Governo vai pagar mais para incentivar tratamento da obesidade

Tony Alter / Flickr

O Ministério da Saúde vai pagar mais aos hospitais e aos profissionais de saúde para incentivar o tratamento cirúrgico da obesidade e para reduzir os tempos de espera no Serviço Nacional de Saúde.

De acordo com o Jornal de Notícias, que avança a notícia nesta segunda-feira na sua edição impressa, o Governo quer reduzir os tempos de espera e aumentar a capacidade para o tratamento cirúrgico da obesidade no país.

Além de pagar mais às equipas multidisciplinares que levam a cabo estas cirurgias, revela o diário, o Governo vai também pagar aos hospitais para que realizem duas técnicas cirúrgicas mais eficazes no tratamento da obesidade do que a banda gástrica.

Segundo o matutino, um paciente com obesidade grave espera atualmente e em média, cerca de seis meses por uma cirurgia, sendo que no final de junho havia 1.350 doentes à espera de serem operados.

Para reduzir os tempos de espera, o Estado vai a financiar duas novas técnicas — sleeve e derivação bílio-pancreática e transposição duodenal — e a remuneração “será partilhada com as equipas”, numa percentagem de entre 35% e 55%, explicou Ricardo Mestre, da Administração Central do Sistema de Saúde, em declarações ao matutino.

A medida vai permitir que os hospitais que fazem mais cirurgias para tratar a obesidade possam criar centros de responsabilidade integrados, isto é, unidades autónomas dentro do centro hospitalar exclusivamente para este tipo de tratamentos.

A Associação de Doentes Obesos e Ex-Obesos, que tem vindo a reivindicar mais incentivos às cirurgias, teme, no entanto, que a falta de especialistas possa ser um obstáculo.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Voo humanitário para o Brasil chegou a custar mais de 1.350 euros

O Público avança que o bilhete de um "voo humanitário" da TAP para o Brasil estava a ser vendido por 837 euros no início desta terça-feira. Horas depois, os "últimos lugares" estavam a ser disponibilizados …

Afinal, grupo de trabalho para a vacinação no Parlamento não vai existir

Afinal, ao contrário do que foi avançado esta terça-feira, o grupo de trabalho que devia coordenar o processo de vacinação dos deputados não vai existir. A Assembleia da República esclareceu esta tarde, em comunicado, que não …

Novo estudo indica que coronavírus pode sobreviver na roupa até 72 horas

De acordo com um estudo britânico, o novo coronavírus pode sobreviver na roupa ao longo de até 72 horas. Os especialistas alertam que pode ainda ser transferido da roupa para outras superfícies. Um estudo da universidade …

Polícia espanhola apreende 387 quilos de cocaína em navio chegado do Brasil

A polícia espanhola apreendeu 387 quilos de cocaína no porto de Santa Cruz de Tenerife, nas ilhas Canárias, numa inspeção feita a um camião que viajava num navio chegado do Brasil. O Ministério do Interior (Administração …

SEF detém suspeito de auxiliar pessoas a emigrar ilegalmente para a Irlanda

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve, na segunda-feira, um cidadão europeu por suspeitas da prática do crime de auxílio à imigração ilegal. O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve, em Lisboa, um cidadão …

Afinal, primeira morte por covid-19 na Europa foi na Sérvia

Um trabalhador da construção civil morreu de covid-19 em fevereiro de 2020 em Belgrado, 10 dias antes de outra pessoa ter morrido em França, podendo ter sido afinal a primeira morte pela doença no continente, …

Vacina da Johnson & Johnson considerada eficaz pelos Estados Unidos

O regulador norte-americano, a Food and Drug Administration, aprovou a vacina produzida pela Johnson & Johnson para utilização de emergência em todo o país. A vacina de dose única da Johnson & Johnson contra a covid-19 …

Banco de Portugal alerta sobre investimento em Bitcoin e outras criptomoedas

O Banco de Portugal (BdP) lançou esta quarta-feira um novo aviso aos consumidores sobre os riscos relativos ao investimento em bitcoin e outras criptomoedas, devido à "recente volatilidade observada nos preços de determinados ativos virtuais". "Não …

Sismo de magnitude 5,7 perto da capital da Islândia

O epicentro do terramoto, registado às 10:05 (mesma hora em Lisboa), situa-se perto do Monte Keilir, na Islândia. Um sismo de magnitude 5,6 abalou esta manhã o sudoeste da Islândia, incluindo a capital, Reiquejavique, sem vítimas …

Portugal terá de pedir mais fundos a Bruxelas, diz Durão Barroso

O antigo primeiro-ministro e antigo presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, acredita que Portugal terá de pedir mais fundos a Bruxelas, considerando que a crise será mais grave que o que está atualmente previsto. Em entrevista …