Governo não divulga dados sobre impacto da crise desde Outubro

António Cotrim / Lusa

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho

O Ministério do Trabalho e da Segurança Social deixou de divulgar as estatísticas sobre o impacto da crise provocada pela pandemia de covid-19 em Outubro passado, nomeadamente quanto ao número de apoios atribuídos e de despedimentos colectivos.

Estes dados, bem como outros indicadores reveladores das consequências que a covid-19 está a ter na economia portuguesa, foram sendo divulgados pelo Gabinete de Estratégia e Planeamento (GEP) do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (MTSSS) no seu site. Mas o último boletim publicado data de 16 de Outubro passado.

Os dados mais recentes não foram, assim, disponibilizados depois de numa primeira fase terem surgido actualizações de forma mais regular – em Julho, foram cinco, enquanto em Agosto, desceram para apenas duas. Depois, foi divulgado um boletim relativo a Setembro e o último é o mencionado, alusivo a Outubro.

Assim, não há dados públicos quanto ao “apoio à retoma progressiva”, nem quanto aos restantes auxílios sociais previstos no Orçamento suplementar.

A publicação das estatísticas “não foi suspensa” e está simplesmente atrasada, de acordo declarações de uma fonte oficial do MTSSS ao Jornal de Negócios.

“O GEP encontra-se a proceder a uma reformulação da informação que é disponibilizada, com o objectivo de integrar novas medidas de apoio e novos apuramentos, prevendo-se que possa ser disponibilizada em breve a informação relativa a Novembro”, destaca a mesma fonte.

O Ministério revela ao Negócios que em Outubro, se iniciaram 63 processos, abrangendo 1.007 trabalhadores no que terá sido “um aumento do número de abrangidos de 46%” que constitui “o número mais alto desde Abril”.

“Em Novembro, 66 processos iniciados abrangeram, segundo o Governo, 682 trabalhadores”, aponta ainda o jornal económico.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Novo máximo diário com 218 mortes. Morre uma pessoa com covid-19 a cada 7 minutos

Portugal contabilizou esta terça-feira 218 mortes, um novo máximo de óbitos em 24 horas, relacionados com a covid-19, e 10.455 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Quase metade das …

Ana Gomes teme que processos BES e Operação Marquês acabem como o dos submarinos

A candidata presidencial Ana Gomes disse ontem temer que processos como os do BES e da Operação Marquês terminem como o dos submarinos, em que considerou que se "trabalhou para a prescrição". Na conversa online que …

Recuperação só em 2022, disse Vestager. Leão quer aprovação rápida dos planos para a UE

A vice-presidente executiva da Comissão Europeia, Margrethe Vestager, afirmou que a recuperação europeia só será "sentida como tal" em 2022, mas que no outono já poderão ser visíveis alguns sinais, caso a vacinação contra a …

Marcelo aprova novas medidas e anuncia reunião com especialistas para discutir situação das escolas

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, assinou esta terça-feira o decreto do Governo que altera a regulamentação do estado de emergência devido à pandemia de covid-19 e anunciou uma reunião com especialistas na …

Jerónimo na campanha de João Ferreira para homenagear os que "se levantaram contra o fascismo"

O candidato presidencial comunista contou com a presença do secretário-geral do PCP, esta segunda-feira, na Marinha Grande, que destacou a importância de lutar contra os atuais "traços de regressão democrática". Durante uma ação na Escola Secundária …

Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Waldschmidt infetados

Os futebolistas do Benfica Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Luca Waldschmidt são os mais recentes casos positivos ao novo coronavírus no plantel do Benfica, informou esta terça-feira o clube da Luz. “O Sport Lisboa e …

Hospital de Portalegre abre inquérito a morte de doente que esteve 3 horas em ambulância

O hospital de Portalegre vai abrir um inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um octogenário, na noite de segunda-feira, na área dedicada aos doentes respiratórios, depois de estar quase três horas numa ambulância, …

"Não somos heróis". Há quartéis que podem fechar se não houver vacinas para os bombeiros

O presidente da Associação Nacional de Bombeiros Profissionais (ANBP), Fernando Curto, disse que se o número de bombeiros infetados com covid-19 continuar a este ritmo muitos quartéis podem ter de encerrar. "As carrinhas de transporte de …

Mayan ouve lesados da pandemia e diz que "limitações têm de vir acompanhadas do cheque"

Tiago Mayan Gonçalves ouviu as lamentações de uma série de empresários algarvios afetados pela pandemia. O candidato aponta o dedo ao Governo, argumentando que "limitações severas têm de vir acompanhadas do cheque". Esta segunda-feira, Tiago Mayan …

Itália: Da crise pandémica à crise política. Conte tem agora o voto de confiança dos deputados

O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, obteve ontem a confiança dos deputados para se manter no governo, depois da demissão de duas ministras do partido Itália Viva (IV) ter aberto uma crise política, deixando o governante …