Greta Thunberg vence prémio Gulbenkian para a Humanidade

Rodrigo Antunes / Lusa

Greta Thunberg em Lisboa

A ativista sueca venceu, esta segunda-feira, a primeira edição do prémio Gulbenkian para a Humanidade, no valor de um milhão de euros, que vão ser aplicados no combate às alterações climáticas.

Numa mensagem áudio dirigida à cerimónia de apresentação do prémio, o presidente do júri e ex-Presidente da República, Jorge Sampaio, salientou que Greta Thunberg “conseguiu mobilizar as gerações mais novas para a causa do clima”.

Através da fundação com o seu nome, Greta Thunberg vai aplicar o dinheiro do prémio – um milhão de euros – em ações de combate às alterações climáticas, começando pela campanha SOS Amazonia, dedicado a ajudar as populações da Amazónia a enfrentarem a pandemia da covid-19, com 100 mil euros.

Outros 100 mil euros vão ser encaminhados para a Stop Ecocide Foundation, que pretende criar a figura criminal do “ecocídio” no caso de atentados em massa contra o meio ambiente e a natureza.

De acordo com o jornal Público, a ativista sueca deverá vir a Lisboa receber o prémio desta primeira edição do concurso, que teve as alterações climáticas como estreia e que recebeu 136 candidaturas.

“O Prémio Gulbenkian para a Humanidade distingue percursos inovadores com elevado potencial para auxiliar processos de mitigação das e/ou adaptação às alterações climáticas, uma das maiores ameaças do século, com consequências devastadoras no bem-estar das gerações atuais e futuras, na economia e nos ecossistemas naturais”, lê-se no anúncio da distinção, citada pelo diário.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Prémio Humanidade! Humanidade????
    Grande júri! Grande???
    Sampaio como presidente do grande júri! Qual o currículo do Sampaio em questões de defesa do ambiente???
    Este provavelmente será um dos prémio mais pacóvios de que tenho acontecimento. Um conjunto de pacóvios a dar um prémio a uma pacóvia, mas com muita vaidade à mistura. Afinal, não é todos os dias que o auto-intitulado GRANDE júri atribui um prémio à HUMANIDADE.
    O que vale às pessoas (às pessoas reais, não ao conceito abstracto de “humanidade”) é que há algumas delas que todos os dias, e desde há muito tempo, se preocupam com o ambiente, numa atitude positiva (em vez de se queixarem que lhe arruinaram a infância) e pró-activa (estudando, trabalhando e encontrando soluções em prol de um melhor ambiente, em vez de faltarem às aulas ou ficarem sentadas à espera que outros encontrem soluções).
    Essas pessoas podem não enfiar as pernas na água para tirar fotografias para aparecer na capa da Time, podem não ser convidadas pelas Nações Unidas, podem não ganhar o prémio HUMANIDADE atribuído pelo GRANDE júri, mas certamente fazem (e fizeram) muito pelo ambiente, mesmo quando a defesa do ambiente se transformou num dos maiores folclores de que há memória. Oxalá essas pessoas não se cansem, pois parece que o GRANDE júri se cansou de as procurar e de as apoiar.

    • Chiça, ó homem beba lá mais uma cachaça ou um bagaço e vá ligar ao seu colega do chega, não venha para aqui fazer essa figurinha!

    • O Jorge Sampaio pode não ter currículo relevante mas o mesmo não se pode dizer do Miguel Bastos Araújo que presidiu ao Comité de Especialistas. RC, tiveste tempo para te candidatares ao prémio, já que as candidaturas começaram em janeiro. É que, na vida real, ninguém vai à procura de ninguém a não ser quando precisam de ajuda, certo?

      • Miguel Bastos Araújo? Tem a certeza do que está a dizer?
        Há pessoas que são famosas porque aparecem e que aparecem porque são famosas…
        E depois há aquelas pessoas que fazem coisas, e que às vezes não são famosas nem aparecem, talvez porque estejam demasiadamente ocupadas a fazer coisas…
        Mas enfim, e rapariga das tranças deve concordar comigo, até porque já disse que irá doar a totalidade do prémio a quem está de facto a fazer coisas (oxalá seja verdade, pois estes casos são RARÍSSIMAS). A ser verdade, a rapariga das tranças fará o que o grande júri não foi capaz de fazer, mesmo sendo grande e tendo um prémio para a humanidade.

  2. Que bom que esta bela fundação Portuguesa está a contribuir para um mundo melhor com este prémio que apoia projetos de desenvolvimento humano e ecológico. Não há planeta B!

    • Não há, mas deveria haver uma solução “b” e “c”, não é uma miúda rica e de uma família de activistas profissionais e sem qu7alquer formação na área, quem mo vem dizer! É preciso viver num mundo de estúpidos para se dar tanta atenção a uma catraia, quando milhares de cientistas já chamam a atenção para os problemas ambientais desde a década de 60! Vivemos num mundo de ignorantes, estupidificado e com vaidade nisso. Para um problema destes não um cérebro “b”!

  3. Talvez o dito “prémio” devesse ter sido atribuído aos Sponsors e não a Instrumentalizada. Mas compreende-se que após a historia do Prémio Nobel, a garota ficasse frustrada e em casa tornando-se insuportável, tinha-se que se encontrar uma solução. Todos sabemos como acalmar birras, as crianças acalmam-se quando se lhe dá um rebuçado !

Responder a RC Cancelar resposta

Conselho de Disciplina instaura dois processos disciplinares a Varandas

O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) instaurou, esta quinta-feira, dois processos disciplinares ao presidente do Sporting, na sequência das declarações proferidas sobre o seu homólogo do FC Porto e das …

Há infetados que escondem a doença com medo de perder o salário

O médico António Pais Lacerda, diretor do serviço de Medicina Interna II do Hospital Santa Maria, em Lisboa, alerta que o medo de perder salário ou emprego leva pessoas infetadas com o novo coronavírus …

Tottenham perde frente ao Antuérpia. Mourinho "rasga" equipa: "Queria fazer 11 substituições ao intervalo"

O Tottenham perdeu esta quinta-feira frente ao Antuérpia, na segunda jornada da Liga Europa de futebol, levando o treinador português José Mourinho a criticar a sua equipa. "Queria fazer 11 substituições ao intervalo", admitiu. No …

PCP sobe fasquia no OE2021. Quer mais um escalão de IRS

O PCP quer que o Orçamento do Estado para 2021 contemple a criação de um novo escalão de IRS, segundo uma das dezenas propostas de alteração ao documento que os comunistas fizeram chegar ao Parlamento. Em …

Equipas lusas 100% vitoriosas na jornada europeia. Gaitán estreou-se com um grande golo

O SC Braga e o Benfica venceram esta sexta-feira as partidas a contar para a Liga Europa, depois de o FC Porto ter também saído vitorioso do jogo que disputou frente aos gregos do Olympiacos …

Mutação do coronavírus pode ter tido origem em Espanha (e isso pode explicar a segunda vaga)

Análises realizadas pela Universidade de Basileia, a Escola Politécnica Federal de Zurique e o consórcio espanhol SeqCovid-Spain, liderado pelo Conselho Superior de Investigação Científica, mostram que a nova variante se espalhou pela Europa e outras …

Arqueólogos encontraram lamas sacrificadas pelos Incas no Peru

Arqueólogos encontraram, no Peru, restos mortais mumificados de cinco lamas que foram sacrificadas pelos deuses Incas há cerca de 500 anos. De acordo com o site Live Science, as lamas mumificadas ainda estão adornadas com os cordões …

"Nunca vi nada assim." Ameaça terrorista é mais intensa do que nunca em França (e mais difícil de travar)

O ataque terrorista dentro de uma Igreja em Nice, com a morte de 3 pessoas, veio reforçar a ameaça do terrorismo islâmico em França. Já havia sinais e alertas oficiais de perigo numa altura em …

Costa recebe partidos esta sexta-feira. "Nenhuma medida está excluída", garante Costa

O primeiro-ministro recebe esta sexta-feira, em São Bento, os partidos com representação parlamentar para procurar um consenso para a adoção de medidas imediatas de combate à pandemia de covid-19. Além disso, o Governo vai auscultar …

Ratos-toupeira-nus foram apanhados a raptar bebés de outras colónias

Cientistas descobriram dois casos em que ratos-toupeira-nus foram raptados da sua colónia, tendo sido transformados em escravos. De acordo com o site Science Alert, embora os ratos-toupeira-nus (Heterocephalus glaber) sejam pequenos, têm grandes colónias compostas por …