Há empresas a permitir o consumo de drogas leves no trabalho

(dr) MassRoots

-

Um número crescente de empresas norte-americanas está a optar por uma filosofia de abertura ao uso de drogas leves pelos seus funcionários. Se aumenta a produtividade, porque não?

A Flowhub, fundada por Kyle Sherman e Chase Wiseman, é uma das empresas que orgulhosamente destaca a sua política de tolerância face ao consumo de drogas leves durante as horas de trabalho.

Na empresa, fornecedora de software para a indústria da cannabis medicinal, a filosofia é apenas uma: “Se ajuda os nossos empregados a fazer o seu trabalho, então não queremos saber se consomem no trabalho”, afirmou Sherman em entrevista à CNN.

Na Flowhub não são apenas os empregados que consomem, os próprios Kyle Sherman e Chase Wiseman também admitem usar erva durante as horas que passam em reuniões e sessões de brainstorming.

E apesar de a marijuana não poder ser fumada no interior dos edifícios, os CEO’s não têm nada contra o consumo de brownies ou infusões nas salas de trabalho.

Ajuda a fazer com que surjam novas ideias e faz-nos olhar para as coisas com clareza”, disse Sherman.

Em Denver, onde a Flowhub tem a sua sede, também se encontram outras empresas onde a marijuana tem livre-passe.

A High There! e a MassRoots são redes sociais para consumidores de cannabis e juntas têm quase um milhão de utilizadores.

Isaac Dietrich, um dos fundadores da MassRoots, deve mesmo a ideia da rede social ao consumo de marijuana, porque o conceito lhe surgiu “quando estava a fumar erva no apartamento de um amigo da faculdade”.

Desde então, já conseguiu angariar cerca 4,4 milhões de dólares em financiamento.

Contudo, esta abertura perante o consumo de drogas no trabalho não se estende a todos os estados.

Se em Denver os funcionários e chefes debatem o assunto sem problemas, é porque a comercialização e o consumo recreativo da marijuana está legalizado desde 2014.

Mas na Califórnia, a Meca dos conceitos inovadores e das incubadoras de startups, apenas o consumo para efeitos medicinais está autorizado legalmente. O consumo existe. Mas de forma mais discreta.

“É sabido que aqui a maioria dos trabalhadores consome cannabis regularmente durante o dia de trabalho”, diz Brandon David, um executivo de uma firma sediada em São Francisco.

É o segredo mais mal guardado da cidade mas que ainda assim oferece alguma reserva.

“Há mais pessoas a permitir o consumo de marijuana no trabalho do que a falar sobre isso abertamente”, afirmou Brandon.

Shifter

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Quando se trata de explorar o ser humano tudo vale! Além da alteração psíquica que talvez resulte em mais rendimento têm ainda o grande negócio da droga, os USA, são grandes em tudo até na miséria humana, já agora porque não estarem todos armados no trabalho e resolverem qualquer desacordo com um balázio na cabeça do oponente? É que assim os milhões de armas que possuem evitariam de ganhar ferrugem.

RESPONDER

Condutor de carrinha atropela participantes em desfile LGBT (e faz um morto)

O condutor de uma carrinha atropelou pessoas que desfilavam numa marcha de "orgulho gay" em Wilton Manors, perto de Fort Lauderdale na Florida, causando pelo menos um morto e ferindo outra. As autoridades estão ainda a …

Descoberta "pequena Pompeia" no sótão de um antigo cinema em Verona

Arqueólogos descobriram uma "Pompeia em miniatura" no sótão de um antigo cinema no centro histórico da cidade italiana de Verona. Segundo a agência italiana Ansa, autoridades da Superintendência de Arqueologia, Belas Artes e Paisagismo de Verona, …

Colapso de escola na Bélgica matou afinal quatro portugueses

As autoridades belgas confirmaram este domingo a morte de cinco pessoas, entre as quais quatro portugueses, no desabamento de uma escola em obras na cidade de Antuérpia. No balanço de sábado, as autoridades belgas registaram mais …

Chega e IL dizem que cerco na AML é "inconstitucional". Ventura recorre ao Supremo Tribunal Administrativo

André Ventura, líder do Chega, contestou a decisão do Governo de limitar a circulação na AML. Considerando que a medida é inconstitucional, entregou uma "Intimação para proteção de direitos, liberdade e garantias" no Supremo Tribunal …

Há 50 mil anos, humanos e neandertais relacionaram-se no deserto de Negev

Uma recente descoberta no deserto do Negev, no centro de Israel, revelou detalhes importantes sobre o desenvolvimento da cultura humana na região, de acordo com um novo estudo publicado na revista PNAS. Por toda a Ásia, …

Costa reeleito líder do PS com 94% dos votos aponta a vitória nas autárquicas

António Costa foi reeleito no sábado secretário-geral do PS, com 94% dos votos, para um novo mandato de dois anos, de acordo com resultados provisórios divulgados hoje pela Comissão Organizadora do Congresso (COC) do PS. O …

"Pessoas como nós". Presidente da República alerta contra indiferença no Dia Mundial do Refugiado

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, alertou contra a indiferença e os "discursos oportunistas" numa mensagem alusiva ao Dia Mundial do Refugiado, que hoje se assinala. “Este ano sob o mote ‘Juntos cuidamos, aprendemos …

Descoberto mecanismo que pode aumentar a expectativa de vida

Ao longo do tempo foram descobertas várias causas para o envelhecimento, mas permanece a questão de saber se existem mecanismos subjacentes comuns que determinam o envelhecimento e a expectativa de vida. Um equipa de investigadores do …

"Trabalhador atravessou faixa de rodagem". MAI diz que carro de Cabrita não se despistou

O Ministério da Administração Interna esclareceu que não existia sinalização para alertar os condutores dos “trabalhos de limpeza em curso" na autoestrada A6, no Alentejo, na sexta-feira, quando a viatura do ministro atropelou mortalmente um …

Caracol carrega o menor computador do mundo (e desvenda mistério sobre extinção em massa)

A decisão de introduzir caracóis não nativos no Taiti levou à extinção de 56 espécies de caramujos arbóreos. Contudo, uma das espécies sobreviveu. Para perceber como este "milagre" aconteceu, uma equipa usou o menor computador …