Fisco emite novas multas do PEC devido a erro nos cálculos

(dr) Laura Haanpaa

A Autoridade Tributária disse que houve um problema com as multas do Pagamento Especial por Conta (PEC) em junho, o que a levou a emitir novas coimas. Segundo o fisco, foi “considerada uma base de cálculo incorreta”.

A Autoridade Tributária informou esta quarta-feira que houve um problema com as multas do Pagamento Especial por Conta (PEC) em junho, o que a levou a emitir novas coimas, após a Ordem dos Contabilistas Certificados ter denunciado uma duplicação das multas.

A bastonária da Ordem dos Contabilistas Certificados disse à Lusa que, já depois de em junho os contribuintes terem sido notificados para pagarem multas por causa do PEC – por não terem pagado esse imposto ou por o terem feito em valores insuficientes, por estar mal calculado – nos últimos dias os mesmos contribuintes voltaram a receber uma segunda coima pelo mesmo motivo.

É um princípio geral do direito não haver duplicação de sanção pelo mesmo ato”, afirmou Paula Franco.

Quando deu conta dessa ilegalidade, a Ordem contactou a Secretaria de Estado dos Assuntos Fiscais para alertar. A bastonária adiantou que a resposta dada é que haverá a anulação da primeira coima, com restituição do dinheiro pago, e que os contribuintes têm de pagar a coima que chegou recentemente.

“Dizem que vão ser rápidos na restituição do dinheiro, mas aqui há um princípio do Direito e o Estado tem de dar o exemplo”, acrescentou, considerando que as Finanças deveriam “admitir que houve engano”.

Sobre quantos contribuintes foram afetados pela dupla coima, Paula Franco estimou em cerca de dez mil.

A Lusa contactou o Ministério das Finanças que remeteu para um esclarecimento colocado no portal na internet da Autoridade Tributária, no qual esta fala numa “anomalia na emissão de autos de notícia por falta ou insuficiência do Pagamento Especial por Conta (PEC) de IRC do período de 2016”.

Segundo o fisco, na emissão das coimas, em junho, foi “considerada uma base de cálculo incorreta”, motivo pelo qual decidiu anular esses autos de notícia e emitir novos com o valor corrigido. Assim, os contribuintes têm mesmo de pagar as novas coimas que lhe chegaram.

Quanto à devolução do dinheiro anteriormente pago, refere esse esclarecimento que o procedimento “já está em curso”.

No caso dos contribuintes que não pagaram a primeira multa, “devem ignorar o primeiro auto que lhes foi notificado e proceder ao pagamento da coima que consta do último”, refere a Autoridade Tributária.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Encontro secreto de bispos críticos do Papa Francisco em resort de luxo em Sintra

Uma centena de bispos de todo o mundo reuniu-se em Sintra, no resort de luxo Penha Longa, num encontro envolvido em secretismo que não contou com intervenientes portugueses. As razões ou o que se discutiu …

Quim Torra perde mandato de deputado. Catalunha arrisca ficar sem Governo

O presidente independentista da Catalunha perdeu o seu mandato como deputado regional, esta segunda-feira, o que levanta dúvidas sobre a sua continuação à frente do Governo regional. Quim Torra, do partido Juntos pela Catalunha de Carles …

Herdeiros e casais têm até hoje para pedir alteração no Adicional ao IMI

Os casais e os beneficiários de heranças indivisas têm até esta terça-feira para entregar no Portal das Finanças o pedido de alteração à forma como foram tributados no Adicional ao Imposto Municipal sobre os Imóveis …

Tribunal de Contas trava medicamento "essencial" no Hospital de Guimarães

O Tribunal de Contas (TdC) recusou o visto a um contrato, no valor de 2,9 milhões de euros, celebrado pelo Hospital de Guimarães para aquisição de um medicamento considerado “essencial” para a prestação de cuidados …

Francisco Rodrigues dos Santos não se quer eternizar "na cadeira de presidente do CDS"

"À medida que as pessoas se vão eternizando nos lugares, começam a confundir o interesse público com o interesse particular". Por isso, Francisco Rodrigues dos Santos não se quer eternizar no CDS-PP. Em entrevista à TVI, …

Menos 115 deputados. Itália realiza referendo para reduzir Parlamento

A Itália organiza em 29 de março um referendo sobre a alteração da Constituição e a redução do número de deputados, uma data esta proposta pelo Governo de coligação entre o Movimento Cinco Estrelas (M5S) …

Flamengo chega a acordo com o Inter por Gabigol

Flamengo e Inter de Milão já chegaram a acordo para a transferência definitiva de Gabigol, jogador que esteve durante a última temporada na equipa brasileira por empréstimo. Segundo o portal brasileiro Globo Esporte, os dirigentes do …

Espanha quer "assaltar" o lugar de Centeno no Eurogrupo

Nadia Calviño, a número dois do Governo Espanhol, assume-se como favorita para assumir a presidência do Eurogrupo, caso o ministro das Finanças português, Mário Centeno, decida não entrar na corrida. A notícia é avançada esta terça-feira …

Dívidas de hospital de Lisboa travam compra de dois medicamentos para cancro

As dívidas do Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Norte, que inclui os hospitais de Santa Maria e Pulido Valente, levaram o Tribunal de Contas (TdC) a chumbar a compra de dois medicamentos para um cancro …

Em 15 dias, foram transferidos 73 milhões da Sonangol para uma empresa de Isabel dos Santos

Em 15 dias, foram transferidos 73 milhões das contas da petrolífera estatal Sonangol no private banking do Eurobic, em Lisboa, para uma empresa de Isabel dos Santos, avança o Correio da Manhã esta terça-feira. …