Brasil. Forças alternativas a Bolsonaro e Lula conquistam metade das capitais estaduais

Joédson Alves / EPA

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

Na segunda volta das municipais brasileiras, disputadas em 57 dos 5565 municípios do país e envolvendo mais de 38 milhões de eleitores, os políticos apoiados pelo Presidente Jair Bolsonaro e os candidatos do Partido dos Trabalhadores (PT), de Lula da Silva, foram derrotados.

As forças da centro-direita alternativas a Bolsonaro e a Lula da Silva passam assim a governar metade das capitais estaduais do país. Os três partidos de centro-direita mais tradicionais do país – que conquistram as autarquias de cinco capitais na primeira volta – obtiveram agora mais oito. No total, venceram 13 das 25 capitais regionais.

Segundo notou o Observador esta segunda-feira, Bruno Covas, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB – centro-direita), foi eleito em São Paulo. Covas teve 60% dos votos, derrotando Guilherme Boulos, do PSOL (esquerda). O PSDB já tinha conquistado Natal e Palmas, ganhando agora também Porto Velho.

No Rio de Janeiro, Eduardo Paes, do Democratas (DEM – centro-direita), venceu com dois terços dos votos, derrotando Marcelo Crivella, apoiado por Bolsonaro e sobrinho do bispo Edir Macedo, que concorreu pelo Republicanos. O DEM já havia garantido as prefeituras de Curitiba, Florianópolis e Salvador.

No Recife, João Campos, do PSB (centro esquerda), venceu a Marília Arraes, do PT.  Em Goiânia, Maguito Vilela, do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), foi eleito. Este partido conquistou ainda as prefeituras de Boa Vista, Cuiabá, Porto Alegre e Teresina, apontou o Expresso, citando a agência Lusa.

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) governará duas capitais, o Partido Socialista Brasileiro (PSB) outras duas e o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) uma.

Pela primeira vez desde 1985, o PT estará ausente das prefeituras das capitais estaduais. O partido havia alcançado o recorde de nove capitais em 2004, no segundo ano do mandato presidencial de Lula (2003-2010).

Os resultados deste ano evidenciam uma queda do PT e dos candidatos apoiados por Bolsonaro, sem formação política desde que deixou o Partido Social Liberal (PSL) no ano passado, mas que manifestou apoio a 13 candidatos, dos quais 11 foram derrotados.

Os únicos candidatos considerados ‘bolsonaristas’ que venceram as eleições nas capitais regionais foram Tião Bocalom em Rio Branco e Lorenzo Pazolini em Vitória.

  ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Quem pode suceder a Solskjaer no United? Conte está em cima da mesa, mas CR7 quer Zidane

A onda de maus resultados do United têm posto em causa o técnico Ole Gunner Solskjaer. Conte está interessado, mas Ronaldo quer voltar a ser orientado por Zinedine Zidane. Os recentes maus resultados do Manchester United …

Há 42 anos, andámos "À Boleia pela Galáxia" - e descobrimos a resposta para a vida, o universo e tudo mais

Assinalam-se este mês os 42 anos da série de livros de ficção científica de Douglas Adams. Mais de quatro décadas depois, a história excêntrica continua relevante e a atrair fãs. Muitos filósofos questionaram-se durante séculos sobre …

F.C. Porto 1-0 Milan | Dragão em fúria banaliza italianos

A fúria do Dragão. O relógio marcava o minuto 65. O nulo perdurava, as tentativas portistas em busca da glória eram imensas – no total, 20 remates contra apenas quatro do AC Milan –, assim …

Veículo autónomo da Waymo

Os carros autónomos da Waymo estão a ser atraídos para uma rua sem saída

Os veículos autónomos da Waymo, detida pela Alphabet que é também a mãe da Google, são constantemente encaminhados para uma rua sem saída em São Francisco, nos Estados Unidos. Para já, ninguém sabe porquê. Nas últimas …

Com as ruas inundadas, casal indiano usa panela de cozinha para se deslocar para o próprio casamento

Um casal indiano foi transportado para o seu casamento por um meio de transporte incomum: uma panela de cozinha. Com as ruas do estado de Kerala inundadas, após chuvas torrenciais, esta foi a única forma …

OE2022: PCP propõe eliminação do adicional de ISP e da “dupla tributação” dos combustíveis

O PCP anunciou hoje que irá propor em sede de Orçamento para 2022 a eliminação do “adicional” ao Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) e da dupla tributação dos combustíveis e insistir na fixação de preços …

Besiktas 1-4 Sporting | Tratado leonino deixa turcos KO

O Sporting foi à Turquia somar a primeira vitória no Grupo C da Liga dos Campeões, ao bater o Besiktas por 4-1. Um desfecho fundamental para a equipa de Alvalade continuar a acalentar esperanças de apuramento …

Lei de David. Reino Unido pondera acabar com anonimato online depois de esfaqueamento de deputado

A morte de David Amess está a suscitar um debate no Reino Unido sobre a segurança dos deputados e os insultos de que as figuras políticas são alvo nas redes sociais. Depois do deputado conservador David …

"Não há acordo". Bloco e Governo continuam às turras por causa do OE, mas há mais reuniões previstas

Os bloquistas não se mostraram satisfeitos com o resultado da reunião com o executivo e exigem mais cedências do Governo. Ambos os lados confirmam que ainda se vão encontrar mais vezes para debater o Orçamento. "Não …

Dois mortos e 450 feridos em manifestações para assinalar protestos de 2019 no Chile

Dois mortos e 450 detidos foi o resultado da violência registada em Santiago do Chile, na sequência de uma manifestação para celebrar o segundo aniversário dos protestos de 2019 contra a desigualdade social no país. A …