Governo quer que hospitais passem a cobrar por doentes abandonados

Os hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) gastam cerca de 100 milhões de euros com as mais de mil pessoas que têm alta clínica, mas que continuam internadas por falta de respostas sociais.

Este é já um problema antigo, tal como escreve o Jornal de Notícias que avança a notícia, mas o Ministério da Saúde quer agora encontrar uma solução para estes internados.

Esta medida consta da proposta de Orçamento de Estado para 2020, que foi esta terça-feira apresentada pelo ministro das Finanças Mário Centeno. O ministério de Marta Temido quer encontrar um “modelo de responsabilidade financeira” para estes doentes que continuam nos hospitais após receberem alta, pode ler-se na proposta de OE.

Em declarações ao matutino, o gabinete do Ministério da Saúde disse estar a trabalhar com o Ministério da Segurança Social “uma melhor articulação de respostas”, acrescentando que este “será um trabalho a desenvolver ao longo do ano de 2020”.

Diariamente, mais de mil pessoas são internadas em hospitais por não terem por onde ir. Metade destas pessoas deveria ser ser transferida para um lar de terceira idade, para casa (com apoio domiciliário) ou para outra resposta social semelhante, aponta o JN.

“São pessoas com um elevado grau de incapacidade e não é legítimo esperar que as famílias tenham capacidade para as acolher”, explica Alexandre Lourenço, presidente da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares, citado pelo mesmo jornal.

Para 2020, a pasta liderada por Marta Temido vai receber um total de um total de 11.225,6 milhões, num reforço de 941 milhões de euros relativamente ao ano passado, representado um aumento de 10%.

ZAP //

 

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Mudem o sistema das cadeias com o dos lares e então do hospitais. Vão ver que como os ladrões não tendo dinheiro para habitação, comer, vestir e saúde, e ou trabalham a limpar os montes, para reduzir os riscos de incêndios, ou nos campos para auto-subsistência, vão passar mal e serão obrigados a pensar melhor antes de querer ir para a cadeia.

  2. Medidas da treta ………. E quem é que vai pagar?…… É como o incentivo a ter mais filhos (o maior problema que o Estado vai enfrentar a curto prazo), não resolve nada …. É como curar a pneumonia com aspirina ….. Muito mal vai este país, e, ninguém se revolta com esta “macacada” ???? Pois, acho que ainda estamos todos com aquela coisa que se chama “medo”… Herança genética da ditadura….

  3. se o estado anda sempre a cuca de impostar o cidadao com mais impostos do arco da velha pq nao cuida ele desses idosos que tanta ajuda necessitam

    os filhos muitas vezes moram longe e mal tem dinheiro para se alimentar direito qto mais ajudar os pais

    o estado ha muito devia incentivar cada segundo filho de um casal com pelo menos 100.000 euros para esse segundo filho poder ter o minimo indispensavel

    a demografia indica que morrem mais 300.000 do que nascem a cada ano

RESPONDER

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …

Mudanças climáticas ameaçam 60% das espécies de peixes do mundo

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, sugere que as mudanças climáticas podem destruir mais espécies de peixes do que se pensavam anteriormente. Se as temperaturas globais subirem …

Engenheiros desenvolvem célula de combustível duas vezes mais eficiente do que a de hidrogénio

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu um novo processo para uma célula de combustível que funciona com o dobro da tensão das células a combustível tradicionais de hidrogénio. O novo …

Preços das bebidas concertados durante anos. Seis supermercados sob suspeita de cartel

Seis grupos de distribuição alimentar e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela Autoridade da Concorrência de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor. "Após investigação, a Autoridade da Concorrência, …

Sindicato denuncia mobilização forçada de médicos para tratar surto de Reguengos de Monsaraz

O Sindicado dos Médicos da Zona Sul (SMZS) denunciou hoje o que diz ser uma “mobilização forçada de médicos” pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo para o combate ao surto de covid-19 de …

Novo comboio-bala entra ao serviço na linha Tóquio-Osaka

O mais novo modelo de comboio-bala do Japão - o N700S - entrou ao serviço no dia 1 de julho, numa jornada inaugural de Tóquio a Osaka. A série N700S (sendo que o "S" significa "Supreme") …

Kanye West anuncia candidatura à Presidência dos EUA

O músico norte-americano Kanye West anunciou este sábado, Dia da Independência dos Estados Unidos, a sua candidatura à Casa Branca, depois de ter apoiado anteriormente o atual Presidente e candidato à reeleição, Donald Trump. "Agora devemos …

Vídeo revela, pela primeira vez, como é que o cérebro se livra dos neurónios mortos

Uma equipa de cientistas conseguiu usar, pela primeira vez, uma técnica que "mata" uma célula cerebral isolada e permite observar o processo de limpeza do sistema nervoso em tempo real. A equipa de investigadores conseguiu registar …

Reutilizável, dobrável e esterilizável. Novo "escudo" protege profissionais de saúde

Uma equipa de cientistas desenvolveu, recentemente, um dispositivo dobrável em forma de tenda que atua como um escudo físico para os profissionais de saúde na linha da frente contra a covid-19. A tenda redutora de gotículas …