Exército vai punir três militares por mortes nos Comandos

(dr) Exército Português

-

O Exército confirmou esta quarta-feira que proferiu os despachos de punição sobre os três militares envolvidos na instrução do 127.º Curso dos Comandos, no qual morreram dois militares.

Contactado pela agência Lusa, o porta-voz do Exército, tenente-coronel Vicente Pereira, confirmou que “foram proferidos os três despachos de punição sobre os três militares – dois oficiais e um sargento – sobre os quais estavam instaurados os processos disciplinares”.

Os militares têm agora os prazos que a lei estipula para apresentar recurso hierárquico ou reclamação – 10 dias e 15 dias, respetivamente -, motivo pelo qual o Exército não avança por agora os nomes dos militares ou as penas aplicadas uma vez que estas podem ser alteradas na sequência dessas mesmas reclamações ou recursos.

De acordo com o porta-voz, “os militares já foram notificados”.

A 16 de dezembro, o Exército tinha anunciado que foi deduzida acusação contra três militares envolvidos na instrução do 127.º Curso dos Comandos, no qual morreram dois militares.

“Relativamente aos processos disciplinares instaurados na sequência dos factos ocorridos durante o 127.º Curso de Comandos, informar-se que foi deduzida acusação nos três processos, por violação de deveres militares previstos no Regulamento de Disciplina Militar, estando a decorrer o prazo para os arguidos apresentarem a sua defesa”, referiu então o Exército, num comunicado enviado à Lusa.

De acordo com o Expresso, o sargento Ricardo Rodrigues foi sancionado com uma pena de “proibição de saída”, isto é, tal como previsto no artigo 33º do Regulamento de Disciplina Militar (RDM) , o militar fica obrigado a permanecer no Regimento de Comandos na Serra da Carregueira durante “alguns dias”.

Já o médico Miguel Domingues ficará sem dois terços do ordenado durante um mês, escreve ainda o semanário.

Além do processo de averiguações interno aberto pelo Exército, as mortes estão ainda a ser investigadas pelo Ministério Público e pela Polícia Judiciária Militar.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

É a quantidade de alimento que determina quem se torna a abelha-rainha

Um novo estudo sugere que é a quantidade de alimento, e não a sua qualidade, como se pensava até agora, que determina quem se torna a abelha-rainha. Quais são os fatores que determinam qual é a …

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …