França proíbe telemóveis nas escolas

As crianças e os jovens franceses não vão poder utilizar o telemóvel na escola e na universidade, prevê a lei aprovada na Assembleia Nacional, esta quinta-feira.

A Assembleia Nacional votou, esta quinta-feira, um projeto de lei sobre a iniciativa da República em Movimento (LMR) que visa a “proibição efetiva” de telemóveis em escolas e faculdades.

Já era esperado que esta “medida de desintoxicação” para combater o bullying, assim apelidada pelo ministro da Educação francês, fosse aprovada em Parlamento, já que o partido de Emmanuel Macron detém a maioria na Assembleia Nacional.

A lei entrará em vigor já no próximo ano letivo, em setembro. Aprovada pela maioria, a lei que o Governo considera ser “um sinal para a sociedade” contou com os votos contra dos republicanos que a classificaram de “inútil”, escreve o Le Fígaro, citado pelo Público.

O enunciado do projeto de lei refere que mais de 90% das crianças francesas com 12 anos ou mais tem telemóvel. “Os telemóveis são um avanço tecnológico, mas não podem monopolizar as nossas vidas”, disse Jean-Michel Blanquer, ministro da Educação, no canal de notícias LCI, antes da aprovação da lei.

Mas os alunos não são os únicos. Também os professores vão ser alvo da mesma medida, numa emenda tardia realizada pelos legisladores do partido, no momento em que o projeto deu entrada no Parlamento francês. Muito professores ridicularizam a sua inclusão nesta medida.

Os defensores deste projeto argumentam que o uso do telemóvel entre crianças e jovens contribui para o aumento do cyberbullying, facilita o acesso a pornografia e prejudica a capacidade dos jovens de interagir socialmente. Evitar o roubo do aparelho e a obsessão por marcas da moda são outras das razões enunciadas.

A recente lei deixa nas mãos do estabelecimento de ensino a decisão sobre como querem aplicar a proibição, podendo numa versão mais simples implicar que os telemóveis sejam colocados em bolsas específicas dentro das mochilas de forma a permitir o acesso em caso de emergência ou para uso pedagógico.

Já a versão mais extrema, escreve o Diário de Notícias, implica a proibição total do uso do telemóvel nas escolas, sob pena de sanções.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

Responder a Surro Cancelar resposta

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …

Irão corta acesso à Internet após protestos contra a subida do preço da gasolina

O Irão cortou o acesso à internet no sábado, após os protestos contra o aumento do preço da gasolina, que provocaram fortes confrontos entre manifestantes e forças de segurança. O Irão cortou o acesso à internet …

A maior parte das Testemunhas de Jeová não apresenta queixa em caso de abuso sexual. Mas uma nova lei pode alterar essa realidade

Em casos de abuso sexual dentro organização religiosa Testemunhas de Jeová, a maior parte das vítimas não acusa os agressores por receio de serem excluídas, revelou um artigo da Vice. Agora, uma nova lei norte-americana, …

Hong Kong. Agente atingido por flecha e operação policial reforçada com canhão de água

Um polícia foi atingido numa perna por uma flecha lançada por manifestantes antigovernamentais e pró-democracia, informaram as forças de segurança, que reforçaram a operação no local com um canhão de água. Um polícia foi atingido …

Príncipe André nega ter abusado sexualmente de jovem de 17 anos

O príncipe André, filho de Isabel I, é acusado de ter abusado sexualmente de Virginia Giuffre, uma jovem que na altura tinha 17 anos. O caso remonta ao dia 10 de março de 2001 e, este …