Astronautas aterram de emergência após falha na Soyuz

NASA

Nave espacial russa SOYUZ

Equipa de astronautas que seguia esta quinta-feira a bordo da nave-espacial Soyuz rumo à Estação Espacial Internacional (EEI) foi obrigada a uma aterragem de emergência depois de detetada falha nos propulsores após o lançamento.

Após o lançamento efetuado às 9h40m, no cosmódromo Baikonur, no Cazaquistão, os dois astronautas a bordo da nave russa Soyuz tiverem de realizar uma aterragem de emergência.

O russo Alexey Ovchinin da Roscosmos e o astronauta da NASA Nick Hague estavam a bordo da nave espacial quando esta sofreu uma avaria nos motores.

De acordo com a NASA, os astronautas detetaram uma avaria minutos depois da descolagem em direção ao espaço e realizaram, de seguida, um regresso de emergência à Terra em “modo balístico”, num percurso mais a pique que o normal.

De acordo com a agência russa Ria Novosti, os dois cosmonautas não correm perigo de vida e já terá sido estabelecido contacto com ambos.

Segundo o Observador, assim que o erro foi detetado, ouviu-se um sinal de alerta e a mensagem “Inaudível. Há uma emergência. Há uma falha no impulsionador. Estamos em ausência de peso”.

Os astronautas terão aterrado de volta às 10h20m no Cazaquistão e, segundo avançado pela NASA, “estão em boas condições”.

Os astraunatas Alexey Ovchinin e Nick Hague deveriam chegar às 15h44m à Estação Espacial Internacional para uma missão de seis meses na estação orbital.

O norte-americano Nick Hague, a trabalhar na NASA desde 2013, iria fazer a sua primeira missão. Para o russo, esta seria a segunda missão depois de ter participado numa outra missão de seis messes em 2016 na EEI.

Este incidente ocorreu dois meses depois de detetada uma fissura na Soyuz que levou a Rússia a suspeitar de sabotagem.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A colisão com um planeta anão pode ter "estragado" o lado oculto da Lua

Da Terra, vemos sempre o mesmo da Lua. Contudo, esse lado é bem diferente do lado oculto do nosso satélite natural. O contraste entre as duas partes da Lua tem intrigado os astrónomos. Se se …

Fugitivo promete entregar-se se tiver 15.000 "gostos". Polícia dos EUA aceita

A Polícia de Connecticut, nos Estados Unidos, informou esta quarta-feira que um fugitivo com vários mandados de prisão concordou entregar-se, mas com uma condição insólita: arrecadar 15.000 "gostos" no Facebook. De acordo com a Esquadra …

Há um pequeno satélite a revolucionar o setor espacial. Chama-se CubeSat

Apesar das pequenas dimensões do CubeSat, o satélite é capaz de efeitos extraordinários que estão a revolucionar o setor espacial. Os avanços da microeletrónica das últimas décadas permitiram desenvolver sistemas espaciais eficazes, de forma mais rápida …

Guardiola já terá chegado a acordo com a Juventus

O treinador espanhol Pep Guardiola já terá chegado a acordo com a Juventus para ser o próximo treinador dos bianconeri, avança a agência italiana AGI.  De acordo com a mesma fonte, Guardiola, de 48 anos, prepara-se …

Porto quer declarar guerra às gaivotas. "É uma questão de saúde"

Vários organismos reclamam que é necessário tomar medidas para controlar o excesso de gaivotas nas zonas urbanas, que se tem tornado num problema de saúde pública. São várias as queixas na zona do Porto por incidentes …

Esta cigarra é a mais ameaçada em Portugal. Só existe em dois ou três sítios do Alentejo

A Euryphara contentei - há quem lhe chame só cigarrinha e há quem diga cigarrinha-verde - resiste apenas em alguns locais exíguos da planície alentejana. É a mais ameaçada das 13 espécies de cigarras que …

EUA anunciam ajuda de 16 mil milhões de dólares a agricultores prejudicados pela disputa comercial com a China

A administração Trump disponibilizará 16 mil milhões de dólares (cerca de 14 mil milhões de euros) para manter os agricultores à tona durante a guerra comercial entre os Estados Unidos (EUA) e a China, anunciou …

Perdeu a família e foi violada. Quase duas décadas depois, recebeu a maior indemnização de sempre na Índia

Na primavera de 2002, uma jovem de 19 anos, grávida de cinco meses, foi violada por 11 homens que lhe mataram a família. Teve que fingir-se de morta para escapar. Agora, 17 anos depois, o …

Ivo Rosa questiona legalidade de provas da ​Operação Marquês

O juiz de instrução criminal da Operação Marquês, Ivo Rosa, tem dúvidas sobre a legalidade de algumas provas recolhidas na investigação, tendo assinado um despacho que enviou para os advogados dos arguidos para se pronunciarem. Segundo …

"Desprezo" do Governo terá "consequências terríveis" no futuro, avisa Fenprof

O secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, argumentou que o Governo “desrespeita, desvaloriza e até chega a manifestar desprezo pelos professores”, o que terá “consequências terríveis para o futuro”, como a falta de docentes. “O que temos …