a coragem”.

Devi carregava água de um ribeiro próximo para a sua plantação, junto à aldeia de Sem Nauti, no distrito de Rudraprayag.

Mano a mano

Durante a luta, Devi diz ter partido alguns dos dentes do animal.

“Lutamos mano a mano durante quase meia hora, até que percebi que o leopardo estava morto”, conta Kamla Devi, que foi internada num hospital próximo da cidade de Srinagar Garhwal.

Os médicos disseram ter ficado surpreendidos por Devi ter sobrevivido e acharam que teve muita sorte.

“A paciente teve duas fracturas na mão direita e uma na esquerda, além de ferimentos profundos na cabeça e nas pernas. Havia marcas de mordidelas no corpo todo”, relata o médico que a atendeu, Abdul Rahul.

BBC

Kamla Devi no hospital, depois de ter sobrevivido a um ataque de leopardo e de matar o felino

Kamla Devi no hospital, depois de ter sobrevivido a um ataque de leopardo e de matar o felino

Pankaj Bist, um dos vizinhos que levaram Devi ao hospital, contou que ela foi buscar água por volta de 10h.

“Kamla é muito corajosa. Foi à luta só com uma foice e atacou o leopardo.”

Perda de habitat

A semana passada, leopardos mataram uma mulher em outra outra localidade de Uttarakhand, e feriram outra em Rudraprayag.

Os moradores dizem que os felinos estão a ser vistos cada vez com mais frequência nas proximidades das povoações, à medida que a população cresce e reduz os habitats dos leopardos.

Rudraprayag ganhou renome internacional na década de 1920 graças a um livro de Jim Corbett, um ex-caçador e conceituado ambientalista.

O livro, Man Eater of Rudraprayag, (Devorador de Homens em Rudraprayag) regista as tentativas de Corbett de localizar um velho leopardo macho que tinha a fama de ter morto mais de 125 pessoas, antes de ser caçado por Corbett, em 1925.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Rio alerta para "claro divórcio entre a sociedade portuguesa e os partidos políticos"

O presidente do PSD, Rui Rio, disse ontem, em Paredes, no distrito do Porto, haver "um divórcio entre a sociedade e os partidos", defendendo que só uma maior "abertura" das estruturas às "pessoas" pode inverter …

Megaoperação de combate à pedofilia detém mais de 30 pessoas

Mais de 30 pessoas foram detidas em onze países no âmbito de uma megaoperação de combate à pornografia infantil realizada pela Europol e pela polícia nacional de Espanha, país onde foram presos mais de metade …

Grandes hotéis acusados de ignorar tráfico sexual. Queixa em grupo relata casos de 13 mulheres

Uma ação judicial deu entrada segunda-feira em Columbus, Ohio, nos Estados Unidos (EUA), com vários grandes grupos hoteleiros a serem acusados de lucrar com o tráfico sexual, ignorando os crimes e os danos nas vítimas. Segundo …

Líder da Birmânia, Suu Kyi, vai a Haia defender o país de acusação de genocídio

A líder birmanesa Aung San Suu Kyi decidiu comparecer perante o Tribunal Internacional de Justiça (TIJ) para defender o seu país da acusação de genocídio contra a minoria muçulmana rohingya, durante uma audiência de três …

Impeachment. Democratas preparam-se para avançar com duas acusações formais contra Trump

Os democratas estarão a planear apresentar esta terça-feira dois artigos de impeachment que acusam Donald Trump de abuso de poder e obstrução do Congresso. De acordo com o jornal norte-americano The New York Times, o Comité …

Esquema de venda de droga na darkweb. Fortuna em bitcoins fica nas mãos do Estado

Pedro e Rita vendiam droga para todo o mundo na darkweb. Agora, a fortuna em bitcoins acabou por ficar nas mãos do Estado. Pedro, um engenheiro informático, e Rita, uma web designer, montaram um esquema para …

CDS e PAN querem regime protetor do denunciante no combate à corrupção

CDS e PAN vão apresentar propostas no combate à corrupção que tem sido discutido desde segunda-feira. Os partidos querem um regime protetor do denunciante. Numa iniciativa de combate à corrupção, o CDS e o PAN vão …

Morreu Marie Fredriksson, vocalista dos Roxette

A cantora sueca Marie Fredriksson, dos Roxette, morreu segunda-feira aos 61 anos, anunciou esta terça-feira a sua manager em comunicado. Marie Fredriksson, vocalista e co-fundadora da banda Roxette, faleceu esta segunda-feira, aos 61 anos. A morte …

Taxa de sucesso no ensino profissional atinge os 63%. É o valor mais alto de sempre

No ano letivo de 2017/2018, 63% dos alunos inscritos no ensino profissional concluíram os seus cursos no tempo previsto, mais dez pontos percentuais do que quatro anos antes, avança o jornal Público. De acordo com um …

Regra para filhos de pais separados em casas alternadas divide partidos

A lei já prevê que os filhos de pais separados possam ficar em residência alternada se o tribunal assim o decidir. Porém, as regras não são claras e vai ser discutida a melhor forma de …