Governo oferece subsídio a quem aceitar emprego longe de casa

Giacomo Giugiaro / Flickr

-

Os desempregados inscritos no Centro de Emprego há mais de três meses que aceitem um emprego longe da sua área residencial terão direito a um subsídio de mobilidade.

De acordo com o Diário Económico, a portaria que define este novo apoio à mobilidade foi publicada em Diário da República na sexta-feira passada, 20 de março, e terá efeito nos próximo 30 dias.

A medida destina-se a desempregados inscritos nos centros de emprego há mais de três meses, prazo que também pode considerar o período de inscrição nas regiões autónomas e em país estrangeiro.

Os objectivos do Apoio à Mobilidade Geográfica no Mercado de Trabalho são, de acordo com a portaria, “melhorar a redistribuição geográfica e profissional da mão-de-obra”, satisfazer ofertas de emprego e “diminuir o risco de desemprego de longa duração”, apoiando a mobilidade temporária e permanente.

Quem celebrar um contrato com duração superior a um mês, cujo local de trabalho se encontre a mais de 50 quilómetros de casa, terá direito a 209,6 euros mensais, mas este apoio só dura seis meses e tem um teto de ajuda de 1.257,6 euros.

Nos contratos superiores a um ano que impliquem a alteração da área residencial (desde que esta fique a 100 quilómetros da morada atual), o trabalhador terá direito a uma comparticipação dos custos de viagem do agregado familiar. Nestes casos, o apoio é de 62,75 euros por membro do agregado, sendo que acrescem 40 cêntimos por quilómetro percorrido a mais.

ZAP

 

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …

China anuncia fim de novas centrais a carvão no estrangeiro

Segundo os especialistas, o impacto da medida deverá depender da forma como será implementada, podendo ter um grande impacto na luta contra as alterações climáticas. Num anúncio bem recebido por ativistas e organizações ambientes, a China …

Roménia vai distribuir €200 mil a quem tiver vacinação completa contra a covid-19

A Roménia anunciou uma "lotaria de vacinação" que distribuirá prémios de até 200.000 euros entre aqueles que tiverem a vacinação completa, na tentativa de elevar a taxa de imunização, a segunda mais baixa da União …

Antes da invasão ao Capitólio, Bannon ajudou a planear estratégia para "matar a presidência de Biden no berço"

O estrategista-chefe da campanha de Donald Trump, Steve Bannon, revelou que falou com o ex-Presidente antes da invasão ao Capitólio, a 06 de janeiro, discutindo as condições para "matar a presidência de [Joe] Biden no …

Costa prepara novo alívio de restrições para vigorar a partir de 1 de outubro

António Costa prepara-se para anunciar, na quinta-feira, o levantamento de um conjunto de restrições que vigoraram por causa da covid-19. O primeiro-ministro, António Costa, prepara-se para anunciar na quinta-feira o levantamento de um conjunto de restrições …