Ficheiros Kennedy: EUA ponderaram usar armas biológicas contra Cuba

(dp) CIA

O presidente John F. Kennedy (d) num encontro com chefias militares na Casa Branca em 1962 para discutir a Crise dos Mísseis de Cuba. 3º a contar da esquerda, o major Richard Heyser, que tirou as fotos que revelaram os mísseis

As autoridades norte-americanas estudaram a possibilidade de realizar uma operação de sabotagem agrícola contra Cuba para destruir as colheitas do país através de armas biológicas, revela um dos documentos secretos da CIA desclassificados no passado dia 27 de outubro.

Os dados sobre os planos obscuros da CIA contra Havana encontram-se num documento sobre a reunião de um grupo especial dedicado à chamada Operação Mangusto. O encontro ocorreu a de setembro de 1962.

O general Marshall Carter, na altura director da CIA, que participou na reunião, sugeriu o uso de “agentes biológicos disfarçados de substâncias de origem natural” para destruir as colheitas cubanas.

“O general Carter sublinhou a vulnerabilidade extrema de qualquer operação desse tipo e as consequências terríveis que ela poderia ter se algo corresse mal, especialmente se aparecesse alguma prova evidente do envolvimento dos EUA”, lê-se no documento.

McGeorge Bundy, o assessor de segurança de Kennedy, advertiu por sua vez que não era adequado usar substâncias químicas ou similares se não fosse possível esconder todas as provas da sua utilização.

O documento também contém uma proposta de discutir um plano de “ataque contra os funcionários soviéticos que se encontram no território de Cuba”, mas nos documentos revelados não há mais detalhes ou explicações sobre este tema.

O actual presidente dos EUA, Donald Trump, ordenou a retenção pública temporária, até 26 de abril de 2018, de 2.891 documentos secretos relacionados com o assassinato do presidente John Kennedy, em 1963, que ocorreu no auge da Guerra Fria.

PARTILHAR

RESPONDER

Com apenas 4 dólares é possível dormir na última Blockbuster. E ainda participa na festa pijama

Já sente saudades de sair de casa para ir alugar um filme e comprar umas pipocas? A última loja da icónica Blockbuster está agora disponível no Airbnb. A antiga loja da cadeia americana pode ser …

Espanha com quase mais 3.000 novos casos. É o maior aumento desde maio

Espanha registou o maior número de infeções de covid-19 desde o final de maio, com 2.935 novos casos nas últimas 24 horas, anunciou o Ministério da Saúde, ressalvando que o balanço inclui dados de Madrid …

Escolas devem reabrir normalmente. Governo preparado para decisões diferentes

As escolas devem reabrir em situação de normalidade e só uma evolução negativa da pandemia levará a decisões contrárias, de maior ou menor alcance, que o Governo disse esta quinta-feira estar preparado para tomar. Na conferência …

Família de ativista saudita teme que esteja a ser torturada na prisão

Familiares de uma importante ativista dos direitos das mulheres da Arábia Saudita, detida desde maio de 2018, temem que esteja a ser torturada na prisão, uma vez que não dá notícias há vários meses. Loujain al-Hathloul, …

Governo disponível para retomar reuniões no Infarmed (mas nega falta de informação)

O Governo manifestou esta quinta-feira “abertura para retomar as reuniões” no Infarmed sobre o ponto de situação da epidemia de covid-19, mas rejeitou falhas na informação ao parlamento e aos partidos. Na conferência de imprensa do …

Israel e Emirados Árabes Unidos alcançam "acordo histórico" mediado pelos Estados Unidos

O Presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou esta quinta-feira que Israel e os Emirados Árabes Unidos concordaram em estabelecer relações diplomáticas plenas, como parte de um acordo para impedir a anexação israelita de terras ocupadas pelos …

Em contingência, Câmaras de Lisboa passam a definir horários do comércio. O (pouco) que muda este sábado

A generalidade de Portugal continental continuará em situação de alerta e a Área Metropolitana de Lisboa em situação de contingência até ao final do mês devido à pandemia de covid-19, anunciou o Governo. Segundo explicou esta …

Três meses depois do anúncio, o apoio de emergência às Artes ainda não chegou

Cinquenta das 311 entidades abrangidas pela Linha de Apoio de Emergência às Artes, dotada de 1,7 milhões, ainda não tinham esta quinta-feira recebido o valor que lhes foi atribuído, três meses depois do anúncio dos …

Avaliação dos professores, "mock exams" e testes no outono. Britânicos podem "escolher" as próprias notas

O Governo britânico deu aos estudantes de liceu três alternativas diferentes para obterem o resultado das suas avaliações deste ano letivo, que foi atípico devido à pandemia de covid-19. De acordo com o jornal britânico The …

Governo reitera que não há exceções para a Festa do Avante. Críticas multiplicam-se

A ministra de Estado e da Presidência destacou que o Governo “não tem competências legais ou constitucionais” para proibir iniciativas políticas como a Festa do Avante!, mas salientou que não serão admitidas exceções às regras. Na …