FC Porto vai levar caso dos emails ao Tribunal Europeu dos Direitos do Homem

(cv) YouTube / Porto Canal

Francisco J. Marques, director de comunicação do FC Porto

O diretor de comunicação do FC Porto anunciou, esta terça-feira, que o clube está a estudar todas as formas de recorrer contra a proibição de divulgar emails do Benfica, incluindo a hipótese de avançar para o Tribunal Europeu dos Direitos do Homem.

No “Universo Porto da Bancada” desta terça-feira, o diretor de comunicação do FC Porto, Francisco J. Marques, anunciou que o clube está a estudar todas as formas de recorrer da decisão do Tribunal da Relação do Porto que, na semana passada, impediu a divulgação de mais emails de dirigentes do Benfica.

“O que conta é a opinião do tribunal e o FC Porto submete-se às decisões do Tribunal mas discordo em absoluto delas”, começou por dizer o responsável dos dragões, citado pelo Jornal de Notícias, considerando que a sentença “põe em causa princípios básicos da democracia” e “oculta a liberdade de expressão”.

“Devo lembrar que o escândalo dos emails, o maior dos últimos tempos do futebol português, originou a abertura de uma investigação por corrupção ativa e passiva e provocou buscas”, recordou ainda, acrescentando que, apesar disso, o clube “não vai por em causa o profissionalismo dos juízes”.

No entanto, Francisco Marques explicou que estão a ser estudadas “todas as formas de recorrer”, incluindo o Tribunal Europeu dos Direitos do Homem “por perceber que há princípios que são postos em causa”.

“Saber de um tipo de prática e não poder mostrar à sociedade é, no meu entender, ser cúmplice dessas mesmas práticas“, afirmou, citado pelo JN.

Relativamente à multa em caso de incumprimento200 mil euros por cada infração -, o diretor de comunicação dos azuis e brancos considera “exagerada”.

“Nas indemnizações por morte os tribunais portugueses são de uma avareza incrível, neste caso foram mãos largas a ter em conta. Não me lembro de serem pagas indemnizações de 200 mil euros. Parece-me desproporcional. Surpreende que quase 44 anos depois do 25 de abril, a única televisão fora de Lisboa seja a impedida de prestar o direito à informação. Pela primeira vez na democracia portuguesa isso acontece”, concluiu.

Em causa estão mensagens de correio eletrónico dos responsáveis benfiquistas, como o presidente Luís Filipe Vieira, o assessor jurídico Paulo Gonçalves, o comentador e ex-diretor da Benfica TV Pedro Guerra, assim como outros funcionários e dirigentes.

O diretor de comunicação em causa; FC Porto, SAD; FC Porto clube; FC Porto Media e Avenida dos Aliados (empresa que detém o Porto Canal) são os réus neste processo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Era marketing. Fortnite voltou (e está diferente)

Depois de 10 temporadas, um buraco negro engoliu a ilha na qual diariamente milhões de jogadores tentavam sobreviver, matando-se uns aos outros. Durante um dia e meio, ninguém podia jogar. O susto acabou esta terça-feira, …

Cientistas determinam o que diminui a fertilidade das mulheres com o avanço da idade

Investigadores da Universidade de Copenhaga mapearam alguns dos mecanismos que podem afetar a fertilidade das mulheres desde a adolescência até a menopausa. A fertilidade natural das mulheres flutua entre altos e baixos na forma de uma …

Dono do Paris Saint-Germain quer comprar o Leeds (e torná-lo no novo Manchester City)

A Qatar Sports Investments (QSI), empresa que é detida por Nasser Al Khelaifi, quer dar o salto para o mercado inglês e adquirir o Leeds United, emblema que milita atualmente no segundo escalão. Na semana em …

Município italiano proíbe Google Maps. App faz com que muitas pessoas se "percam"

O autarca do município italiano de Baunei, na Sardenha, proibiu o uso do Google Maps na região, argumentando que "muitas" pessoas se perderam por causa de "sugestões enganosas" do serviço de localização. A informação é …

Pedalar mais dá direito a prémios. Tecnologia portuguesa desperta interesse de Copenhaga

Depois de se ter estreado em Matosinhos e de ter despertado interesse em Nova Iorque, um programa português que premeia comportamentos de mobilidade ambientalmente sustentáveis chamou a atenção em Copenhaga. O AYR, desenvolvido pela empresa CEiiA …

Associação de Armas americana editou artigos da Wikipédia para desacreditar o Holocausto

A National Rifle Association (Associação Nacional de Armas) dos Estados Unidos tem estado a editar artigos da Wikipédia de forma a desacreditar o Holocausto. Um trabalho de investigação da Splinter identificou pelo menos 150 edições em …

Bebé recém-nascida encontrada enterrada viva numa sepultura na Índia

Uma bebé recém-nascida enterrada viva foi encontrada na Índia por um pai que estava a enterrar a filha, que morreu após o parto, revelou o chefe da polícia local, Abhinandan Singh. A menina foi encontrada dentro …

Reutilização é a verdadeira alternativa a plástico descartável

A alternativa aos produtos de plástico descartáveis tem sido outros produtos também descartáveis, mas a melhor solução passa pela reutilização, indica um relatório divulgado esta terça-feira, que dá exemplos de sucesso. O documento, “The Reusable solutions: …

Booking abandona a criptomoeda do Facebook

  Booking junta-se ao Mastercard, eBay, Visa, PayPal, Stripe e Mercado Pago e desiste do projeto da Associação Libra, promovida por Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, para a desenvolver a infraestrutura financeira que está na base …

Michael Jackson era "doente mental" e uma pessoa "perturbadora", diz Elton John

Elton John defende na sua autobiografia que Michael Jackson era "verdadeiramente doente mental" e uma pessoa "perturbadora", recordando os encontros que teve com o rei da pop, falecido em junho de 2009. O músico britânico escreveu …