Excesso de velocidade pode estar na origem do descarrilamento em Espanha

Salvador Sas / EPA

-

O descarrilamento do comboio, que provocou a morte de quatro pessoas, poderá ter ocorrido por excesso de velocidade.

O comboio de passageiros luso-espanhol, que esta sexta-feira descarrilou perto da estação galega de O Porriño, em Pontevedra, podia estar em excesso de velocidade no momento do acidente.

Segundo apurou o jornal Público, o comboio, que fazia a ligação entre Vigo e o Porto, terá passado na estação a mais de 100 km/hora quando devia ter abrandado para os 30 km/h.

O comboio Celta costuma passar nesta estação a 130 km/h mas, devido a um desvio de linha motivado por obras na via principal, devia ter abrandado de forma significativa.

De acordo com o Público, isso não terá acontecido e, por isso, o comboio descarrilou ao passar por uma agulha de mudança de linha, embatendo depois na ponte rodoviária que passa por cima da via-férrea. O Celta só parou quando embateu num poste de eletricidade junto à linha.

Apesar da imprensa estar já a avançar a causa do acidente, não está para já excluída a hipótese de uma avaria na agulha ou de uma falha na automotora.

Já foi aberta uma investigação para determinar as causas do acidente, que provocou quatro mortes, entre elas o maquinista do comboio, Arnaldo Moreira, de nacionalidade portuguesa.

Segundo o Jornal de Notícias, entre as vítimas mortais estão ainda dois trabalhadores espanhóis da Renfe (Rede Nacional Ferroviária de Espanha) e ainda um cidadão norte-americano.

O comboio, que tinha cerca de 60 passageiros a bordo, é um serviço prestado em conjunto pela Renfe e pela CP desde 2011.

Depois da partida em Vigo, o comboio faria paragens nas estações de Valença, Viana do Castelo e Nine, antes de chegar à estação de Campanhã.

ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. E o maquinista do comboio estaria devidamente bem informado sobre as regras a cumprir? Não me parece que a ser verdade se aventurasse em tal loucura!

  2. Até pode ser verdade…, mas não deixa de ser conveniente culpar o morto.
    O visado não pode defender-se, e assim fica tudo “arrumado” e com um ar “limpinho”. É o famoso “erro humano”…

  3. Excesso de velocidade ou falta de informaçao?
    Não é bem a mesma coisa…tipo muda o culpado. Ah ah ah
    Ah …e passa a haver um responsável institucional….a(s)? Companhias

  4. Nem esperava outro desfecho. Agora o morto não se pode defender e fica com a culpa como é conveniente. Coitados dos que morreram.

RESPONDER

Três favoritos e dois anfitriões. Portugal no "Grupo da Morte" do Euro

Os campeões mundiais franceses, reforçados com Karim Benzema, vão enfrentar dois gigantes europeus, a Alemanha e Portugal, de Cristiano Ronaldo, num impressionante Grupo F que inclui também a Hungria, um dos onze países que recebem …

"Ministério da Verdade". Carta dos Direitos Digitais é lei digna de uma ditadura

A polémica Carta dos Direitos Digitais aprovada na Assembleia da República não reúne aprovação entre os especialistas e alguns não hesitam em considerá-la um "regresso à censura". A lei n.º 27/2021, que entra em vigor a …

França vai enviar uma segunda Estátua da Liberdade para os Estados Unidos

França vai enviar uma segunda Estátua da Liberdade para os Estados Unidos, a propósito do Dia da Independência que se avizinha, comemorado a 4 de julho. De acordo com a cadeia televisiva CNN, esta segunda Estátua …

Cerveja grátis, donuts e lotarias. Os truques que estão a ajudar os EUA a alcançar imunidade de grupo

Um número crescente de estados, cidades e empresas está a oferecer incentivos para encorajar as pessoas a vacinarem-se. E as ofertas estão cada vez maiores e melhores. Nova Jérsia, por exemplo, está a pagar uma cerveja …

Euro 2020: aplicação da UEFA pode originar problemas nas bancadas

Revenda de bilhetes não é controlada. Adeptos que não vão aos jogos são incentivados a transferir os ingressos. A aplicação oficial da UEFA, que permite comprar bilhetes para o Europeu 2020, também permite passar os bilhetes …

Parlamento Europeu pede levantamento de patentes de vacinas

O Parlamento Europeu (PE) apelou hoje à suspensão temporária de patentes para facilitar o acesso global à vacina e medicamentos para a covid-19. Numa resolução aprovada por 355 votos a favor, 263 contra e 71 abstenções, …

Encontrado esqueleto acorrentado em Inglaterra, uma rara evidência da escravidão romana

O esqueleto encontrado em Rutland, Inglaterra, foi identificado pelos cientistas como uma evidência rara e importante da escravidão na Britânia romana, sendo uma "descoberta internacionalmente significativa". Os restos mortais foram encontrados por trabalhadores da construção civil …

Trabalho infantil no mundo aumenta pela primeira vez em duas décadas

O número de crianças vítimas de trabalho infantil aumentou pela primeira vez em 20 anos, atingindo 160 milhões no mundo, anunciaram hoje a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e a UNICEF. No relatório "Trabalho Infantil: estimativas …

Aplicação ajuda os casais a comunicar através do batimento cardíaco

Durante a pandemia, e com o distanciamento social, as pessoas perceberam ainda melhor o quão difícil pode ser estar separado de quem mais se ama. A pensar nisso, uma equipa criou uma aplicação que permite …

Os peixes-elefante também fazem pausas antes de partilhar algo importante

Cientistas descobriram que os peixes-elefante também fazem pausas quando querem passar uma informação importante a quem os está a ouvir. Por vezes, fazer uma pausa antes de dizer alguma coisa importante pode ser uma boa estratégia …