Fornecedor da Tesla anuncia bateria que pode durar 2 milhões de quilómetros

Leo Nguyen / Wikimedia

Interior de um Tesla Model 3 autónomo

A Contemporary Amperex Technology (CATL) é uma empresa chinesa especializada no desenvolvimento de baterias e que é uma das principais fornecedoras de marcas como Tesla e Volkswagen.

Agora, a empresa anunciou uma bateria que pode impulsionar consideravelmente a venda de carros elétricos nos próximos anos: isto porque o componente pode durar até 16 anos e percorrer mais de dois milhões de quilómetros, o que equivale a circular o planeta 50 vezes.

Segundo Zeng Yuqun, CEO da Contemporary, a companhia já está pronta para produzir esta nova bateria em larga escala e atender aos pedidos das montadoras. Além disso, o executivo afirmou que o componente custa cerca de 10% mais do que a média das baterias EV. No entanto, não revelou se já há compradores para o novo produto.

A duração das baterias e a preocupação com a perda de força das mesmas, além dos custos de substituição, são os principais fatores que impedem uma adoção maior de carros elétricos pelos consumidores.

Em 2019, a Tesla sinalizou que esperava colocar em produção uma bateria com capacidade de um milhão de quilómetros de operação. Já em maio, a General Motors disse que se está a aproximar de uma tecnologia similar à da CATL.

A agência de notícias Reuters informou em maio que Tesla estava a desenvolver uma bateria de ampla autonomia em parceria com a CATL. Fontes envolvidas no projeto afirmaram que a fabricante de Elon Musk planeava lançar o componente inicialmente na China, como parte de uma estratégia mais ampla de reposicionamento da empresa no país asiático.

Com o anúncio da nova bateria, as ações da CATL avançaram cerca de seis vezes na bolsa de valores de Shenzhen, desde a sua oferta pública inicial (IPO) em 2018. Com isso, o valor de mercado atual da empresa gira em torno 47 mil milhões de dólares.

A Tesla, considerada a mais valiosa fabricante de carros elétricos, está avaliada em cerca de 160 mil milhões de dólares.

O CEO da CATL afirmou que o “ponto de viragem” do mercado de automóveis elétricos deve ocorrer entre 2030-2035, quando os modelos do género ultrapassarão os veículos movidos a gasolina.

Para ampliar a sua presença, a CATL está a construir uma unidade de produção na Alemanha, que deve produzir mais de 70% das baterias exigidas pela BMW, um dos primeiros clientes da companhia fora da China. A companhia também trabalha com a Audi (controlada pela Volkswagen) e está a cooperar com a Porsche.

Zeng não descartou a construção de uma fábrica nos Estados Unidos, embora tenha dito que a empresa não tem planos específicos de momento.

ZAP ZAP // Canaltech

 

PARTILHAR

RESPONDER

"É um título". Candidato liberal a Lisboa justifica declaração sobre nacionalização da TAP

Dias depois de terem sido recuperadas as declarações do candidato à Câmara Municipal de Lisboa pela Iniciativa Liberal sobre a TAP, Miguel Quintas justificou-as através de uma publicações no Facebook. No ano passado, questionado sobre até …

AstraZeneca entregou 10% das vacinas. Depois de Itália, França e Alemanha admitem bloquear exportações

A presidente da Comissão Europeia avisou esta segunda-feira que outros países poderão seguir o exemplo da Itália e bloquear as exportações de vacinas da covid-19 e disse esperar um reforço na entrega pelas farmacêuticas no …

Crânio de mulher decapitada encontrado em caverna no norte de Itália

O crânio de uma mulher, que viveu na Idade da Pedra, fez uma viagem inesperada e acabou no fundo de uma caverna íngreme de Itália. Os arqueólogos acreditam que o acidente tenha ocorrido há cerca …

Inspeção da IGAS admite "responsabilidade deontológica" de médicos em Reguengos

A inspeção ordenada pelo Ministério da Saúde ao surto de covid-19 no lar de Reguengos de Monsaraz admite "responsabilidade deontológica" dos médicos que recusaram visitar a instituição no seguimento de instruções da Ordem dos Médicos …

Desconfinar creches e 1.º ciclo em março é possível, mas com "botão de pânico"

O epidemiologista Manuel Carmo Gomes considera que é possível a partir de meados deste mês abrir creches e primeiro ciclo. Contudo, tem de se estar "sempre pronto para parar". O plano de descofinamento será anunciado pelo …

UEFA suspende árbitro do PSG-Basaksehir (mas afasta conduta racista)

Sebastian Coltescu foi suspenso pela UEFA até ao final da atual temporada, devido a "comportamento impróprio" no jogo entre o PSG e o Basaksehir, mas o  organismo afastou qualquer ação racista do romeno. "Foi decidido suspender …

O maior lagarto do mundo tem uma peculiar história de reprodução

O dragão de Komodo (Varanus komodoensis), o maior lagarto à face da Terra, tem uma estranha história de reprodução, de acordo com uma nova investigação científica levada a cabo pela Universidade Nacional da Austrália. De …

Portal Goal aponta Diego Costa ao Benfica (e até avança valores)

O portal desportivo Goal apontou esta segunda-feira Diego Costa, ex Atlético de Madrid e atualmente sem clube, ao Benfica. De acordo com a mesma fonte, o clube da Luz oferece ao jogador um salário de …

Um mandato com "vários mandatos" dentro. A segunda dinastia de Marcelo começa hoje

Esta terça-feira, Marcelo Rebelo de Sousa toma posse para um segundo mandato como Presidente da República. Por volta das 10h30, na Assembleia da República, Marcelo Rebelo de Sousa vai voltar a pousar a mão direita na …

Groundforce em risco de insolvência. Governo ainda sem soluções

O Governo ainda não tem soluções para resolver o problema dos trabalhadores da Groundforce, indicou o ministro das Infraestruturas e da Habitação numa reunião, esta segunda-feira, com os representantes dos colaboradores. "O ministro informou-nos que não …