Human Rights Watch denuncia indícios de ataque com gás cloro na Síria

Alejandro Mejía Greene / Flickr

-

A Human Rights Watch (HRW) considerou hoje existirem “fortes indícios” de que o Governo sírio utilizou gás cloro em três cidades, em meados de abril, violando o tratado assinado sobre o uso de armas químicas.

“Há fortes indícios de que helicópteros do Governo sírio lançaram bombas com botijas com gás cloro em três cidades no norte da Síria, em meados de abril”, refere a organização de defesa de direitos humanos.

A HRW, com sede em Nova Iorque, cita entrevistas com testemunhas e pessoal médico, apoiando-se ainda em vídeos dos ataques e fotografias dos restos dos barris explosivos.

Médicos que prestaram assistência às vítimas indicaram que pelo menos 11 pessoas foram mortas nos ataques, tendo sido observados “sintomas consistentes com os da exposição ao cloro” em cerca de meio milhar de pessoas”, indicou a organização.

A HRW documenta ataques nas cidades de Kafr Zita, em Hama, a 11 e 18 de abril, em Al-Temana, em Idlib, a 13 de abril, e em Telmans, também na província de Idlib a 21 de abril.

As três áreas estão sob controlo dos rebeldes.

Fontes da oposição denunciaram diversos ataques perpetrados pelo Governo com recurso a gás cloro (irritante das vias respiratórias), tendo a televisão estatal síria dado conta de um deles (o de Kafr Zita), mas atribuiu-o ao grupo grupo Al-Nusra Front, ligado à Al-Qaeda.

Ativistas da oposição indicaram que o cloro foi lançado através de barris-bomba lançados pelos helicópteros, dos quais apenas o governo dispõe.

A HRW referiu que um vídeo dos restos dos barris encontrados no local dos ataques mostra cilindros com o código CL2 – o símbolo do gás cloro.

A organização reconhece, porém, não ter podido confirmar de forma independente que os cilindros patentes no vídeo foram embutidos em barris-bomba lançados pelos helicópteros”.

Contudo, a HRW ressalva ser pouco provável que as imagens tenham sido encenadas ou que o gás cloro tenha sido adicionado aos barris, citando os sintomas relatados pelos médicos e testemunhas.

“O aparente uso de gás cloro como arma – já para não mencionar que visavam civis – é uma clara violação da lei internacional“, disse Nadim Houry, vice-diretor da HRW para o Médio Oriente e Norte de África.

“Esta é mais uma razão para o Conselho de Segurança da ONU levar a situação na Síria ao Tribunal Penal Internacional”, frisa.

A França propôs, esta segunda-feira, ao Conselho de Segurança das Nações Unidas que o Tribunal Penal Internacional (TPI) investigue os crimes de guerra cometidos na Síria pelas forças do regime e também pela oposição.

Os diplomatas franceses informaram que entregaram um projeto de resolução com a intenção aos outros 14 membros do órgão, que podem começar a discuti-lo já esta quarta-feira e votá-lo na próxima semana.

Como a Síria não é membro do TPI, é precisa imperativamente uma decisão do Conselho de Segurança para que o TPI possa investigar os crimes cometidos no território sírio.

Esta investigação tem sido reclamada por várias vezes pela alta-comissária da ONU para os Direitos do Homem, Navi Pillay.

A Síria subscreveu a Convenção sobre Armas Químicas no ano passado, como parte do acordo para a entrega do seu arsenal, depois de ter sido acusada de utilizar gás sarin nos subúrbios de Damasco.

Possuir cloro não constitui uma violação ao tratado, mas usar o gás como arma sim.

A Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ) disse que vai enviar uma equipa para investigar as alegações de que foi utilizado cloro em ataques na Síria.

O conflito na Síria já fez mais de 150.000 mortos e milhões de deslocados e refugiados desde março de 2011.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Parlamento aprova despenalização da eutanásia

Os cinco projetos de lei que despenalizam a eutanásia do BE, PAN, PS, PEV e IL foram aprovados, esta quinta-feira, na generalidade, na Assembleia da República. O projeto de lei do Partido Socialista recebeu 128 votos …

Tribunal da Relação mantém penas de prisão para ex-seguranças do Urban Beach

O Tribunal da Relação de Lisboa (TRL) decidiu manter as penas efetivas aplicadas pelo tribunal de 1.º instância aos ex-seguranças da discoteca Urban Beach acusados por tentativa de homicídio de dois homens. Segundo o acórdão, a …

Mafioso português Joe Barbosa retratado em livro sobre a Cosa Nostra, o FBI e a justiça nos EUA

Ser português travou a ascensão de Joseph Barbosa na máfia italiana nos Estados Unidos (EUA), mas foi em língua portuguesa o seu elogio fúnebre, após ser assassinado por denunciar mafiosos culpados e inocentes e expor …

Testes deram negativo em mais uma criança internada por suspeita de Covid-19

Uma criança regressada da China foi encaminhada, esta quinta-feira, para o Hospital D. Estefânia, por suspeita de infeção pelo novo coronavírus, mas as análises deram negativo, anunciou a Direção-Geral da Saúde (DGS). Num comunicado publicado no …

A China até já está "a queimar" dinheiro para combater o coronavírus

A luta entre a China e o novo coronavírus, o Covid-19, tem colocado os órgãos governamentais em alerta. O governo parece não poupar esforços para conter a proliferação da doença - nem que seja preciso, …

Barcelona contrata Braithwaite para substituir Dembélé

O FC Barcelona anunciou, esta quinta-feira, a contratação do futebolista dinamarquês, do Leganés, para substituir o lesionado Dembélé, depois de pagar a cláusula de rescisão de 18 milhões de euros. Com a contratação de Martin Braithwaite, …

Senador do Ceará baleado ao tentar invadir com uma retroescavadora um quartel tomado por polícias amotinados

Esta quarta-feira, Cid Gomes foi baleado depois de ter invadido com uma retroescavadora um portão de um quartel da Polícia Militar na cidade de Sobral, no estado do Ceará. O senador Cid Gomes foi baleado, na noite …

PS acusa Bloco de "má fé" na escolha de juízes para o Constitucional

O Bloco não gostou de ter ficado de fora da escolha dos dois novos juízes para o Tribunal Constitucional. PS acusa agora o partido de esquerda de "má fé". Numa conferência de imprensa no Parlamento, esta …

Justiça suíça acusa presidente do PSG e ex-responsável da FIFA de gestão danosa

O presidente do Paris Saint-Germain e um antigo secretário-geral da FIFA foram acusados de gestão danosa pela justiça suíça, numa investigação sobre os direitos televisivos do Mundial de futebol. O Ministério Público da Suíça acusa Nasser …

PJ deteve falsa psiquiatra que dava "consultas" em casa em Braga

A Polícia Judiciária (PJ) de Braga deteve uma mulher, de 38 anos, que se fazia passar por médica psiquiátrica e que dava "consultas" na sua residência. Em comunicado, a Polícia Judiciária (PJ) de Braga refere que, …