Governo de Passos escondeu alertas sobre a CGD até 15 dias antes das eleições

José Sena Goulão / Lusa

Pedro Passos Coelho, Maria Luís Albuquerque

Pedro Passos Coelho, Maria Luís Albuquerque

O Ministério das Finanças de Maria Luís Albuquerque manteve na gaveta, durante seis meses, pareceres que davam conta do agravamento da situação financeira da Caixa Geral de Depósitos, só os despachando a 15 dias das eleições legislativas de 2015.

Uma informação apurada pelo jornal Público que salienta que há, pelo menos, dois pareceres da Inspecção-Geral das Finanças que “mostravam agravamento das imparidades da CGD” e que terão estado “guardados” durante seis meses.

Os documentos “estiveram guardados de Março a Setembro e só foram despachados pelo secretário de Estado das Finanças, Manuel Rodrigues, quinze dias antes das eleições legislativas de 2015″, destaca o diário.

Estes pareceres reportavam a relatórios trimestrais da Comissão de Auditoria da CGD de 2014, debruçando-se sobre o período de recapitalização do banco, levado a cabo por Maria Luís Albuquerque e decretado pelo ex-ministro das Finanças, Vítor Gaspar, em 2012, que resultou numa injecção pública de cerca de 1500 milhões de euros.

O Público conclui assim, que “é certo que apesar de o Governo saber da degradação da situação das imparidades, não ordenou qualquer auditoria ao banco”.

Um dado que vem ao encontro do relatório do Tribunal de Contas, divulgado na semana passada, e que acusa as Finanças de falta de controlo na CGD entre 2013 e 2015.

ZAP

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Lá está a Marilú e Passos no seu melhor.
    Esta notícia também não é surprendente, se pensarmos que o objectivo desta gentinha neoliberal era privatizar tudo. A CGD estava na linha, só que não foram a tempo. Embora não tivesse gostado da forma como Costa chegou ao poder, mesmo não sendo caso unico porque Passos fez o mesmo uns anos antes, começo a achar que Costa fez bem, pelo que vamos vendo.
    Achei graça a Passos quando disse que foi o unico primeiro ministro a meter dinheiro na CGD, pois é, esqueceu-se foi de dizer que nunca tivemos uma crise no sistema financeiro tão grande como houve e há, e que a CGD foi chamada pelo governo a injectar muito dinheiro em causas alheias para safar Bancos privados ” de amigos”. Por isso ficou descapitalizada. Para quem queria privatizar tudo, esta situação complicou os planos, porque a CGD, para ser vendida, tinham de recapitalizá-la outra vez e isso, se eles se tivessem mantido, iam fazê-lo para depois a “despacharem” com continhas em dia. São uns belos artistas, Passos Coelho e a Marilú.

    • curiosamente os unicos que pediram à CGD para meter dinheiro nos bancos amigos foram os governos PS…curioso de facto. Nota-se claramente a sua falta de conhecimento da recapitalização do sistema financeiro que foi feita com recurso a um financiamento da UE a 5% e que o governo emprestou aos bancos BCP e BPI em forma de CoCo’s a taxas de 8.5% crescente (a ganhar dinheiro portanto). Os tais “artistas” pegaram num País deixado falido pelo governo PS e endireitaram as contas. E já agora, PPC foi eleito após queda do governo PS pelo cumbo do PEC 4, não chegou ao poder da mesma forma que o Costa, há que saber um bocado do que se fala antes de comentar. E já agora, a crise de 1998, 2000 e 2009 foram graves a nível internacional, a diferença é que não tinhamos tido um socas a encher o bolso e a falir o país com o costa como numero 2 a ver tudo passar (sim pq acreditamos que ele nao sabia nem viu nada).

  2. Mas afinal a “geringonça/PS/PCP/BE” para recusar a auditoria externa às contas não está a argumentar que a devassa e divulgação dos problemas da caixa só agravariam a situação da Caixa?….Se é assim agora, então o que é que esteve mal no governo da coligação PSD/CDS?…Mas em boa verdade este alerta referia a toda a “porcaria” que os “Boys” nomeados pelos governos do PS andaram a fazer na CGD durante quase 2 décadas!….

    • Isso é que é transformar o assunto de modo a “puxar a brasa à sua sardinha”, … Carlos Rocha. No governo do PSD/CDS esteve tudo bem!
      E já agora, os seus amigalhaços só não privatizaram a Caixa, porque a “maravilhosa banca privada” começou toda a dar raia e assim perderam a oportunidade de privatizar a Caixa.
      Já viu o que era tornar a Caixa também um banco privado, quando os bancos privados estavam todos a falir?

    • Ora aí está a verdade. A imprensa publica o que quer e só acredita quem quer. Só os tótós acreditariam que se o anterior governo tivesse feito asneiras na CGD a geringonça ficaria calada. Olhem logo quem… O bosta que está sempre a mandar postas de pescada podres, qdo alguma não lhe agrada, alguma vez o ouviram falar sobre a CGD? Pq se recusa a geringonça a fazer uma auditoria à CGD como o anterior governo tem exigido? Ficam calados e nem uma palavra. Pq será? Pensam que eles não sabem a porcaria que encontrariam e os responsáveis? Vcs leem os artigos da imprensa que agora deu para carregar no anterior e toca todos a mandar tiros às cegas. É como a da venda de parte das minas de diamantes…alguém sabe o que se passou? O que forçou essa venda? A razão dessa venda? Não acham estranho a imprensa saber e a geringonça não saber? Pq não se manifesta? Mas saltam todos como bulldogs sem saberem de nada. A imprensa é tendenciosa. Qdo um governo é novo, está nas boas graças, é só notícias más do anterior e boas do atual, seja quem for e qdo for. Hoje estão uns na mó de baixo e outros na mó de cima, qdo houver mudanças será a mesma coisa, só mudam de lugar, mas o veneno é destilado pela imprensa na mesma.

  3. É por estas e por outras que já não se pode confiar nos políticos, porque aos poucos percebe-se que a grande maioria destes recorrem a esquemas, conforme são os seus interesses, para mascararem a realidade.

RESPONDER

Jovem norueguesa controla 450 perfis no Instagram para tentar evitar suicídios

Uma norueguesa de 22 controla 450 perfis privados no Instagram para tentar evitar suicídios, conta a emissora britânica BBC, revelando ainda que a jovem recebeu já o apelido de "salva-vidas" devido ao trabalho que leva …

Espanha vai tentar exumar 31 corpos que se encontram no Vale dos Caídos

As autoridades espanholas vão tentar exumar 31 dos milhares de corpos de pessoas enterradas no Vale dos Caídos, um grande mausoléu onde esteve enterrado o ditador Francisco Franco até ao mês passado. Segundo a agência Associated …

Holanda reduz velocidade máxima nas autoestradas em prol da qualidade do ar (e deixa o primeiro-ministro "muito infeliz")

O Governo holandês vai baixar os limites de velocidade nas autoestradas do país para travar as emissões de monóxido de nitrogénio, que contribui para a degradação da camada de ozono. O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, anunciou …

Facebook para iOS utiliza câmara do iPhone sem que o utilizador note

Há um erro na aplicação do Facebook para iOS - sistema operativo do iPhone - que liga a câmara do telemóvel sem que o utilizador se aperceba quando este faz scrool no feed de …

Tesla vai abrir a sua primeira fábrica na Europa

O construtor de carros elétricos Tesla vai abrir uma fábrica nos arredores de Berlim, anunciou o presidente executivo da empresa, Elon Musk, na terça-feira à noite ao receber um prémio na capital alemã. “Tenho uma informação …

Continental vai contratar 300 engenheiros para o Porto

A Continental vai instalar no Porto um centro de desenvolvimento de tecnologias que poderá empregar "cerca de 300 engenheiros" e apoiará o desenvolvimento de soluções para veículos elétricos, condução autónoma e cibersegurança, anunciou esta quarta-feira …

Comissão Europeia aprova comercialização da primeira vacina para o Ébola

A Comissão Europeia anunciou no início da semana que concedeu uma autorização para a comercialização da primeira vacina contra o Ébola, designada Ervebo e produzida pela farmacêutica Merck. A vacina estava a ser produzida desde o …

Facebook lança o seu próprio MB Way

O Facebook lançou nos Estados Unidos uma nova funcionalidade para facilitar pagamentos através das quatro principais aplicações do grupo, que é semelhante ao funcionamento das transações com o MB Way. Em comunicado, Deborah Liu, responsável do …

O dilema dos chumbos, o "engano" de Ventura e o "falso liberal". O primeiro debate aqueceu

O primeiro debate quinzenal da legislatura arrancou esta quarta-feira e ficou marcado pelas retenções até ao 9.º ano - Chumba ou não chumba?, quis saber a direita, bem como pelo aumento do salário mínimo nacional …

Sondagem europeia defende tratado internacional que proíba "robôs assassinos"

Quase três em cada quatro pessoas querem que o seu governo colabore com outros países para proibir sistemas letais de armas autónomas. A organização não-governamental Human Rights Watch (HRW) divulgou esta quarta-feira os resultados de uma …