Feyenoord 2-0 Porto | Desperdício dita derrota amarga

Tom Bode / EPA

O FC Porto averbou a primeira derrota na fase de grupos da Liga Europa 2019/20.

Na visita ao Feyenoord, em jogo da segunda jornada, os “dragões” saíram batidos por 2-0, num jogo ingrato para a formação portuguesa, que dominou e criou lances suficientes para marcar por mais do que uma vez, em especial na segunda metade da etapa complementar.

A ineficácia ofensiva dos portistas fica patente na conjugação de dois detalhes do jogo: apesar de ter registado 2,4 expected goals (xG), o Porto não foi além de dois remates enquadrados em 14 e desperdiçou cinco ocasiões flagrantes.

O jogo explicado em números

  • Entrada personalizada do Porto na partida, a assumir o domínio no primeiro quarto-de-hora, com 58% de posse de bola e o único remate do desafio, embora sem a melhor direcção. Muito faltosa a equipa da casa, a cometer cinco infracções nesta fase, ao tentar imprimir agressividade e intensidade ao seu jogo.
  • A superioridade portista manteve-se no período seguinte, com Zé Luís a estar perto de marcar aos 20 minutos, após cruzamento de Alex Telles, enquanto o Feyenoord aplicava grande velocidade nas suas transições e realizou o seu primeiro remate aos 25 minutos, por Ridgeciano Haps. Por volta da meia-hora o cenário era de mais bola para o Porto (56%), mas com os holandeses a somarem os mesmos dois remates que os portugueses e o único enquadrado.
  • Alex Telles era o melhor em campo nesta fase, com um rating de 6.1, ele que já havia criado duas ocasiões flagrantes nos dois passes para finalização que realizara. O português Edgar Ié estacava-se nos anfitriões, com 5.6, com dois desarmes e três recuperações de posse.
  • Na sequência de um canto, Kenneth Vermeer negou a Pepe, que cabeceou ao primeiro poste, o primeiro golo do jogo, perto dos 36 minutos, numa altura em que os “dragões” já haviam estancado grande parte do jogo de transições do seu adversário.
  • Primeiro tempo com nulo lisonjeiro para o Feyenoord, que sentiu muitas dificuldades para se libertar de um FC Porto dominador e mais perigoso.
  • As melhores oportunidades desta primeira metade pertenceram à formação portuguesa, que desfrutou das duas ocasiões flagrantes até ao descanso, desperdiçadas por Zé Luís e Shoya Nakajima.
  • O grande municiador do ataque portista foi Alex Telles, que criou essas suas ocasiões e foi o melhor em campo nesta fase, com um GoalPoint Rating de 6.5.
  • O Feyenoord não quis saber de justiças ou injustiças e arrancou a segunda parte com o golo inaugural, logo aos 49 minutos. Numa jogada de insistência, a bola chegou a Jens Toornstra e o médio holandês colocou a bola junto ao poste mais distante. Ao segundo remate na segunda parte, os homens da casa chegavam à vantagem. E aos 53, Marchesín fez uma defesa fantástica a remate de Toornstra, que quase bisou.
  • Era momento de o Porto atacar a baliza do Feyenoord e, chegada a hora de jogo, os “dragões” tinham 57% de posse de bola no segundo tempo, mas ainda nenhum remate, contra quatro dos holandeses, todos enquadrados. Otávio, porém, deixou um sinal ao acertar na barra da baliza anfitriã na conversão de um livre. Aos 64 foi a vez de Steven Berghuis atirar ao ferro.
  • Por volta dos 70 minutos, o Feyenoord continuava a ser a equipa mais perigosa, com seis remates no segundo tempo, quatro com boa direcção, o Porto apenas com dois, nenhum enquadrado. Os “dragões” atacavam quase sempre pelo lado direito (51%) no segundo tempo, mas era pelo meio que a equipa criava perigo, com Luis Díaz a acertar na barra aos 74 minutos, num disparo em cima da marca dos 11 metros.
  • Em mais uma de muitas transições rápidas, aos 80 minutos, o Feyenoord ampliou para 2-0. O lateral-direito Rick Karsdorp flectiu para o meio, avançou vários metros, toda a equipa do Porto demorou a reagir e o defesa entrou na grande área como quis para marcar, naquele que foi o sétimo remate holandês no segundo tempo, quinto enquadrado. Um rude golpe para o “dragão” que, ainda assim, voltou a acertar no ferro por Soares, em cima do minuto 90.

O melhor em campo GoalPoint

Com a eficácia apresentada pelo Feyenoord e os seus jogadores, é com naturalidade que o melhor em campo tenha sido da equipa anfitriã, embora o segundo melhor tenha estado muito perto e vestiu de azul-e-branco.

O lateral-direito Rick Karsdorp acabou por ser verdadeiramente decisivo, terminando com um GoalPoint Rating de 7.4.  O holandês fez um golo, o 2-0, na sequência de um excelente lance individual, e registou nove recuperações de posse e três desarmes.

Resumo

PARTILHAR

RESPONDER

Resolvido mistério de longa data sobre explosões colossais no Espaço

Cientistas desvendaram um antigo mistério sobre algumas das maiores explosões do universo, conhecidas como erupções de raios gama, ou Gamma Ray Bursts (GRB), em inglês. As erupções de raios gama são explosões extremamente energéticas que foram …

Programa de computador prevê os gostos de arte das pessoas

Um programa de computador criado por uma equipa de investigadores conseguiu prever com precisão os gostos de arte das pessoas. Gostos não se discutem. Seja a cor preferida, o carro que conduz ou o género de …

Bilardo foi "distraído" para não saber da morte de Maradona

Carlos Bilardo continua sem saber que Diego Maradona morreu. Família tenta proteger saúde do antigo selecionador argentino. Diego Armando Maradona morreu em novembro e Carlos Bilardo continua sem saber desse falecimento. A família tenta proteger a …

Processo de envelhecimento é imparável, revela estudo

Um novo estudo, que envolveu cientistas de 14 países, confirmou que provavelmente não podemos diminuir a velocidade com que envelhecemos, devido a restrições biológicas. A pesquisa, publicada na quarta-feira na Nature Comunications, inclui especialistas da Universidade …

Inglaterra 0-0 Escócia | Nulo total no dérbi britânico

A Inglaterra empatou hoje 0-0 com a Escócia, em jogo da segunda jornada do Grupo D do Euro 2020 de futebol, e desperdiçou a oportunidade de garantir já um lugar nos oitavos de final do …

Infeção pelo coronavírus pode não garantir proteção prolongada, revela estudo

Um novo estudo britânico sugere que uma infeção pelo SARS-CoV-2 não garante que o hospedeiro desenvolva uma resposta imunitária prolongada contra o vírus, sendo a imunidade "altamente variável de pessoa para pessoa". Segundo a pesquisa do …

Ex-ministro da Bolívia planeou um segundo golpe usando mercenários dos EUA

O vazamento de gravações telefónicas e e-mails revelam que um ex-ministro da Defesa boliviano estava a preparar-se para usar tropas estrangeiras para impedir que o partido de esquerda MAS regressasse ao poder. Os documentos e registos …

Espécie rara de orquídea encontrada em telhado de banco de investimentos em Londres

Uma espécie rara de orquídea, que se acredita estar extinta no Reino Unido, foi descoberta no jardim do telhado de um banco de investimentos em Londres. Segundo o The Guardian, a Serapias parviflora, uma espécie rara …

Pintura de David Bowie comprada por três euros vai agora ser leiloada por milhares

A pintura do ícone do rock, David Bowie, deverá ser vendida por milhares de dólares num leilão de arte online. O retrato, intitulado "DHead XLVI", faz parte de um conjunto de aproximadamente 47 obras que David …

Vila Nova de Milfontes vai ter praia para cães

A praia pet friendly, que fica próxima de Furnas-Rio, vai funcionar já esta época balnear de forma experimental. Uma praia concessionada que também admite cães vai funcionar, nesta época balnear, de forma experimental, em Vila Nova …