Dizer “não” a borlas e “sim” ao registo de interesses. Há um guia para combater a corrupção nas autárquicas

José Sena Goulão / Lusa

António Costa a votar nas autárquicas 2017 pelo concelho de Sintra

A organização não-governamental Transparência e Integridade elaborou um guião de boas práticas para os candidatos autárquicos. São oito sugestões e 12 compromissos por umas eleições mais transparentes.

A ideia do projeto partiu de Jorge Máximo, vogal da direção da Transparência e Integridade. “É muito fácil por cartazes na rua a dizer: ‘vamos acabar com a corrupção’. O mais difícil é assinar esse compromisso”, disse, em declarações ao Público.

O guia “Autarca pelo bom Governo” reúne sugestões como a garantia de que as candidaturas dispõem de orçamentos detalhados e que estes se encontram publicados de forma acessível ao público; a proibição de aceitar “borlas” ou descontos de fornecedores; o registo de todo o trabalho voluntário e doações em géneros; e a publicação dos registos de interesses dos candidatos aos diferentes cargos.

O diário detalha que o guia propõe ainda um imite de contribuições que os próprios candidatos podem fazer à campanha.

No caso de recandidaturas, as campanhas não podem utilizar meios e recursos – como instalações, redes sociais institucionais ou recursos humanos – afetos à autarquia, nem adquirir bens e serviços de fornecedores que tenham sido recentemente contratados pela autarquia.

A violação destas normas tem originado dezenas de queixas na Comissão Nacional de Eleições (CNE) e foi notícia esta sexta-feira.

Além do guia, que é o primeiro criado pela Transparência e Integridade para umas eleições autárquicas, a organização disponibiliza uma declaração de compromisso a preencher pelas candidaturas, escreve o jornal.

Se a assinarem, os candidatos comprometem-se a publicar o programa eleitoral com que foram eleitos; a criar e publicitar um canal de denúncias independente; a implementar uma política de dados abertos e a prestar contas dos restantes compromissos assumidos na declaração.

Para já, só três candidaturas subscreveram: Nuno Gomes Oliveira, candidato à Câmara de Vila Nova de Gaia pelo PAN; Diamantino Raposinho, candidato à Câmara do Porto pelo Livre; e Vítor Silva, candidato à Câmara de Oliveira de Azeméis pelo Chega.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Talibãs retomam execuções e amputação de mãos como punição

Os Talibãs voltarão às execuções e à amputação de mãos como forma de punição, avançou um dos fundadores do grupo, Nooruddin Turabi, indicando que as represálias nem sempre ocorrerão em público. À Associated Press, Turabi alertou …

EUA e UE precisam "enfrentar juntos" a crise climática, diz Timmermans

O vice-presidente executivo da Comissão, Frans Timmermans, encarregado de supervisionar a acordo, pediu na segunda-feira uma atuação conjunta dos Estados Unidos (EUA) e da União Europeia (UE) para lidar com a crise climática e outras …

Transações com criptomoedas passam a ser ilegais na China

O banco central da China declarou ilegais todas as transações que envolvam a bitcoin e outras moedas virtuais, intensificando uma campanha para bloquear o uso de dinheiro digital não oficial. Após o anúncio, revelou esta sexta-feira …

Eduardo Bolsonaro e dois ministros de Estado testam positivo à covid-19

O filho do Presidente do Brasil, que também é deputado federal, é o terceiro membro da delegação brasileira que viajou para os EUA a testar positivo para a covid-19. O deputado federal brasileiro Eduardo Bolsonaro, filho …

Avião russo invade espaço aéreo da Estónia pela sexta vez este ano

A Estónia informou na quinta-feira que um avião da força aérea russa violou o seu espaço aéreo, sendo o sexto incidente do género este ano. A intrusão terá ocorrido ao meio-dia de quarta-feira, quando o avião …

Abel montou uma "equipa pequena, a jogar sempre com receio"

Opinião proveniente do Brasil lamenta a forma como o campeão sul-americano se apresenta em campo. É campeão sul-americano, por ter vencido a última Copa Libertadores, está a um jogo de estar novamente na final da Libertadores …

Pandemia com tendência decrescente nos serviços de saúde e na mortalidade

Portugal regista uma situação pandémica de “intensidade moderada”, mas com uma tendência decrescente da pressão sobre os serviços de saúde e na mortalidade associada à covid-19, refere o relatório das “linhas vermelhas” hoje divulgado. Segundo a …

Vacinas da gripe vão ser dadas nos centros de vacinação covid-19

Os centros de vacinação usados para administrar as vacinas contra a covid-19 vão também passar a ser usados para vacinar contra a gripe. Numa nota enviada às redações, a task force anunciou que os centros de …

Irmã de Kim Jong-un diz que acabar com a Guerra da Coreia é uma "ideia admirável"

Esta sexta-feira, Kim Yo-jong, irmã do líder norte-coreano Kim Jong-un, disse que o país está disposto a retomar as conversações com a Coreia do Sul se o vizinho não provocar o Norte com políticas hostis. Ri …

"Que se lixe o Congresso", diz líder do CDS

O líder centrista Francisco Rodrigues dos Santos disse não estar "minimamente preocupado" nem "concentrado em táticas para congressos internos". O presidente do CDS disse esta sexta-feira que não está “minimamente preocupado” com a próxima reunião magna …