FPF investiga Portimonense por “eventual apresentação de equipa inferior” frente ao FC Porto

3

José Coelho / Lusa

A FPF está a investigar o Portimonense por “eventual apresentação de equipa inferior” frente ao FC Porto, num jogo que terminou com a derrota dos algarvios por 7-0.

O Conselho Disciplinar da Federação Portuguesa de Futebol abriu um processo de inquérito ao Portimonense depois da derrota por 7-0 frente ao FC Porto. A abertura do processo surge após terem sido levantadas suspeitas de que o emblema algarvia teria propositadamente alinhado jogadores menos rotinados frente aos ‘dragões’.

Depois da partida, o SL Benfica denunciou o “facilitismo desportivo descarado” por parte dos algarvios, que pouparam vários titulares habituais.

“E a propósito de um Campeonato insistente e lamentavelmente recheado de polémicas, irá a Liga ou a Federação abrir algum inquérito quanto ao que se passou anteontem no Dragão? A promiscuidade comercial alargou-se – desta vez, de forma explícita – a um facilitismo desportivo descarado, suscetível de matar, definitivamente, a verdade e equidade desportivas deste Campeonato. Uma competição que se quer internacionalizar e ser referência não pode pactuar com este tipo de situações”, lê-se no site do clube.

A SAD do Portimonense não tardou em reagir, repudiando as acusações do emblema da Luz e lembrando os resultados de jogos passados.

“A caravana passa e os cães ladram. O Brasil perdeu 1-7 com a Alemanha no Campeonato do Mundo, o FC Porto perdeu no Dragão por 1-5 na Liga dos Campeões e nós ganhámos ao todo poderoso Benfica na Luz, que hoje veio criticar também, quando já bateu o Nacional por 10-0 e o Belenenses SAD, por 7-0“, disse Rodiney Sampaio, presidente da SAD do Portimonense.

Segundo o Conselho Disciplinar da FPF, há suspeitas de “apresentação de equipa inferior” por parte do Portimonense.

Também o treinador dos algarvios, Paulo Sérgio, mostrou-se indignados com as acusações: “Houve ‘artistas’ a desinformar as pessoas, que fiz sete alterações. Claro que fiz sete alterações, porque quatro estavam castigados e um [Nakajima] está emprestado pelo FC Porto, não podia ir”.

Quanto à instauração do processo, a Portimonense SAD considera um “ataque feroz, impiedoso e infundado” a uma gestão que “cumpre escrupulosamente com as suas obrigações financeiras e tem como prioridade o engrandecimento das instalações de trabalho para a prática do futebol”.

  Daniel Costa, ZAP //

3 Comments

  1. Por algum motivo as equipas B não podem estar no mesmo escalão das equipas A. O portimonense não passa da equipa B do FCP, vendidos por dinheiro, por negociatas que toda a gente conhece. infelizmente o Portimonense não vai descer este ano. O farense que era uma equpa seria foi escandalosamente atirado para o segundo escalão. Já o portimonense que tinha descido em campo lá arranjaram forma de ficar na 1.ª liga e isso tem um custo e que todos estamos a ver agora

  2. É o futebol que temos! No ciclismo descobriram vitaminas a mais, no futebol imagine-se a seriedade que por lá deve haver!

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.