É o fim do dinheiro: dentro de 5 anos só haverá bitcoins

Duncan Rawlinson / Flickr

Nem todos os especialistas acreditam que a criptomoeda é uma bolha e vai implodir, como alguns têm avançado. Pelo contrário, antecipam que a Bitcoin será será a moeda do futuro.

Dentro de 5 anos as moedas “reais” não terão qualquer uso e serão substituídas pelas criptomoedas: é este o prognóstico de investidores de capital de risco que acreditam que as moedas “físicas”, como o euro, no caso da Europa, que não se baseiam no valor de metais preciosos, não terão qualquer uso dentro de cinco anos.

Apesar de alguns analistas considerarem que as criptomoedas serão mais cedo ou mais tarde regulamentadas pelos governos e deixarão de ter impacto na economia, e de notícias recentes segundo as quais a China, por exemplo, irá proibir o uso de bitcoin, há quem anteveja um futuro em que todas as transacções serão baseadas em criptomoeda.

“A bitcoin e outras criptomoedas serão tão relevantes que não haverá razão para ter moedas físicas na carteira”, disse o investidor em capital de risco Tim Draper. durante a sua intervenção no Web Summit 2017, que recentemente decorreu em Lisboa.

Se alguém tentar usar moeda física, será alvo de chacota“, sustenta Draper, conhecido por rondas de investimento bem sucedidas em empresas como a Tesla, o Skype e o Twitter.

Atualmente, a bitcoin tem uma capitalização de cerca de 96 mil milhões de euros. Em comparação com o valor global da moeda “física”, que ronda os 1,7 biliões de euros, o valor da bitcoin é baixo, assinala a revista. No entanto, só em 2017, a bitcoin valorizou-se em mais de 600%.

“Se falam mal de mim, estou no bom caminho”

Em 2014, conta a Forbes, Draper comprou 30 mil bitcoins apreendidos, por pouco mais de 500 euros cada, num leilão realizado pelo Governo dos EUA. Naquele momento, a sua conversão valia menos de 18 milhões de euros. Agora, o valor dessas 30 mil criptomoedas aproxima-se dos 173 milhões de euros.

As moedas estão limitadas pelas fronteiras dos países, aponta como defeito o investidos. A esse respeito, a Forbes dá como exemplo a moeda da Nigéria, Naira, que desvaloriza cerca de 30% ao cruzar a fronteira.

Esta é a melhor tecnologia que surgiu desde a Internet. É uma transformação sociológica, um movimento”, assegurou Draper, rejeitando a possibilidade do mercado das criptomoedas implodir. “Há sempre quem vá dizer que existe um problema, e isso geralmente significa que o potencial de crescimento é muito mais alto”.

ZAP //

PARTILHAR

23 COMENTÁRIOS

  1. ZAP, corrijam por favor:
    “Atualmente, a bitcoin tem uma capitalização de cerca de 96 milhões de euros.”
    Fora a volatilidade do mercado, que faz com que hoje o market cap de BTC sejam 93 Mil Milhões, o que queriam dizer era 96 mil milhões e não 96 milhões…
    Era bom era, comprava mais 20k de BTC para duplicar em poucos meses!

  2. A bitcoin só vai funcionar se for emitida e controlada pelos próprios estados. Caso contrário estes: PROÍBEM A SUA CIRCULAÇÃO. E nesse dia… desapareceu…

  3. Vai ser a maneira de controlar ( ainda mais) e destruir ‘a fome, literalmente, qualquer um que não colabore com o sistema. Esse próximo passo era de esperar, e depois vamos ter um “ chip “ implantado – isso para quem quiser – na mão ou na testa ( a marca da besta, do Apocalipse) para poder transacionar compras. Quem não quiser o “chip” por discordar com os que na altura mandarão, não terá como negociar/ comprar seja o que for.

  4. Não sendo nada partidária do sistema financeiro mundial atual, as criptomoedas tem o potencial de serem ainda pior.
    Devido a sua total descentralização, quem tiver capacidade de influenciar grandes transações económicas poderá utilizar estas moedas de uma forma completamente descaraterizada da economia real. Como também não “controlável” pelo poder político acaba por ser uma ameaça à sua influencia política (de ai que a china a proibiu!), vai acabar por ser alvo e mais cedo o mais tarde acabará por desaparecer (aparecendo outra que por sua vez também lhe acontecerá o mesmo e assim sucessivamente, de acordo com os interesses que predominarem no momento)
    O melhor é viver com a realidade da economia que é comum a cada um de nos…

  5. Este sistema monetário é mais uma espécie de pirâmide, quando rebentar vai haver muita gente que em busca do lucro fácil, vai ganir de noite e de dia, enquanto os mais espertos já estão fora há muito tempo.

  6. já a 25 de outubro tinha deixado essa mesma ideia aqui. Para mim tem tudo de um negócio de pirâmide.

    https://zap.aeiou.pt/bitcoin-ja-vale-do-ouro-151323

    Para discussão 25 Outubro, 2017 at 17:59


    Gostei da explicação (é seguramente colega) acho apenas que poderia ter referido as três funções básicas da moeda:
    – Meio de pagamento ou instrumento de troca
    – Unidade de conta ou medida de valor
    – Instrumento reserva de valor

    A moeda (subentenda-se o dinheiro) atual é fiduciária. Isto é depende da “fiducia” (confiança). Isto é, a moeda não vale pelo seu valor intrínseco. Isso já lá vai há muito tempo e desde o fim de Bretton Woods nem existe nenhuma ligação a qualquer metal – (no acordo de Bretton Woods o Estado Americano assegurava a conversão de uma certa quantia de dólares por ouro).

    A bitcoin relativamente às funções típicas da moeda:
    – Meio de pagamento ou instrumento de troca – Ainda muito limitado. No café onde vou diariamente ou no supermercado ninguém aceita bitcoins.
    – Unidade de conta ou medida de valor – Permite valorizar bens e serviços.
    – Instrumento reserva de valor – Sim, com variações em função de milhares de variáveis (ou milhões) tal como qualquer outra moeda. Estará atualmente sobrevalorizada atendendo à sua atual função enquanto instrumento de troca? Quem tem mais a perder é quem está dentro. E sobretudo quem entrou recentemente. Será uma espécie de negócio de pirâmide em que as novas entradas por via da valorização promovem ganhos nos que já se encontram há mais tempo?

    A fiducia no caso da bitcoin poderá ser mais uma “fezada”. Até porque ao longo da história a emissão de moeda sempre esteve muito regulamentada e muito circunscrita a quem exerce o poder num dado estado. Logo, porque razão iriam EUA e UE abrir mão das suas moedas em detrimento de algo que não controlam? E se não a tolerarem no dia-a-dia das suas economias então qual será a posição da bitcoin face às três funções básicas da moeda?”

  7. Eu pela minha parte estou mais para o lado do Sócrates, as dívidas não são para pagar e assim sendo abaixo todas as formas de pagamento!

    • Por acaso o Sócrates não disse só “as dívidas não são para pagar”. Disse que as dívidas não se pagam… Gerem-se. É bem diferente que dizer uma parte da declaração. Só ficou mal por ele ter dito aquilo que todos fazem. Mas não deixa de ser a verdade. E sabe? Todos os países fazem-no! TODOS!!! Até os EUA, que têm uma dívida gigantesca.

  8. irreal, muita gente a procura de ideias para ganhar mais algum dinheiro,e ninguém se lembra de escrever um livro em português a explicar o bitcoin ,como na realidade funciona e se faz transações seguras com o mesmo,muita conversa e depois ninguém na realidade sabe funcionar com os bitcois,nem mesmo informáticos de profissão,se lançarem um livro a explicar,muita gente como eu iria comprar,aqui esta uma oportunidade para os poucos iluminados que dominam a arte de gerir bitcois

    • Transacções seguras? Vê-se mesmo que não sabe o que são Bitcoins… O dinheiro real não é seguro, mas tudo que tem a ver com internet, é ainda mais inseguro. Mas é assim que alguns fazem negócio. Com pessoas que desconhecem a verdade (ou não querem saber).

  9. 1 BITCOIN = 10 000 000 Satoshi 1 Satoshi = 0,00 000 001 Btc. Meio Bitcoin é igual a 50 000 000 Satoshi e poderá vir a representar muito dinheiro.

RESPONDER

Disney+ alerta para estereótipos racistas. Filmes clássicos com avisos sobre "maus tratos"

Embora já exibisse mensagens padrão desde o ano passado, a nova plataforma de vídeo Disney+ mostra agora um aviso, que não pode ser passado à frente, no início de vários filmes clássicos - como Dumbo …

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …