Governo volta a tirar os 30 milhões que ia devolver às universidades

portugal.gov

O Ministro da Educação, Nuno Crato

O Ministro da Educação, Nuno Crato

O Conselho de Reitores revelou esta terça-feira que o Governo recuou na intenção de devolver às universidades, no início de 2014, os 30 milhões de euros cortados dos seus orçamentos e que Crato vai voltar a falar com o primeiro-ministro.

António Rendas, reitor da Universidade Nova e presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (CRUP), falava aos jornalistas no final de uma reunião que hoje este órgão universitário teve com o ministro da Educação, Nuno Crato, e o secretário de Estado do Ensino Superior, José Ferreira Gomes, para discutir questões como o financiamento do ensino superior e as praxes.

“Houve uma reunião com o primeiro-ministro [no final de novembro de 2013] e era necessário retomar essa parte da agenda, no que diz respeito ao financiamento do ensino superior para 2014. As notícias que tivemos hoje não foram as que esperávamos, na medida em que tínhamos tido a abertura do primeiro-ministro para, na execução orçamental de 2014, ser revista aquela questão dos 30 milhões de euros ainda em aberto. O que nos disse o ministro Nuno Crato é que iria falar com o senhor primeiro-ministro novamente”, disse Rendas no final do encontro de hoje.

No final de novembro, CRUP, Nuno Crato, José Ferreira Gomes e o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, reuniram-se para discutir as dificuldades orçamentais das universidades que levaram os reitores a cortar relações institucionais com o Governo.

Dessa reunião, que terminou sem declarações, saiu um comunicado do CRUP, no qual se dava conta da abertura manifestada pelo primeiro-ministro para repor, no início de 2014, “os valores cortados em excesso” nos orçamentos das instituições para o próximo ano.

Esta terça-feira, o CRUP alertou Nuno Crato para as consequências de deixar arrastar a questão, e de libertar verbas apenas para as situações limite.

“O Conselho de Reitores fez sentir que aquilo que nos foi dito hoje, que vai no sentido de acudir apenas àquelas instituições que estão com dificuldades, pode criar, a partir do meio deste ano já, uma situação muito complicada, na medida em que todas as universidades, a partir dessa altura, irão ficar numa situação muito complicada”, sublinhou António Rendas.

De acordo com o presidente do CRUP, “a situação vai ser analisada mensalmente”, mas frisou que espera uma solução por parte do Governo antes do meio do ano, até porque, disse, será o estado a que as universidades vão chegar nessa altura que o vão exigir.

“Há de haver um momento em que o CRUP decide quando é que vamos passar das reuniões à ação. Acho que esse momento vai acontecer nos próximos meses”, afirmou.

Em novembro, quando o CRUP cortou relações com o Governo, Rendas colocou o seu lugar à disposição, e fez depender do evoluir da situação a sua continuidade, tendo decidido manter-se em funções até ao final do primeiro trimestre deste ano.

“Mantenho o que disse desde o princípio, não costumo mudar de opinião. Vou aguardar”, disse hoje Rendas sobre a sua condição de presidente demissionário do CRUP.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Vanessa Guillen foi espancada até à morte. Jovem soldado tinha dito à mãe que era vítima de assédio

Vanessa Guillen foi vista pela última vez a 22 de abril, pouco tempo depois de confessar à mãe que estava a ser assediada por um sargento. O principal suspeito da morte da jovem suicidou-se e …

Presidente da Câmara do Funchal envia carta a Boris Johnson a defender a Madeira

O presidente da Câmara do Funchal escreveu uma carta a Boris Johnson, na qual realça "alguns argumentos fortes" a favor da Madeira como destino de férias para os cidadãos do Reino Unido. O presidente da Câmara …

Livros pró-democracia desapareceram das bibliotecas de Hong Kong

Livros escritos por importantes ativistas da democracia de Hong Kong começaram a desaparecer das bibliotecas da cidade, avança a agência noticiosa francesa AFP, citando registos online destes espaços. Os livros pró-democracia desapareceram das prateleiras da …

Lito Vidigal é o novo treinador do Vitória de Setúbal

Lito Vidigal é o novo treinador do Vitória de Setúbal. O ex-treinador do Boavista, que já tinha passado pelo Bonfim em 2018/2019, vai suceder a Júlio Velázquez no comando técnico dos sadinos. Esta segunda-feira, Lito Vidigal, …

Estados Unidos confirmam rara infeção provocada por parasita que destrói o cérebro

Foi detetada, no cérebro de uma pessoa no condado de Hillsborough, uma ameba rara que destrói o cérebro. O parasita chama-se Naegleria Fowleri. Uma ameba rara que destrói o cérebro, conhecida como Naegleria Fowleri, foi detetada numa …

IKEA devolve a Portugal 500 mil euros em apoios do lay-off

A IKEA já reuniu com o Governo e diz estar a estudar a melhor forma de proceder à devolução do montante recebido pelo Estado.  Segundo o Dinheiro Vivo, a IKEA Portugal vai devolver cerca de 500 …

Isabel dos Santos diz-se "contactável e disponível" para colaborar com a justiça

Isabel dos Santos negou, esta segunda-feira, que a justiça desconheça o seu paradeiro e que não a consiga contactar, depois de o procurador-geral de Angola ter vindo a público denunciar a ausência de respostas da …

"Não estamos a dar a resposta suficientemente eficaz nesta fase", diz bastonário dos médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, defendeu esta segunda-feira que enquanto faltar uma "resposta suficientemente eficaz" à covid-19 na fase de desconfinamento, a recuperação económica também será mais lenta. O responsável falava aos …

Bolsonaro alarga veto para uso de máscaras no Brasil

Jair Bolsonaro vetou, esta segunda-feira, a obrigatoriedade do uso de máscaras em prisões durante a pandemia, segundo informações divulgadas no Diário Oficial da União. A decisão do Presidente brasileiro incluiu também o fim da obrigatoriedade de …

Carruagens compradas pela CP à espanhola Renfe vão ter espaço para bicicletas

As 51 carruagens que a CP - Comboios de Portugal vai comprar à espanhola Renfe por 1,6 milhões de euros permitirão o transporte de bicicletas, revelou o ministro Pedro Nuno Santos, garantindo que serão gastos …