O próximo presidente do Sporting vai precisar de 60 milhões

Manuel de Almeida / Lusa

Bruno de Carvalho com José Maria Ricciardi

O banqueiro José Maria Ricciardi considerou na quarta feira, numa entrevista à TVI 24, que qualquer candidato a presidente do Sporting vai precisar duma avultada quantia em dinheiro, que poderá ascender a 60 milhões ou mais.

Para Ricciardi, que já foi apoiante de Bruno de Carvalho, a série de rescisões por justa causa terão impacto no montante que o próximo presidente do clube precisará.

“Não tenho uma estimativa mas dependerá do resultado das rescisões destes nove jogadores. Se for dada razão aos mesmos, e há uma probabilidade razoável que isso aconteça, infelizmente, por tudo o que se passou. Isso tem uma interferência nos valores”, disse citado pelo Diário de Notícias.

O banqueiro explicou que “as consequências dessas rescisões passarão por pagar os restantes anos de contrato aos jogadores e, além disso, haverá o contrato dos ativos”, alertando que a “perda poderá oscilar entre os 100 e os 200 milhões de euros”.

Ricciardi considerou também que a destituição do Conselho Diretivo suspenso pode ajudar a reverter as decisões dos jogadores. “Acredito que alguns jogadores possam voltar atrás. Não direi todos. Ou para ficar no Sporting ou para aceitarem ser negociados”.

Confrontado com o valor de 60 milhões, o banqueiro disse que “poderá precisar de mais porque corre-se esse risco. Esse será talvez o valor mínimo que esta SAD poderá precisar”, acrescentou.

A Assembleia Geral de dia 23 foi também abordada na entrevista. Ricciardi grantiu que estará “como sócio a votar”, apelando por isso “que todos os sócios possam ir a esta AG, onde se vai jogar o futuro de uma grande instituição como o Sporting.”

Ricciardi não descarta candidatura

Ricciardi não descartou a possibilidade de concorrer à presidência do clube, mas considerou que o problema não está na ordem do dia, realçando que as eleições só serão possíveis se os sócios votarem na AG de sábado. O banqueiro sublinhou a existência de “alternativas fortíssimas“.

“Qualquer candidatura terá de ser um pouco diferente das atuais a instituições como FC Porto ou Benfica. O Sporting está numa situação dramática – em pré-falência, pré-insolvência na SAD – e qualquer candidatura terá de ter uma capacidade económica e financeira muito para além do que seria o normal, até do ponto de vista desportivo”.

A candidatura terá ainda de “ser agregadora porque o Conselho Diretivo suspenso dividiu e partiu o clube. Nunca se viu em 112 anos de história andarem uns grupos contra outros”.

Questionado sobre as candidaturas de Dionísio Castro e Frederico Varandas, considerou que esta não é uma boa altura para debater essas propostas, uma vez que os sportinguistas “ainda não votaram se querem que esta direção continue ou não”.

Novamente  confrontado com a possibilidade de ser candidato, o banqueiro admitiu que “não está com falsas modéstias, mas existem outras alternativas fortíssimas no Sporting. Não faltarão sportinguistas que possam ser candidatos se os sócios assim o decidirem”, concluiu.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

China diz que surto está "sob controlo" após 14 províncias não reportarem novos casos

O surto do coronavírus Covid-19 está "sob controlo", depois de a atualização diária mostrar que 14 das 34 províncias e regiões autónomas do país não detetaram novos casos, anunciaram esta sexta-feira as autoridades chinesas. O vice-diretor …

Após 2 anos preso, Pedro Dias assume três homicídios e diz-se arrependido

Pedro Dias, conhecido pelos homicídios de Aguiar da Beira, manifesta-se arrependido pelos crimes por que foi condenado a 25 anos de prisão, após cumprir dois anos da pena. Um arrependimento que é também um assumir …

Orçamento da UE. Proposta agrava corte de Portugal na coesão em 2 mil milhões

A proposta do presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, prevê um corte de 2 mil milhões de euros no envelope da coesão para Portugal. Os chefes de Estado e de Governo da União Europeia iniciaram esta …

Russos atormentam Estados Unidos outra vez. Presidenciais são o alvo

Os serviços secretos norte-americanos estão convencidos de que os russos estão, novamente, a tentar influenciar as presidenciais daquele país. Faltam nove meses para as eleições presidenciais norte-americanas, mas já há suspeitas de que os russos estão …

Processo obscuro e pouco transparente. Expansão do Metro do Porto cria mal-estar

O alargamento do Metro do Porto está a criar mal-estar entre algumas autarquias da área Metropolitana do Porto. Os autarcas falam num processo obscuro e pouco transparente. O protocolo para consolidação da expansão da rede de …

Barcelona contrata jogador com o mercado fechado (mas Leganés não pôde fazer o mesmo)

O Barcelona foi autorizado a contratar um jogador com o mercado fechado, mas o pedido do Leganés foi rejeitado. O clube perdeu Braithwaite para o clube catalão. O FC Barcelona anunciou, esta quinta-feira, a contratação do …

Portugueses gastam 160 euros por ano na "epidemia das raspadinhas". 11 vezes mais do que os espanhóis

De acordo com um estudo recente, há cada vez mais pessoas a chegarem aos consultórios médicos com a doença do jogo patológico desencadeada pela raspadinha. Num artigo científico publicado na The Lancet, Pedro Morgado e Daniela …

Direita chega ao jogo das comissões no MB Way. PSD e Chega juntam-se ao PS

O PSD quer alargar serviços dentro das contas de baixo custo e incluir transferências via a aplicação da SIBS. O Chega quer eliminar custos nessas transações. Depois da esquerda, é a vez da direita marcar terreno …

Fãs de Kobe Bryant em luto estão a deixar flores na sepultura errada

Numa tentativa de prestar homenagem ao ex-basquetebolista, vários fãs de Kobe Bryant em luto estão a deixar flores na sua sepultura. O problema é que o têm na campa de outra pessoa. Quase um mês depois …

Precários das escolas ganham menos 170 euros por mês ao entrarem nos quadros

Nas escolas, os psicólogos que passem a efetivos através do PREVPAP passam a ganhar menos 170 euros por mês. Há outros trabalhadores na mesma situação. Os psicólogos precários que trabalham em escolas passam a ganhar menos …