Ex-ministra “chumbada” e ex-presidente multado pelo TdC concorrem ao ISCTE

Andre Kosters / Lusa

A ex-ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues

A ex-ministra da Educação Maria de Lurdes Rodrigues prepara-se para concorrer à reitoria do ISCTE, onde foi “chumbada” por se ter recusado a ser avaliada. Terá pela frente Nuno Guimarães, ex-presidente da Faculdade de Ciências, multado pelo Tribunal de Contas por ter violado a lei em atos de gestão.

Está aberta a corrida à reitoria do ISCTE-IUL, cujo prazo de candidatura termina a 4 de janeiro, e os nomes dos candidatos já lançaram a polémica sobre o processo.

Segundo o Sol, uma das candidatas à reitoria do ISCTE será a ex-ministra da Educação Maria de Lurdes Rodrigues, que se recusou a ser avaliada pelo seu desempenho, entre 2014 e 2016, enquanto professora daquela instituição de ensino superior. A ex-ministra, diz o semanário, acabou mesmo por ser “chumbada” pela instituição.

Entre os argumentos apresentados pela ex-ministra para se recusar a sujeitar-se à avaliação terão estado, diz o Sol, problemas de saúde e falta de tempo para preencher o formulário online, que é exigido a todos os professores. Maria de Lurdes Rodrigues terá então sido classificada pela instituição como “inadequada”.

A classificação não impede no entanto a ex-ministra de preparar a candidatura à direcção do ISCTE – intenção que, em declarações ao semanário, Maria de Lurdes Rodrigues não confirma, frisando que “não tem nada a dizer” sobre o assunto.

No entanto, segundo apurou o Sol, a ex-ministra já está a organizar mini-reuniões para auscultar apoios e discutir medidas para o seu programa como eventual candidata.

Vice-reitor multado pelo TC na corrida

Contra Maria de Lurdes Rodrigues na corrida à reitoria do ISCTE estará a posicionar-se o actual vice-reitor para a Internacionalização e E-Learning, Nuno Manuel Guimarães, visto como “delfim” do actual reitor, Luís Reto.

O vice-reitor foi presidente da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa entre 2003 e 2009, tendo sido no exercício dessas funções multado pelo Tribunal de Contas em 3.000 euros por infracções financeiras praticadas em 2008.

Contactado pelo Sol, o professor catedrático de 57 anos confirma estar a considerar a candidatura, apesar de “ainda não ser oficial”, estando em processo de “elaboração do programa e das suas ideias”.

O novo reitor do ISCTE será eleito a 9 de fevereiro para um mandato de 4 anos à frente da instituição, em reunião do seu órgão máximo, o Conselho Geral, presidido pelo antigo ministro da Educação Júlio Pedrosa.

E a instituição terá ao que tudo indica que escolher, para a liderar, entre a ex-ministra que “chumbou” e o vice-reitor cujas práticas foram “chumbadas” pelo Tribunal de Contas.

FCUL

O vice-reitor para a Internacionalização e E-Learning do ISCTE/IUL, Nuno Manuel Guimarães

ZAP ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Esta Lurdes Rodrigues merecia estar na cadeia pelo mal que fez aos professores, desde logo porque tentou impor-lhes avaliações às quais à própria nunca se submeteu. Comportou-se como uma fora-de-lei como o seu patrão, o tal sr. José Sócrates, que, a avaliar pelo que se diz, só não roubou a nossa Senhora de Fátima porque a manha dos cardeais e arcebispos portugueses era maior do que a dele, hoje tido como um mero delinquente. Colocar esta vac** à frente de uma instituição de ensino público é o mesmo que daqui a alguns anos vir a descobrir falcatruas em série que, depois, os mesmos de sempre, hão-de pagar. Provavelmente, ela quererá montar um negócio, em parceria com o seu ex-patrão, de diplomas. Corram com esta gente…

RESPONDER

Em greve de fome, Navalny é ameaçado ser alimentado à força. Ativistas falam em tortura

O opositor russo Alexei Navalny afirmou hoje na rede social Twitter que as autoridades penitenciárias estão a ameaçar alimentá-lo à força para quebrar a greve de fome que mantém na prisão desde 31 de março. “Ele …

Avaria nos ventiladores em hospital na Roménia causa três mortes

Pelo menos três pacientes infetados com covid-19 morreram esta segunda-feira no hospital Victor Babes, em Bucareste, na sequência de uma falha no sistema de oxigénio na unidade móvel de cuidados intensivos em que se encontravam, …

Polícia mata a tiro um jovem negro durante julgamento do assassinato de Floyd. Multidão protesta

Um subúrbio de Minneapolis, EUA, onde decorre o julgamento do polícia acusado de matar o afro-americano George Floyd, foi colocado esta madrugada sob recolher obrigatório, após a morte de um jovem na noite de domingo. Um …

Marcelo promulga alterações do Governo a apoios sociais e realça "cabimento orçamental"

O Presidente da República promulgou hoje alterações do Governo ao acesso a apoios sociais, realçando que ao alargar as medidas recentemente aprovadas no parlamento se reconhece "a sua importância também social e o seu cabimento …

Portugal e Espanha vão ter base aérea transfronteiriça para combate a incêndios

A primeira base aérea transfronteiriça entre Portugal e Espanha vai ficar em Verín, no lado espanhol, e permitir o combate aos incêndios florestais na fronteira, num investimento de nove milhões de euros, anunciou hoje a …

Covid-19. Unilabs e Uber disponibilizam serviço de testes no domicílio

A Uber e a Unilabs uniram-se para disponibilizar um serviço de testes de rastreio à covid-19 ao domicílio. A iniciativa arranca esta segunda-feira e permitirá "melhorar a experiência e comodidade dos nossos clientes", disse o …

Mais de 700 civis mortos em Myanmar desde o golpe militar

As forças militares de Myanmar mataram mais de 700 civis desde o golpe de 01 de fevereiro, fazendo pelo menos 82 vítimas na sexta-feira na cidade de Bago, durante uma ofensiva contra os manifestantes. Segundo a …

Operação Marquês. Rio critica "descrédito" da justiça e acusa Marcelo e Costa de "hipocrisia"

Na primeira a reação à decisão instrutória da Operação Marquês, Rui Rio foi duro nos recados que deixou. O líder do PSD disparou em todas as direções e nem António Costa e Marcelo Rebelo de …

Festivais de verão à espera das regras da DGS. Testes e dispensa da máscara podem ser realidade

Numa altura em que Portugal ainda se encontra na segunda fase de desconfinamento, ainda existem algumas incertezas quanto à organização de grandes eventos. Contudo, os promotores de espetáculos já estão a avançar trabalho coma DGS …

Príncipe da Jordânia aparece em público apesar da prisão domiciliária

O príncipe Hamzah, da Jordânia, apareceu no domingo em público pela primeira vez desde que foi colocado em prisão domiciliária, acusado de "conspiração" contra o rei Abdullah II, seu meio-irmão. Segundo noticiou a agência Lusa, o …