Há 285 novos casos de covid-19. São quase todos na Grande Lisboa

António Cotrim / Lusa

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas

A região de Lisboa continua a registar o maior número de novos casos de covid-19 registados no país. A Direcção Geral de Saúde (DGS) anuncia hoje 31.292 infectados com o coronavírus, mais 285 do que nas anteriores 24 horas. 277 dos casos são na região de Lisboa.

Segundo o boletim epidemiológico divulgado pela DGS, há a registar 1.356 mortes relacionadas com a covid-19, mais 14 do que na terça-feira. Trata-se de um aumento de óbitos de 1%.

Relativamente ao número de casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus (31.292), os dados da DGS revelam que há mais 285 casos do que na terça-feira, representando uma subida de 0,9%.

A região de Lisboa é agora a zona onde o contágio está a alastrar mais, com 277 dos novos casos, o que representa 97% do total. Na terça-feira, a directora geral de Saúde, Graça Freitas, tinha anunciado a detecção de três focos na região de Lisboa e Vale do Tejo, nomeadamente no bairro da Jamaica.

“O que está a acontecer em Lisboa já aconteceu noutras zonas do país”, aponta Graça Freitas, salientando que “há situações diferentes”. “Há zonas onde os casos são dispersos, há depois a questão da Azambuja, que foi de contágio em meio laboral”, refere.

“Num dos bairros onde houve 16 casos, 4 já foram dados como curados e não apareceram novos casos”, frisa ainda a directora geral de Saúde, destacando que “apareceram no Seixal focos familiares, muito pequenos e ligados a coabitação”.

Graça Freitas fala ainda de um surto num lar em Pernes, Santarém, realçando que foram identificados 18 utentes e 6 profissionais infectados, mas que foi “rapidamente resolvido”.

A região Norte é a que regista o maior número de mortos (755), seguida da região de Lisboa (335), do Centro (235), do Algarve (15), dos Açores (15) e do Alentejo, que regista um óbito, adianta o relatório da situação epidemiológica, com dados actualizados até às 24 horas de terça-feira, mantendo-se a Região Autónoma da Madeira sem registo de óbitos.

Há ainda 27.141 contactos em vigilância pelas autoridades de saúde e 1886 pessoas a aguardar resultados laboratoriais.

Neste momento, há 510 pessoas internadas, das quais 66 em Cuidados Intensivos. A recuperar em casa estão 11.077 pessoas.

Os pacientes recuperados são 18.349, mais 253 do que na terça-feira.

Do total de infectados, 18.036 são mulheres e 13.256 são homens.

A faixa etária mais afectada pela doença é a dos 40 aos 49 anos (5.265), seguida da faixa dos 50 aos 59 anos (5.212) e das pessoas com mais de 80 anos (4.460).

Há ainda 4.679 doentes com idades entre 30 e 39 anos, 4.049 entre os 20 e os 29 anos, 3.463 entre os 60 e 69 anos e 2.520 com idades entre 70 e 79 anos.

A DGS regista igualmente 607 casos de crianças até aos nove anos e 1.037 jovens com idades entre os 10 e os 19 anos.

De acordo com a DGS, 40% dos doentes positivos ao novo coronavírus apresentam como sintomas tosse, 29% febre, 21% dores musculares, 20% cefaleia, 15% fraqueza generalizada e 12% dificuldade respiratória. Esta informação refere-se a 91% dos casos confirmados.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Pois é,em Lisboa é onde se encontram as maiores ”favelas” do país.Pelas imagens na imprensa,mais parecem o Brasil ou Angola do que,um país que faz parte da UE.

RESPONDER

Astrónomos localizaram com precisão o centro do Sistema Solar

Pela primeira vez, uma equipa internacional de cientistas foi capaz de localizar com precisão o centro de gravidade do Sistema Solar. De acordo com o portal Science Alert, que recorda que o baricentro (centro gravidade) …

Misteriosa cruz de mármore com 1.200 anos encontrada no Paquistão

Uma cruz de mármore foi recentemente descoberta no cimo das montanhas do Baltistão, no Paquistão. Os investigadores acreditam que tem cerca de 1.200 anos e que pode ser um sinal da presença de uma antiga …

Nona Sinfonia de Beethoven revela novos detalhes sobre o cérebro humano

A Nona Sinfonia de Ludwig van Beethoven, 250 anos após a sua criação, ajudou a demonstrar a existência de células conceituais no cérebro. Quase 200 anos depois da morte de Beethoven, a maior obra do músico …

Governo vai suspender devolução dos manuais escolares

O ministro da Educação informou hoje que o Governo vai suspender a devolução de manuais escolares, em curso desde 26 de junho, cumprindo a decisão do parlamento, que aprovou uma proposta nesse sentido. O plenário da …

Cuba prestes a abrir portas ao turismo (exceto aos cubano-americanos)

Depois de fechar as suas fronteiras para os turistas no final de março por causa da pandemia da covid-19, Cuba prepara-se agora para reabrir várias das suas baías ao turismo - mas há algumas exceções. …

Cidade do México enterrou os rios para prevenir doenças, mas a covid-19 resiste e prospera

Na tentativa de evitar a disseminação de doenças como a malária e a cólera, a Cidade do México enterrou os seus rios. Agora, como consequência, criou inadvertidamente as condições necessárias para a covid-19 prosperar. A Cidade …

Descoberto sistema de túneis da I Guerra onde estarão enterrados dezenas de soldados

A Agência do Património da Bélgica anunciou esta semana a descoberta de um sistema de túneis alemão da I Guerra Mundial, onde estarão, muito provavelmente, dezenas de soldados enterrados. Em comunicado, citado pela Russia Today, …

Cinco funcionários da Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia

Cinco funcionários da produtora automóvel Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia, avança o The Washington Post. De acordo com o jornal norte-americano, foram cinco os colaboradores dispensados da …

"Qual o lugar mais seguro?". Costa compara infetados no Reino Unido e Algarve

O primeiro-ministro apresentou hoje uma tabela que mostra o Reino Unido muito acima do Algarve em número de infetados com covid-19 por cem mil habitantes e pergunta qual o lugar mais seguro para umas férias …

Azul anuncia venda de 6% da TAP ao Estado por 10 milhões de euros

A companhia aérea brasileira Azul, de David Neeleman, anunciou hoje a venda de 6% da TAP, no âmbito do acordo anunciado esta quinta-feira entre o Estado e os acionistas privados, que “garante a continuação” da …