Há um petroleiro abandonado há mais de uma década nas Caraíbas (e é uma “bomba-relógio”)

Um navio de armazenamento de petróleo venezuelano está ancorado no Golfo de Paria, um trecho de mar fechado entre a Venezuela e a ilha de Trinidad, há mais de uma década.

Antes de os Estados Unidos terem imposto pesadas sanções à Venezuela em 2017, o Nabarima, um navio com 240 metros, servia como armazenamento de petróleo, encontrando-se rotineiramente com petroleiros que carregavam e descarregavam barris de petróleo da Venezuela para vender em todo o mundo.

As sanções que proíbem a Venezuela de vender o seu petróleo no mercado internacional causaram a paralisação da indústria petrolífera do país, deixando a produção suspensa num mínimo de 25 anos. Desde janeiro de 2019, o Nabarima foi apanhado num padrão de decomposição mecânica rápida.

De acordo com o Vice, se o navio afundar completamente, mais de um milhão de barris de petróleo bruto – mais de 227 milhões de litros – podem ser derramos no oceano, causando um dos maiores vazamentos de óleo da história, seis vezes maior do que o vazamento do Exxon Valdez em 1989.

Após a morte do ex-presidente Hugo Chávez e a ascensão do presidente Nicolás Maduro, uma mistura tóxica de hiperinflação, sanções e corrupção fez com que a PDVSA, a companhia petrolífera estatal, se debatesse incontrolavelmente. Em 2017, a empresa já não tinha condições de exportar petróleo, deixando os petroleiros abandonados no Mar das Caraíbas.

Filmagens de drones gravadas este mês mostram que o Nabarima parece desgastado, adornado com tubos descoloridos de cor vermelho-vinho e um guindaste de construção amarelo solitário.  O convés do navio está vazio e silencioso, embora pelo menos três membros da tripulação vivam e trabalhem a bordo.

Desde meados de julho, a condição do navio tem provocado alarme regional e internacional, já que o navio parece estar a mergulhar de forma conspícua, primeiro a 5 graus, depois a 20 graus para a direita, afundando 13 metros na água. A estibordo, as ondas batem perigosamente perto do convés.

O vazamento pode ter “efeitos catastróficos”, disse Gary Aboud, ativista ambiental da organização sem fins lucrativos local Fishermen and Friends of the Sea, em declarações à Vice. “A cavala que se consegue na costa leste dos Estados Unidos desova aqui. Existem os pescadores comunitários – temos cerca de 50 mil pessoas que dependem do mar. Existem também problemas de saúde humana – o hidrocarboneto teria um impacto duradouro na qualidade dos nossos frutos do mar”.

Por outro lado, o governo da Venezuela afirmou que o navio não apresenta risco de derramamento, embora admita que o navio balançou durante o verão. O embaixador venezuelano em Trinidad e Tobado disse que as fotografias são “propaganda”.

A ENI, petroleira italiana que detém 26% do navio, afirmou também que “atualmente não há risco” de vazamento. Em comunicado, o Ministério de Energia de Trinidad e Tobago argumentou que o casco duplo da embarcação “deve fornecer proteção contra derramamento no caso de a embarcação afundar”.

No final de outubro, vários membros da Assembleia Nacional da Venezuela apelaram a Maduro e à PDVSA para “evadir este desastre”. O Ministério da Energia de Trinidad e Tobago, embora aceitando a perspetiva otimista do Governo venezuelano à primeira vista, negociou com o Governo o envio de uma tripulação ao Nabarima para realizar uma inspeção.

Numa entrevista coletiva, o Ministro de Energia de Trinidad disse que o Nabarima estava “totalmente horizontal” quando a tripulação visitou o navio.

Se o Nabarima estiver destinado a inclinar-se silenciosamente até que afunde, a responsabilidade está nas mãos das duas empresas de petróleo, PDVSA e ENI, para retirar os barris de petróleo do navio antes que afunde.

Rebocadores foram avistados ao lado do Nabarima em 19 de outubro e um petroleiro foi observado a aproximar-se do Nabarima em 21 de outubro, sugerindo que uma transferência de parte ou de todo o petróleo poderia estar iminente.

No entanto, o processo de transferência de óleo pode apresentar risco de derramamento devido ao delicado estado do Nabarima. O Ministério de Energia de Trinidad calculou que o processo de descarregamento demoraria 35 dias.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Agora percebemos o porquê da pobreza da Venezuela. Não é do ‘comunismo’ ou ‘socialismo’ ou de qualquer ‘ditador’, mas por causa dos amigos de Guaidó: The good old US of A anulou um concorrente. Engraçado, não é?

RESPONDER

UE dá exemplo de Portugal para defender salário mínimo europeu

O comissário europeu do Emprego, Nicolas Schmit, diz esperar um acordo ou pelo menos "bastante progresso" sobre a proposta comunitária para garantir salários mínimos adequados em todos os Estados-membros da União Europeia (UE) e dá …

Na primeira fase, será possível administrar 400 mil doses de vacinas “numa semana a dez dias”. Segunda ronda pode ser crítica

Os especialistas já fazem previsões. Se por um lado a primeira fase da vacinação contra a covid-19 se adivinha rápida, a segunda será poderá ser muito complicada. Os representantes dos profissionais dos centros de saúde - …

Bruxelas conclui que Zona Franca da Madeira violou regras e quer devolução das "ajudas indevidas"

A Comissão Europeia (CE) conclui que o regime da Zona Franca da Madeira (ZFM) desrespeitou as regras de ajudas estatais, pois abrangeu empresas que não contribuíram para o desenvolvimento da região, pelo que Portugal deve …

Chuva de críticas ao plano nacional de vacinação: "É vasto em imprecisões e impreparações"

Francisco Rodrigues dos Santos considerou que "faltou planeamento" no plano de vacinação português e observou que "basta comparar" com aqueles anunciados "na Alemanha, no Reino Unido ou em Espanha para perceber que há diferenças abismais". O …

O corpo ideal? O mistério das enigmáticas figuras pré-históricas de Vénus pode ter sido resolvido

Um dos primeiros exemplos mundiais de arte, as enigmáticas estatuetas de "Vénus" esculpidas há cerca de 30 mil anos, intrigaram os cientistas durante quase dois séculos. Agora, o mistério das estranhas figuras pode ter sido …

Nova geringonça à vista? Rui Rio mostra-se disposto a governar mesmo sem vencer eleições

São muitos os sinais que tem dado. Rui Rio está disponível para liderar uma futura maioria de direita se esta vier a surgir no quadro de futuras eleições legislativas - mesmo que o PSD seja …

Cientistas encontram nova criatura gelatinosa no fundo do mar (mas podem nunca mais voltar a vê-la)

Uma equipa de investigadores da Administração Nacional de Pesca Oceânica e Atmosférica (NOAA) revelou que descobriu Duobrachium sparksae, uma nova espécie de ctenóforo - ou águas-vivas-de-pente. A descoberta foi feita remotamente usando imagens de vídeo de …

Costa anuncia hoje medidas que vão vigorar nos períodos de Natal e de passagem de ano

O primeiro-ministro anuncia hoje as medidas de combate à covid-19 enquadradas pelo decreto presidencial de estado de emergência, que indicativamente vigorará até 7 de janeiro, incluindo os períodos de Natal e de passagem de ano. Na …

Especialistas explicam de que forma o novo coronavírus pode afetar o cérebro

Através do uso de amostras de tecido de pacientes que já morreram, uma equipa de investigadores conseguiu desvendar os mecanismos pelos quais o coronavírus é capaz de chegar ao cérebro de pacientes com covid-19 e …

Há círculos fantasmagóricos nunca antes vistos no céu (e os astrónomos não sabem o que são)

Em setembro de 2019, uma equipa de investigadores fez uma apresentação sobre objetos interessantes encontrados em novos dados radioastronómicos. Esses objeto tinham formas muito estranhas que não cabiam facilmente em nenhum tipo de conceito conhecido. A …