Há uma cidade em França onde é proibido morrer em casa

P.poschadel / wikimedia

Igreja de Saint-Remi, em Laigneville, a cerca de uma hora de Paris (França).

Igreja de Saint-Remi, em Laigneville, a cerca de uma hora de Paris (França).

O presidente da Câmara de uma localidade francesa, situada a cerca de uma hora de Paris, decretou que é proibido morrer em casa. Uma decisão “absurda”, como o próprio admite, mas por uma boa causa.

Estamos a falar de Laigneville, uma localidade do departamento do Oise, na região da Picardia, com cerca de cinco mil habitantes, onde, a partir de agora, é proibido morrer em casa.

O decreto assinado pelo presidente da Câmara, Christophe Dietrich, surge depois do caso de um idoso que faleceu em casa e cuja morte só foi confirmada por um médico cinco horas depois.

Ora, como um cadáver não pode ser removido do local enquanto não for emitido o certificado de óbito, estamos perante uma situação “perigosa e indigna”, conforme lamenta Dietrich numa publicação no Facebook.

Assim, o autarca resolveu tomar uma medida “absurda” para alertar as autoridades para a falta de médicos na região, uma vez que este tipo de situações, com pessoas falecidas, se vem repetindo.

“Considerando a falta de médicos e considerando a impossibilidade de poder fazer constatar um óbito de forma decente, assinei, nesta manhã, um decreto que interdita os habitantes de Laigneville de morrerem em suas casas”, escreve no Facebook.

“Vão-me dizer que isso é totalmente absurdo! Efectivamente é! É tanto como o absurdo da situação com que temos sido confrontados”, acrescenta o autarca que diz que já fez vários apelos ao Governo sem ter obtido resposta.

A localidade, que fica a cerca de uma hora de Paris, só tem dois médicos que estão já perto da reforma.

E alguns médicos aproveitam para criticar o autarca, considerando a sua reacção “excessiva” e notando que deveria antes “perguntar-se porque é que os médicos não ficam” na localidade, cita o jornal Le Parisien.

Já Christophe Dietrich sugere ao Governo algumas medidas para resolver o problema, nomeadamente decretar uma quota de médicos por número de habitante ou obrigar os jovens diplomados a permanecerem na região de formação, durante os primeiros anos do exercício da actividade.

SV, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Realmente parece que já ultrapassámos o limiar da estupidez… qualquer dia criam um imposto para os gordos com a justificação que constituem um risco para a própria saúde e despesa adicional para o serviço nacional de saúde…

  2. Lol. Gosto da noticia, mas fiquei agarrado ao “pau”. É proibido morrer em casa. Certo. E então? Que vai acontecer. A pessoa já morreu, vão lhe passar uma multa. A multa vai para um familiar? Fiquei sem saber que efeito vai ter esta medida “estúpida” desde presidente da Câmara.

  3. Acho que o autarca explicou bem o que o levou à decisão insólita.Foi uma forma de chamar a atenção para a má distribuição de médicos naquela localidade,Logo pressão sobre as entidades responsáveis a nivel central.

RESPONDER

Trump promove falsa teoria de que Kamala Harris não nasceu nos EUA (e que não será elegível para vice)

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que ouviu que Kamala Harris, candidata democrata à vice-presidência da Casa Branca, não era elegível para o cargo, com base num boato que sugeria que pode não …

"Avante!". Pede-se máscara obrigatória, mas PCP só dá ouvidos à DGS

Vários peritos pedem o uso obrigatório de máscara na Festa do Avante!, mas o PCP só atende às recomendações feitas pela Direção-Geral da Saúde. Depois de muita contestação, a Festa do Avante! vai mesmo realizar-se, entre …

Coreia do Sul com maior número de casos desde março. Seul reforça medidas restritivas

A Coreia do Sul endureceu este sábado as medidas restritivas para conter a pandemia de covid-19 em Seul e arredores após registar o número mais elevado de novos casos diários em cinco meses. As regras, que …

Cavani tem viagem marcada para fechar acordo com o Benfica

Vários órgãos de informação avançam que Edinson Cavani tem viagem marcada para a Europa, onde deverá assinar com o SL Benfica dentro dos próximos dias. Depois de várias semanas de negociações, Edinson Cavani está praticamente garantido …

Novo Banco. Gama Life garante não ter relação com Greg Lindberg (mas GNB mudou-se para a sua morada)

O fundo da Apax Partners que assumiu o controlo da GNB Vida depois da compra ao Novo Banco “mudou-se” para a mesma morada de empresas do multimilionário Greg Lindberg em Londres, apesar da seguradora garantir …

Ministra admite que não leu relatório sobre Reguengos (e desvaloriza surtos em lares)

A ministra da Segurança Social admitiu, em entrevista ao semanário Expresso, que não leu o relatório sobre Reguengos de Monsaraz, mas considerou que a dimensão dos surtos de covid-19 em lares “não é demasiado grande …

Calvário no Barcelona. Setién de saída, Messi faz ultimato e Piqué fala em "vergonha"

O Barcelona foi esmagado (8-2) pelo Bayern Munique, nos quartos de final da Liga dos Campeões. Setién está de saída, Messi fez um ultimato e Piqué falou em "vergonha". Foi a noite mais negra de sempre …

Antonoaldo Neves quer receber mais para sair da TAP (mas Governo não paga "nem mais um cêntimo")

Quando foi anunciado o acordo de saída de David Neeleman da TAP, o Governo anunciou também que Antonoaldo Neves, CEO da companhia, seria substituído. No entanto, ainda não se chegou um acordo para a saída. …

Explosão em Beirute terá sido causada por trabalhos de manutenção

A explosão no porto de Beirute, no Líbano, que matou 171 pessoas, feriu mais de 6 mil e deixou um rasto de destruição na cidade, poderá ter sido causada por trabalhos de manutenção num armazém. …

"Crocodilo do terror" tinha dentes do tamanho de bananas e comia dinossauros

Um novo estudo descobriu um grupo de crocodilos antigos que tinham cerca de 10 metros de comprimento e dentes "do tamanho de bananas", que lhes permitiam derrubar até os maiores dinossauros do seu ecossistema. De acordo com …