Fornecedor da Tesla anuncia bateria que pode durar 2 milhões de quilómetros

Leo Nguyen / Wikimedia

Interior de um Tesla Model 3 autónomo

A Contemporary Amperex Technology (CATL) é uma empresa chinesa especializada no desenvolvimento de baterias e que é uma das principais fornecedoras de marcas como Tesla e Volkswagen.

Agora, a empresa anunciou uma bateria que pode impulsionar consideravelmente a venda de carros elétricos nos próximos anos: isto porque o componente pode durar até 16 anos e percorrer mais de dois milhões de quilómetros, o que equivale a circular o planeta 50 vezes.

Segundo Zeng Yuqun, CEO da Contemporary, a companhia já está pronta para produzir esta nova bateria em larga escala e atender aos pedidos das montadoras. Além disso, o executivo afirmou que o componente custa cerca de 10% mais do que a média das baterias EV. No entanto, não revelou se já há compradores para o novo produto.

A duração das baterias e a preocupação com a perda de força das mesmas, além dos custos de substituição, são os principais fatores que impedem uma adoção maior de carros elétricos pelos consumidores.

Em 2019, a Tesla sinalizou que esperava colocar em produção uma bateria com capacidade de um milhão de quilómetros de operação. Já em maio, a General Motors disse que se está a aproximar de uma tecnologia similar à da CATL.

A agência de notícias Reuters informou em maio que Tesla estava a desenvolver uma bateria de ampla autonomia em parceria com a CATL. Fontes envolvidas no projeto afirmaram que a fabricante de Elon Musk planeava lançar o componente inicialmente na China, como parte de uma estratégia mais ampla de reposicionamento da empresa no país asiático.

Com o anúncio da nova bateria, as ações da CATL avançaram cerca de seis vezes na bolsa de valores de Shenzhen, desde a sua oferta pública inicial (IPO) em 2018. Com isso, o valor de mercado atual da empresa gira em torno 47 mil milhões de dólares.

A Tesla, considerada a mais valiosa fabricante de carros elétricos, está avaliada em cerca de 160 mil milhões de dólares.

O CEO da CATL afirmou que o “ponto de viragem” do mercado de automóveis elétricos deve ocorrer entre 2030-2035, quando os modelos do género ultrapassarão os veículos movidos a gasolina.

Para ampliar a sua presença, a CATL está a construir uma unidade de produção na Alemanha, que deve produzir mais de 70% das baterias exigidas pela BMW, um dos primeiros clientes da companhia fora da China. A companhia também trabalha com a Audi (controlada pela Volkswagen) e está a cooperar com a Porsche.

Zeng não descartou a construção de uma fábrica nos Estados Unidos, embora tenha dito que a empresa não tem planos específicos de momento.

ZAP // Canaltech

 

PARTILHAR

RESPONDER

Sporting investiu forte no ataque, mas os golos escasseiam

O Sporting CP marcou apenas 49 golos esta temporada, embora tenha investido 21 milhões de euros na frente de ataque. A saída de Bruno Fernandes foi um duro golpe na capacidade goleadora. Nas últimas duas temporadas, …

Portugal é um dos cinco países da Europa onde a pandemia está a recuar

Portugal é um dos cinco países da Europa onde a pandemia está a recuar, de acordo com o mais recente relatório do Centro Europeu de Controlo e Prevenção de Doenças (ECDC) esta terça-feira divulgado. O …

Ryanair desregulou escalas dos trabalhadores que rejeitaram cortes em Portugal

A Ryanair desregulou o regime de escalas habitual à "pequena minoria" de trabalhadores que recusou os cortes da empresa na sequência da pandemia de covid-19, retirando-lhes qualquer direito a bónus, segundo documentos a que a …

Vieira quer oferecer Bruno Henrique a Jorge Jesus

Embora Jorge Jesus não tenha pedido a contratação de Bruno Henrique, o presidente benfiquista quer comprar o avançado brasileiro como prenda para o novo treinador. Luís Filipe Vieira está a estudar a contratação de Bruno Henrique, …

"Dimensão ética". Presidente do Novo Banco enviou uma carta a Marques Mendes a explicar o seu silêncio

Debaixo de fogo depois de serem reveladas as perdas avultadas relacionadas com a venda da carteira de imóveis do Novo Banco, António Ramalho enviou uma carta a Luís Marques Mendes, comentador da SIC, a explicar …

Ministério Público quer Jorge Jesus a testemunhar contra Rui Pinto

O Ministério Público (MP) quer que o treinador português Jorge Jesus testemunhe em tribunal contra o "pirata informático" Rui Pinto, que esta semana deixou a prisão domiciliária com a obrigação de se apresentar semanalmente à …

Guarda-redes do Atlético de Madrid já não escapa ao Sporting

O Sporting conseguiu, nas últimas horas, ultimar os detalhes do contrato que trará o guarda-redes espanhol António Adán para Alvalade. O jornal desportivo Record avança esta terça-feira que o contrato está a ser ultimado, adiantando que …

Dois agentes da PSP detidos em flagrante por tráfico de cocaína escondida em contentores de bananas

As autoridades portuguesas detiveram em flagrante quatro cidadãos nacionais por tráfico de droga, dois dos quais eram agentes da PSP em Faro. Fonte do gabinete de relações públicas da PSP adiantou à agência Lusa, que …

"Formiga do inferno." Descoberto fóssil preservado em âmbar com 99 milhões de anos

Uma equipa internacional de cientistas encontrou um fóssil preservado em âmbar que ilustra o exato momento em que uma formiga pré-histórica devora a sua presa. De acordo com o artigo científico, publicado recentemente na Current Biology, …

Isabel dos Santos deixa administração da operadora angolana Unitel

A empresária angolana Isabel dos Santos anunciou esta terça-feira que vai deixar o seu lugar na administração da operadora de telecomunicações Unitel. “Após 20 anos dedicados à criação, ao desenvolvimento e ao sucesso da Unitel, optei …