Impedida de participar, Rússia terá planeado ciberataque aos Jogos Olímpicos de 2020

Uma investigação conjunta do Centro Nacional de Cibersegurança do Reino Unido e agências norte-americanas concluiu que os serviços militares russos estavam a planear um ciberataque em grande escala aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos que iam decorrer este ano em Tóquio.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, os serviços secretos da Rússia planeavam alegadamente conduzir ataques informáticos contra os organizadores, os serviços logísticos e os patrocinadores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos que iam ocorrer este ano em Tóquio, mas que foram adiados devido à pandemia de covid-19.

O Centro Nacional de Cibersegurança do Reino Unido suspeita que, para o ataque russo, seriam criados sites falsos e que seria levada a cabo uma ação de “pear phishing”, que consiste na recolha de dados dos utilizadores. Depois, os serviços russos iriam utilizá-los para semear a confusão na logística dos Jogos Olímpicos.

Segundo o Centro Nacional de Cibersegurança do Reino Unido, que trabalhou em colaboração com agências norte-americanas, este ciberataque terá tido origem numa espécie de “vingança” contra a decisão do Comitê Olímpico Internacional, que baniu a Rússia de todos os eventos desportivos a nível mundial, após as autoridades russas terem sido acusadas de violar dados laboratoriais e ocultar testes positivos de doping.

Em declarações ao jornal britânico, Dominic Raab, secretário das Relações Exteriores do Centro Nacional de Cibersegurança britânico, disse que as “ações da Rússia contra os Jogos Olímpicos e Paralímpicos são cínicas e imprudentes” e que o centro condena a ação “nos termos mais fortes possíveis”.

Por outro lado, o centro britânico considera que será difícil culpabilizar os serviços de inteligência russos pelo ataque de 2020, uma vez que toda a informação relativa ao ataque cibernético terá sido eliminada.

Raab garantiu ainda que o “Reino Unido continuará a trabalhar com os seus aliados para alertar e combater futuros ataques cibernéticos maliciosos”.

Agora, as autoridades pretendem evitar um ataque semelhantes nos próximos Jogos Olímpicos e Jogos Paralímpicos, que foram adiados devido à pandemia para os meses de julho e agosto de 2021. 

Esta não é a primeira vez que a Rússia é acusada de realizar um ataque informático conta este evento desportivo.

Na cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018, na Coreia do Sul, os serviços de inteligência russos terão bloqueado o acesso ao site do evento, o que fez com que os espetadores não pudessem imprimir os bilhetes e não conseguissem entrar no local do evento. Além disso, os serviços russos terão desligado o wi-fi do local da cerimónia.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Numa verdadeira cena à James Bond, homem foge do FBI numa scooter subaquática

Um americano que estava a ser procurado por um suposto envolvimento num esquema de fraude, foi preso na passada segunda-feira, dia 16, após usar uma "scooter marítima" subaquática para tentar fugir do FBI. Quem assistiu ao …

Após quase terem sido extintas, baleias azuis estão a voltar à Geórgia do Sul

A baleia azul regressou às águas em torno da ilha Geórgia do Sul, quase um século depois de este animal ter sido quase extinto pela caça industrial. A remota ilha Geórgia do Sul, perto da Antártida, era …

Manuscritos de "A Origem das Espécies" divulgados online pela primeira vez

Duas páginas originais do rascunho manuscrito de "A Origem das Espécies", de Charles Darwin, foram divulgadas online pela primeira vez. Além disso, foram ainda publicadas cartas e notas de leitura nunca antes vistas. Os documentos foram …

Os videojogos podem ser bons para o bem-estar pessoal, sugere estudo

De acordo com um novo estudo que analisou o comportamento de jogadores e dados fornecidos por empresas de videojogos, o tempo gasto a jogar pode ser bom para o bem-estar pessoal. A Electronic Arts e a …

A MINI criou uma van perfeita que foi pensada para relaxar, usufruir e conviver

A marca de automóveis MINI apresentou o projeto do Vision Urbanaut. Este veículo é uma van completamente moderna e sustentável, pois oferece mais espaço interior e versatilidade, e ainda deixa uma pegada ecológica mínima. Esta van …

Covid-19. Angela Merkel alerta sobre plano de vacinação para países mais pobres

A chanceler alemã, Angela Merkel, alertou os líderes dos países mais desenvolvidos que o progresso no desenvolvimento de um sistema de distribuição de vacinas para nações mais necessitadas tem sido lento e que essa questão …

Explosão em Beirute. Danos segurados rondam mil milhões

As vítimas da explosão que destruiu o porto de Beirute e área circundante, em agosto, apresentaram um total de 14.921 reclamações de seguro, totalizando danos segurados estimados em perto de 1,62 biliões de libras libanesas …

Centenas de pessoas que morreram de covid-19 em Nova Iorque continuam em camiões frigoríficos

Muitos destes cadáveres, que continuam em camiões frigoríficos, são de pessoas cujas famílias não puderam ser localizadas ou que não podem cobrir os custos do enterro. De acordo com o The Wall Street Journal, cerca de …

Bolsonaro responsabiliza estados e municípios por não usarem testes

Mais de 6,8 milhões de testes RT-PCR, adquiridos pelo Ministério da Saúde brasileiro, perderão a validade entre dezembro deste ano e janeiro de 2021. O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, direcionou para estados e municípios a responsabilidade …

Médico presente na sala de emergência revela detalhes da morte de John F. Kennedy

Um médico que estava presente na emergência do Parkland Memorial Hospital, para onde John F. Kennedy (1917-1963) foi transferido depois de ser baleado numa visita política ao estado do Texas, revelou novos detalhes sobre a …