FC Porto vs Feirense | “Dragão” esbarra em Vaná

goalpoint-porto-feirense-liga-nos-201617-1068x522

O FC Porto escorregou na recepção ao Feirense e acabou por conceder um empate a zero que sabe a derrota.

A equipa “azul-e-branca” dominou a partida desde o minuto 20 mas não teve a arte nem o engenho para levar de vencida o guarda-redes Vaná, que fez uma exibição irrepreensível. Com este nulo, os “dragões” marcam passo na luta pelo título, voltando a estar três pontos atrás do Benfica, quando faltam disputar apenas quatro jornadas.

O Jogo explicado em Números

  • Início de jogo bastante lento de parte a parte, sem um único remate nos primeiros dez minutos. Passados 20 minutos, ambas as equipas levavam o mesmo número de remates (dois no total, um deles à baliza), mas era o FC Porto quem dominava a posse de bola (69%).
  • Com o passar dos minutos, a pressão do FC Porto tornou-se cada vez mais sufocante, de tal forma que, à entrada para a meia-hora, os portistas tinham já mais de 70% de posse de bola e mais do dobro de passes do que o Feirense (198-85).
  • Óliver Torres assumia o papel de maestro, com 20 passes no meio-campo adversário, enquanto Alex Telles era uma autêntica dor de cabeça no flanco esquerdo, com quatro cruzamentos, embora nenhum deles eficaz.
  • Aos 35 minutos, gritou-se “golo” nas bancadas do Dragão, mas o remate de André Silva, após passe de Soares, foi anulado devido a fora-de-jogo. Este foi um dos poucos lances de ataque a envolver o camisola 10 portista durante a primeira parte, período em que contabilizou apenas dez toques na bola e sete passes.
  • Depois de um período inicial em que o Feirense até demonstrou alguma rebeldia, o FC Porto assumiu as rédeas do jogo, terminando a primeira parte com dez remates, quatro deles enquadrados, 68% de posse e 86% de eficácia de passe.
  • Com nota 7.0, Alex Telles dominava os GoalPoint Ratings graças a uma primeira parte de luxo em que somou dois remates enquadrados, dois passes para finalização, 13 entradas na área adversária, 58 toques e três intercepções.
  • Do lado dos vistantes, era Vaná quem brilhava, com 6.3, resultado de quatro defesas efectuadas.
  • A segunda parte teve início como uma mudança na equipa do FC Porto – a entrada de Otávio para o lugar de Óliver Torres. A decisão apanhou muitos de surpresa, uma vez que o espanhol tinha sido um dos melhores da primeira parte 5.9, mas o que é certo é que o brasileiro esteve perto de marcar logo aos 56 minutos, obrigando Vaná a uma excelente defesa.
  • Perante a pressão exercida pelos “dragões”, o Feirense limitou-se a segurar o nulo com unhas e dentes. Volvidos 20 minutos desde o início da segunda parte, o FC Porto contabilizava seis remates (um dos quais enquadrado), 140 passes (quase o triplo do número de passes do Feirense) e 73% de posse.
  • Apertava-se o cerco à baliza de Vaná. Só nos últimos dez minutos do desafio, Vaná foi testado três vezes, duas por Maxi Pereira e uma por Rui Pedro.
  • Mas uma e outra vez, o brasileiro esteve à altura da ocasião, segurando até ao fim uma igualdade que muitas vezes pareceu estar condenada, tal não foi o domínio do FC Porto, que terminou o desafio com números avassaladores: 25 remates (número recorde de disparos sem resultar em qualquer golo), oito deles à baliza, 72% de posse de bola, 85% de eficácia de passe e 67% de duelos ganhos.

O Homem do Jogo

Faltam adjectivos para descrever a exibição de Vaná. Perante um Estádio do Dragão a ferver, o brasileiro agigantou-se e rubricou uma das suas melhores exibições da época. Ao todo, Vaná fez oito defesas, cinco delas a remates de dentro da área, uma recolha e duas saídas a soco. Silenciou as bancadas e terminou a partida como o melhor em campo, com nota 8.1 nos GoalPoint Ratings.

Jogadores em foco

  • Alex Telles 8.0 – Foi o principal motor do ataque portista. Somou cinco passes para finalização, três cruzamentos eficazes, 114 toques, 29 entradas na área adversária e nove passes longos eficazes. Pela negativa, ficam as 37 perdas de posse.
  • Soares 6.7 – Esteve bastante activo na procura do golo, embora apenas um dos seus cinco remates tenha sido enquadrado com a baliza. Foi ainda o autor de dois passes para finalização e sofreu quatro faltas.
  • Otávio 6.6 – Entrou ao intervalo e mexeu com o rumo da partida. Fez dois remates, um deles enquadrado, dois passes para finalização e dez entradas na área adversária. Fica, no entanto, um dado negativo: acertou apenas 68% dos passes que executou.
  • Flávio Ramos 6.4 – Esteve sempre em bom plano. Terminou a partida com 14 alívios, a que somou uma intercepção e um remate bloqueada. Ainda teve tempo para fazer um passe para finalização.
  • André Silva 5.1 – Voltou a ser o “dragão” mais apagado. Não fez nenhum remate, acertou apenas sete dos 11 passes que executou e tocou na bola 17 vezes.

Resumo

goalpoint-porto-feirense-liga-nos-201617-ratings

PARTILHAR

RESPONDER

Os Simpsons podem ter previsto o surto do novo coronavírus da China

A série de televisão animada "Os Simpsons" é conhecida por ter feito profecias que, com o passar do tempo, se tornaram mesmo realidade. Agora, os fãs do programa parecem ter encontrado um episódio que prediz …

Identificada nova espécie de dinossauro que viveu há mais de 150 milhões de anos

Paleontólogos identificaram, nos Estados Unidos, uma nova espécie de dinossauro do género dos alossauros, que viveu há mais de 150 milhões de anos. A espécie, que tem o nome de Allosaurus jimmadseni, foi identificada a partir …

Escorpião com 436 milhões de anos foi dos primeiros animais a pisar a Terra

Cientistas descobriram um escorpião com 436 milhões de anos que terá sido um dos primeiros animais da Terra a migrar dos habitats aquáticos para os terrestres. Foram encontrados dois fósseis da espécie num antigo mar tropical …

Bruno de Carvalho disposto a liderar SAD do Sporting com Varandas

O ex-presidente do Sporting admitiu, esta sexta-feira, estar disposto a liderar a SAD do clube, mesmo com Frederico Varandas como presidente. No seu comentário semanal na Rádio Estádio, Bruno de Carvalho disse estar disposto a regressar …

A Inteligência Artificial teria resolvido o mistério da fuga de Alcatraz

Um programa de Inteligência Artificial (IA) poderia ter resolvido o mistério da fuga dos irmãos irmãos John e Clarence Anglin e Frank Morris da prisão de Alcatraz, que foi considerada uma das mais seguras dos …

Mais de 30 militares dos EUA ficaram com lesões cerebrais após ataque iraniano

Mais de 30 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque iraniano na base militar de Ain al-Assad, no Iraque. 34 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque levado …

Homem que torturou suspeitos de planear o 11 de setembro diz que o voltaria a fazer

James Mitchell torturou os cinco suspeitos de terem planeado o ataque de 11 de setembro de 2001. Em tribunal, disse que não tem remorsos e que o voltaria a fazer. James Mitchell foi o psicólogo responsável …

Belenenses e Belenenses SAD chegam a acordo para suspender ações judiciais

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou, esta sexta-feira, que foi alcançada uma suspensão das ações judiciais entre o Belenenses e a Belenenses SAD. Em comunicado publicado na sua página oficial, a FPF informou que o …

Amazon quer que os clientes paguem com as mãos

A gigante tecnológica Amazon quer que os  clientes comprem e efetuem o pagamento com um aceno da mão em vez de passar um cartão numa máquina. De acordo com o Wall Street Journal, que cita fontes …

59 autarcas constituídos arguidos na Operação Éter

O Ministério Público constituiu 74 arguidos, 59 dos quais autarcas e ex-autarcas de 47 câmaras do Norte e Centro, no processo da investigação às Lojas Interativas da Turismo do Porto e Norte, realizada no âmbito …